Início Notícias Na Chapada do Araripe, Votorantim Energia inaugura Complexo Eólico Ventos do Piauí

Na Chapada do Araripe, Votorantim Energia inaugura Complexo Eólico Ventos do Piauí

45

Marco na produção de energia eólica do país, o projeto proporciona “Novos ares para a região e uma nova energia para o Brasil”

Assessoria de Imprensa Regional Votorantim / Foto: divulgação

Fevereiro de 2018 – A Votorantim Energia inaugura hoje (6), o Complexo Eólico Ventos do Piauí, primeiro empreendimento da Votorantim Energia na área de produção de energia eólica. Com investimentos de R$ 1,1 bilhão, o Complexo é composto por 7 (sete) parques eólicos e formado por 98 aerogeradores, e está situado na região da Serra do Inácio, no município de Curral Novo do Piauí/PI. A programação de inauguração compreende atividades de lazer e sociais para as quatro comunidades do entorno.

Marco da energia eólica para a região, o empreendimento, iniciado em 2016, proporcionou a geração de cerca de 1.000 empregos, priorizando a mão de obra local ao longo de seu desenvolvimento. Há, também, a geração de renda para os arrendatários que possuem aerogeradores instalados em suas propriedades.

Durante a implantação do Complexo Eólico Ventos do Piauí, a Votorantim Energia investiu em projetos sociais nos Estados do Piauí e Pernambuco, além das comunidades vizinhas ao seu empreendimento, com destaque para o PVE – Programa Votorantim pela Educação. E continuará dedicando-se a estas iniciativas ao longo da vida do empreendimento.

“A entrada em operação do Complexo Eólico Ventos do Piauí é um importante marco para a história da Votorantim Energia, contribui para a geração de energia limpa e renovável, além de representar o início de uma nova fase para as comunidades que abrigam este novo empreendimento”, afirma Fabio Zanfelice, presidente da Votorantim Energia.

Os investimentos realizados nas comunidades proporcionaram a implantação de uma série de programas que permitiram o desenvolvimento e a inclusão social, como capacitação para o trabalho, esporte, cultura, gestão pública, qualificação de fornecedores da região, fomento às cadeias produtivas, dentre outros. Os programas observaram como premissa básica a melhoria da qualidade de vida das comunidades com ações sustentáveis e que respeitam a cultura local.

Um dos destaques de desenvolvimento social na região é o programa Parceria Votorantim pela Educação (PVE), que a partir de ações locais realizou quatro ciclos, beneficiando 48 escolas da região e mais de 12 mil alunos, além de revitalizar espaços públicos como praças e bibliotecas municipais.

A Energia produzida pelo Complexo Eólico

Com capacidade instalada de 206 MW, o Complexo Eólico Ventos do Piauí, que produz uma quantidade de energia equivalente a necessária para abastecer uma cidade de 400 mil habitantes, é constituído por 98 aerogeradores Siemens – Gamesa, com potência nominal de 2,1 MW e fator de capacidade[1] de 51,7%.

Respeito ao Meio Ambiente

Todo o projeto do Complexo Eólico Ventos do Piauí foi submetido a um rígido processo de licenciamento ambiental. Assim, foram realizados os Estudos de Impacto Ambiental e o Relatório de Impacto Ambiental, conhecidos como EIA/RIMA.

Sua execução atendeu às exigências da Comissão Nacional de Meio Ambiente, a Conama, para projetos de geração de energia eólica em superfície terrestre.  Além disso, foram realizadas audiências públicas em Curral Novo do Piauí, Betânia do Piauí e Paulistana para apresentar às comunidades o empreendimento e esclarecer possíveis dúvidas.

A Votorantim Energia recebeu das Prefeituras de Paulistana, Curral Novo do Piauí e Betânia do Piauí uma certidão de anuência declarando que os parques eólicos estão de acordo com a Lei de Uso e Ocupação do Solo.

Propriedades com aerogeradores

A Votorantim Energia utilizou critérios técnicos na escolha das áreas para implantação do projeto, incluindo avaliação detalhada do vento local, estudo de posicionamento dos equipamentos e restrições ambientais. O modelo de cooperação com a comunidade consiste no arrendamento e/ou indenização de propriedades juntamente com seus proprietários, para instalação dos aerogeradores e toda a infraestrutura necessária para a produção de energia.

Parques eólicos são uma solução limpa e de baixo impacto ambiental, geram renda para as populações e comunidades onde estão inseridos e requerem o mínimo de uso de terras sem comprometer a utilidade da área pelos seus proprietários. O proprietário da área recebe mensalmente um montante financeiro que é calculado  baseado no número de aerogeradores, instalados em sua propriedade, e na quantidade de energia produzida. Os contratos de arrendamento das áreas possuem prazo de 49 anos, prorrogáveis por mais 22 anos.

Programação de inauguração

Para comemorar a inauguração do Complexo Eólico Ventos do Piauí, a Votorantim Energia programou eventos culturais gratuitos entre os dias 1 e 4 de fevereiro (quinta-feira à domingo) nas comunidades de Socorro, Vila do Mel, Ramada e Cara Branca.

O objetivo é proporcionar alegria, entretenimento e experiências novas, culturais e de lazer para as comunidades da região, como a apresentação da peça “Os Saltimbancos” e a realização de uma oficina de teatro.

A Votorantim Energia também realizará nas comunidades uma Sessão de Cinema com a comédia brasileira “Minha mãe é uma peça”.

Dentre as ações de inauguração, acontece ainda a entrega de um painel artístico, produzido com a técnica de mosaico, elaborado por artistas locais. O painel de mosaico está localizado na área do Complexo Eólico Ventos do Piauí.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.