Início Site

Bolsonaro no enfrentamento a CPI da Mentira

Foto: reprodução

Por Magno Martins

Com prazo para acabar, tendo feito, ontem, as primeiras recomendações para uma investigação mais a fundo, a CPI da Covid, no Senado Federal, criada para concluir que Bolsonaro é genocida e com isso pedir o seu impeachment, está sendo enfrentada no gogó pelo presidente da República. Ao invés de se intimidar, Bolsonaro parte para o confronto.

Falando ontem num evento no Pará, ele disse que seus adversários estão iludidos, achando que vão derrubá-lo. “Não desistiremos, porque o presidente, além de imorrível, é imbroxável também. Não vai ser uma CPI da mentira, onde não se busca a verdade, uma CPI que se ilude achando que vai derrubar o governo federal, um presidente que nunca se furtou ao seu dever de decidir”, disse.

Relator da CPI, o senador Renan Calheiros (MDB-AL) anunciou, ontem mesmo em Brasília, antes do presidente se pronunciar no Pará, os primeiros nomes dos que passarão da condição de testemunhas para investigados pelo colegiado. O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e Eduardo Pazuello, ex-ministro da mesma pasta, estão na relação.

Ainda ontem, para provocar ainda mais a CPI, Bolsonaro voltou a defender o tratamento precoce contra a covid-19. “Recomendo àqueles que por ventura tenham problema com a covid, procurem o seu médico para o tratamento precoce. [Vou] dizer a vocês que eu, lá atrás, tomei hidroxicloroquina, assim como muitos tomaram ivermectina. Isso não mata ninguém”, declarou.

E completou: “Ninguém morreu por causa disso; muito pelo contrário, salva vidas. Não somos coniventes com a indústria farmacêutica, não buscamos lucro”. A Anvisa registrou em abril 9 mortes por uso de medicamentos que compõem o “kit covid”, desde março de 2020. No período, que corresponde ao da pandemia no Brasil, também cresceu o número de reações adversas pelo uso de remédios.

Mais uma vez, o presidente criticou governadores que adotaram medidas restritivas para conter o alastramento da pandemia. E disse que pretende entregar o comando do Brasil a alguém “de direita, conservador, que respeita a família, os seus militares e, acima de tudo, que tenha lealdade ao seu povo”.

No mês do São João, Fuá da Arari 2021 confirma liderança da 90,3 FM em Araripina; assista

Foto: Blog do Roberto Araripina

Todo ano no mês de junho a Rádio Arari FM apresenta o Fuá da Arari, com a participação de sanfoneiros ao vivo animando e fazendo um verdadeiro esquenta virtual do São João 2021, que esse ano novamente não irá acontecer oficialmente em Araripina, devido a pandemia do novocoronavírus.

Na manhã deste sábado (19), a tradição foi mantida e começou com o sanfoneiro Paulinho e o cantor Zé Estrela que estão relembrando os grandes sucessos, puxando o fole ao som do legítimo forró de pé de serra.

Com uma comunicação descontraída, os locutores Erick Lima, que é o gerente de programação da rádio, Fredson Paiva, Roberto Gonçalves, Edivânia Gomes, Robson Moreno e Henrique Faustine estão a alegria do público com interação ao vivo e muitas brincadeiras. A diretora da emissora Daniela Batista também participa da festa. Assista vídeo:

Tudo está sendo transmitido com imagens ao vivo pelo Instagram da Rádio Arari FM (https://www.instagram.com/ararifm903/live/). Para ouvir basta sintonizar na frequência 90,3.

Dupla Bruno e Marrone anuncia show com público para o dia 7 de agosto

Foto: reprodução

A dupla Bruno e Marrone anunciou um show com público para o dia 7 de agosto na cidade de São Paulo. A apresentação ocorrerá no Espaço das Américas.

O show, que acontecerá ainda em meio à pandemia, será um especial de Dia dos Pais e o público ficará em mesas e cadeiras. O anúncio do evento diz que serão seguidas todas as medidas de segurança.

Os ingressos do show começam a ser vendidos já nesta quinta-feira, 17. Recentemente Marrone falou sobre polêmicas com o cantor Bruno em relação ao exagero na bebida e rumores sobre uma possível separação da dupla.

“Acontece nos momentos difíceis (sobre a vontade de deixar a dupla), e não posso dizer que naquele momento ali dá vontade de chutar o balde e abandonar o barco, às vezes. Porque, talvez, eu acho algumas situações um pouco injustas. Mas nessas horas, Deus pega na minha mão e diz: ‘Fica quieto, deixa a poeira baixar’. Mas isso não é brincadeira, não é fácil. Profundamente, ninguém sabe o que está acontecendo, ninguém sabe de nada, mas nessas lives muita gente entendeu”, contou sobre o episódio em que abandonou o palco após Bruno misturar bebida com remédio.

Governador de GO diz que buscas por Lázaro podem levar até um mês, mas que ele não escapará: ‘Está cercado’

Foto: reprodução

Por G1 de Goiania

O governador Ronaldo Caiado (DEM) diz que as buscas por Lázaro Barbosa, suspeito de chacina em Ceilândia, no DF, seguem o máximo de cautela em Cocalzinho de Goiás. A força-tarefa criada para procurá-lo está no 10º dia e conta com mais de 200 policiais.

“Eu pedi o máximo de cautela. Temos tempo. Não precisa atropelar […] Ele está cercado, dentro da circunscrição e não vai escapar de ser capturado. Pode ter 10, 20, 30 dias”, diz Caiado.

O Ministério da Justiça informou que iria enviar homens da Força Nacional para ajudar nas buscas, mas, até esta sexta-feira (18), eles não haviam chegado.

“Houve a promessa do envio de homens da Força Nacional, mas não foi feito oficialmente pelo Ministério da Justiça”, informou o governador.

O G1 solicitou um posicionamento ao Ministério da Justiça, às 19h18, e aguarda uma resposta.

Caiado explica que o fato de Lázaro conhecer a região é uma “vantagem” para que ele possa se deslocar. A polícia procura pelo criminoso dentro de rios e em matas. Segundo a corporação, por ser caçador, ele se esconde com facilidade.

“Qualquer coisa que aconteça, vindo do sujeito, é muito explicável. Ele é assassino. Tudo depende de como é que ele vai se comportar, se vai reagir, ter processo de ansiedade, enfrentar ou continuar. Ele tem a característica do habitat. Ele sabe onde está pisando”, disse.

Segundo o governador, 207 homens da Polícia Militar de Goiás atuam nas buscas a Lázaro. Caiado ressaltou que a orientação é que os trabalhos sejam feitos sem afetar a segurança dos moradores do local.

“Sei da competência dos meus homens e a operação está dentro dos moldes que tem que ser, precipitação não pode haver. Uma coisa é esperar e outra é ter vítima que não tem nada a ver, por alguma ação afoita”, informou Caiado.

“Falta governante em Pernambuco”, diz Armando

Foto: reprodução

O ex-senador Armando Monteiro (PSDB) constata que a última posição de Pernambuco entre os estados com pior ambiente para se fazer negócios no Brasil, divulgada em pesquisa do Banco Mundial, é resultado de uma mentalidade ultrapassada de quem vem governando o Estado e tratando o empreendedor apenas como “alguém de quem se extrai impostos”.

Para Armando, falta uma liderança que promova a verdadeira aliança entre o setor público e o setor empresarial, facilitando a vida de quem empreende.

“Fico impressionado com a nota que o Governo de Pernambuco divulgou para explicar a pior posição entre os estados do País no estudo do Banco Mundial. Ele diz que a única coisa que depende diretamente do Governo é a abertura de empresas e que neste quesito Pernambuco é o 11°. Ou seja, estão festejando o 11° lugar. Mas o pior, pasmem, a nota diz que agora vai priorizar ações de articulação entre município, Judiciário e setor privado. Ora, um governo que depois de 7 anos diz que só agora vai priorizar essas ações, evidentemente confessa a sua total insensibilidade e a sua alienação. Porque quem está no Estado, quem dialoga com os empresários, sabe que o ambiente aqui para empreender é ruim. É ruim para pagar imposto, é ruim para abrir uma empresa. Então, tudo isto deveria ter merecido há muito tempo uma atenção, uma coordenação do Governo do Estado”, afirma Armando Monteiro.

Além de ter exercido por oito anos a presidência da maior entidade do setor produtivo do País, a Confederação Nacional da Indústria (CNI), de 2002 a 2010, Armando Monteiro Neto também presidiu o Conselho Nacional Deliberativo do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), entre 2003 e 2007. Também foi ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, senador da República e deputado federal por três mandatos.

PRF detém homem em Salgueiro com pistola e R$ 47 mil em dinheiro

Foto: divulgação PRF

Policiais rodoviários federais flagraram na noite dessa quinta-feira, 17, na BR-116, no município de Salgueiro, um homem viajando com uma pistola calibre 6,35 mm e R$ 47 mil em dinheiro. O suspeito estava trafegando num caminhão que saiu de Santa Catarina com destino a Patos-PB com outras 14 pessoas.

Segundo a PRF, ele estava na cabine do caminhão baú com outros dois indivíduos. Já na parte de trás do veículo havia 12 pessoas, num compartimento adaptado. Policiais do Grupo de Patrulhamento Tático fizeram uma minuciosa revista e encontraram a arma e o dinheiro.

O suspeito alegou que o recurso financeiro é proveniente de um empréstimo que fez com uma tia para a compra de redes. Em relação à arma de fogo, disse que usa para proteção pessoal. Acabou levado à Delegacia Polícia Civil para prestar maiores esclarecimentos. (Blog do Alvinho Patriota)

Drª Késia Holanda esclarece dúvidas sobre saúde da mulher na Arari FM; ouça

A ginecologista participa do programa Araripina Urgente todas as sextas-feiras/ Foto: arquivo Blog do Roberto

Toda sexta-feira é dia do quadro: ‘Alô Doutora’, do Programa Araripina Urgente com Roberto Gonçalves e a presença da médica Ginecologista Drª Késia Holanda, que nesta sexta (18) esclareceu assuntos importantíssimos sobre a saúde da mulher. A participação das ouvintes acontece via WhastApp com mensagens de texto ou de áudio.

A ouvinte Fernanda que mora no Residencial Nossa Senhora da Conceição, perguntou se é normal ter corrimento após fazer uma conização no útero. Segundo a médica, conização é uma avaliação do colo do útero, onde provavelmente tenha encontrado alguma lesão, o médico então faz esse procedimento cirúrgico para tirar a lesão e fazer a biópsia do útero, que é um exame de diagnóstico empregado na identificação laboratorial de possíveis alterações no tecido de revestimento do útero. O que pode indicar crescimento irregular do endométrio, câncer do colo de útero e infecções.

“Se depois da conização ocorreu um corrimento, tem que ver se é decorrente de uma vaginite, de uma vaginose, de uma candidíase alguma coisa assim, que sim, pode acontecer ou se é alguma infecção, alguma lesão no local onde foi tirado esse cone, procura o médico que fez esse ato cirúrgico e pede uma avaliação do colo do útero”, disse a médica.

A Drª Késia aconselhou as mulheres a não guardarem dúvidas, mas a visitarem o ginecologista com frequência. A Jaíza Mendes está amamentando e não menstruou ainda, ficou com dúvidas se é normal ou não o que está acontecendo com ela.

“Sim, é normal, as regras não virem enquanto a mãe está amamentando, quando você engravidou você começou a produzir um hormônio, que fez você parar de menstruar, o bebêzinho veio e você continuou produzindo, pode ser que esse mesmo hormônio esteja sendo produzido em alto grau e fazendo com que suas regras ainda não tenham vindo, seria a causa mais comum, enquanto existe amamentação, mas se depois de um certo tempo, a menstruação continuar assim, procura o médico ok”, aconselhou a Drª.

Já a Antônia do bairro Alto da Boa Vista questionou se pode engravidar depois dos 46 anos, já que não toma nenhum tipo de contraceptivo.

“Se você não fez laqueadura, o ciclo menstrual ainda vem normal, você não toma nenhuma anticoncepção, não usa preservativo e não faz nenhum método de barreira hormonal, existe sim, a probabilidade de engravidar, um pouco mais remota, mas existe a possibilidade sim”, disse ela.

A Érika também do bairro lato da Boa Vista estava com dúvidas, pois descobriu há dois anos que tinha ovário policístico, fez um tratamento com o ciclo 21, um ano depois uma ultrassonografia vaginal acusou o mesmo problema, ela então continuou se tratando com ciclo 21, após isso voltou a menstruar normalmente, mas para prevenir gravidez, passou a usar o contraceptivo injetável, só que há alguns meses Érika vem enfrentando novos problemas, ela parou novamente de menstruar.

“Então se você teve ovários policísticos estava causando o aumento do fluxo menstrual ou diminuição do fluxo menstrual, ele poderia estar causando um pouquinho mais de cólica, poderia estar com sangramento excessivo, ele poderia ficar causando alguma dificuldade, poderia tá fazendo uma menstruação escassa, Vários policísticos podem trazer inúmeros fatores, inúmeros problemas e tem mulheres que tem ovários policísticos ou micropolicísticos, do jeito que você me falou pelo que eu entendi pode ser causado pelo tipo de contraceptivo que você escolheu, se é mensal ou trimestral”, explicou. Ouça na íntegra:

Brasil aplica mais de 2,56 milhões de vacinas em 24 horas

Foto: reprodução

O Brasil estabeleceu um novo recorde nesta quinta-feira (17) ao aplicar 2.561.553 doses de vacinas contra a covid-19 em 24 horas. O resultado, o melhor desde o início da campanha de vacinação, foi divulgado por meio da plataforma Localiza Sus, abastecida com informações repassadas pelos estados.

Até ontem, mais de 60,38 milhões de brasileiros já tinham tomado a primeira dose do imunizante e cerca de 24,03 milhões as duas doses, superando 84,1 milhões de doses aplicadas.

Hoje (18), ao participar, no Rio de Janeiro, da divulgação da situação epidemiológica na capital do estado, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga disse que a marca atingida nesta quinta-feira é uma demonstração da “força” do Sistema Único de Saúde (SUS).

“Nós ontem aplicamos mais 2 milhões de doses de vacinas. Aqueles que ficam questionando o programa de imunização vão quebrar a cara. Não é fácil aplicar 2 milhões de doses de vacinas”, declarou o ministro, após enfatizar a importância da vacinação da população para a superação da pandemia de covid-19.

Óbitos

“O momento ainda inspira cuidados. Houve uma redução do número de mortes desde que assumi o ministério, mas a média móvel de óbitos, em torno de 2 mil, ainda é alta e temos que reduzir. E a esperança para isso são as vacinas”, acrescentou Queiroga, enfatizando que o governo federal já distribuiu cerca de 109,29 milhões de doses de imunizantes a estados e municípios.

Dr. Marcos Eridijânio deixa o PSOL, retorna ao PT, e diz que Lula é ‘honesto’ e Bolsonaro ‘ladrão’; ouça

Foto: reprodução

O médico petrolinense concedeu entrevista nessa sexta (18) na Arari FM. Em 2018 ele disputou uma vaga na Câmara Federal pelo PSOL obtendo cerca de 6 mil votos

Por Cidinha Medrado

O médico ortopedista, Marcos Heridijanio, da cidade de Petrolina, no Sertão do São Francisco, foi o entrevistado do programa Araripina Urgente, da Rádio Arari FM, com o jornalista Roberto Gonçalves nesta sexta-feira (18). Conhecido por ser competitivo e não ter papas na língua, abordou vários assuntos de cunho social e político, que considera importante discutir, como as mortes por Covid-19 e a morte da menina Beatriz Mota. “No mundo todo morre gente dessa terrível Covid, mas o Brasil é recordista de mortes por milhão de habitantes porque tem uma população que não tem conhecimento e que vai as urnas fazer besteira”, disse.

O médico que recentemente se desentendeu com o PSOL, partido que assumiu depois de desviar-se dos pensamentos da cúpula estadual do PT, está de volta aos Partidos dos Trabalhadores. “Desde criança sou militante da esquerda, nunca fui levado a uma tendência de partido nenhum. Sempre fui do Partido dos Trabalhadores, fui do PSOL, porque fui convidado para compor a majoritária e ser candidato a prefeito de Petrolina, o melhor candidato com mais propostas para tentar eleger a Lucinha Mota mãe da Beatriz que foi covardemente assassinada e até hoje não teve um esclarecimento”, abordou.

Heridijanio também criticou os deputados e vereadores que permanecem no poder há muitos anos. Ele disse que essas pessoas geralmente não fazem muita coisa e fica impedindo as outras. “Não faz nada ocupando os outros, homens sem classe, acusados de crimes que eu chamo de ladrão de galinha. Tem muitos crimes e por isso falta dinheiro, eu vejo isso e nunca fui pego numa falha grave, sempre militei pela verdade”, comentou.

Durante a entrevista, foi defensor ferrenho do ex-presidente Lula e seu filho, acusados de crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.

Após a entrevista muitos ouvintes participaram ao vivo para manifestar opinião sobre alguns assuntos abordados pelo médico.

O ‘Cição’ da Clínica de Sofás, em Araripina, muito conhecido na região, criticou as falas do pré-candidato. “Um homem desse num tá preparado”, disse ele.

O João Muniz que é professor universitário, argumentou sobre o assunto Covid-19. “Diga a esse doutor que não falte com a verdade, dizer que o Brasil é recordista em mortes por habitantes não é verídico. A Argentina superou o número de mortes por milhão, o pior do mundo, e ele não fala porque é ligado a esquerda”, comentou.

“Pensei que ele fosse falar sua especialidade, sobre sua candidatura e não fazer comentários infelizes”, disse a ouvinte Ondina.

Em 2018, Marcos disputou uma vaga na Câmara dos Deputados recebendo cerca de 6 mil votos. Ouça a entrevista na íntegra:

Câmeras registram meteoro em Araripina; veja o vídeo

Polícia Civil incinera 13,5 kg de drogas apreendidas em Araripina; assista

Foto: reprodução

Queima foi feita nesta sexta-feira (15)em uma fábrica de gesso com autorização da justiça

A Polícia Civil de Pernambuco, através da 200ª Delegacia Regional do Araripe, incinerou nesta sexta-feira (18), 13,5 kg de drogas apreendidas em operações em Araripina. A maioria das drogas, 12,3 kg de maconha, 0,520 kg de cocaína e 0,253 kg de crack haviam sido apreendidas em 18 de março de 2021. Outros 0,4 kg de maconha, foi apreendido em 25 de julho de 2019.

Segundo a Polícia Civil, a incineração foi feita após um requerimento da polícia ser autorizado pelo Poder Judiciário, depois que as investigações sobre as apreensões foram encerradas.

O ato foi feito em uma fábrica de gesso da região e contou com a presença de agentes da polícia, assim como de representantes do Ministério Público e um representante da Vigilância Sanitária da Secretaria Municipal de Saúde. Assista vídeo:

Ouça o programa Araripina Urgente de 18/06/2021

Se você perdeu o Araripina Urgente desta sexta-feira, 18 de junho de 2021, programa que é apresentado pelo radialista Roberto Gonçalves de segunda a sexta-feira, das 7h às 9h, pela Arari FM 90,3 e pelo Sistema Beto Som, nas cidades de Parnamirim, Terra Nova, Granito, Moreilândia, Umãs (Salgueiro), e Verdejante e quer ouvir agora na íntegra, é só clicar abaixo:

01- Entrevista 1: Médico ortopedista de Petrolina, Dr. Marcos Heridijanio, deixa PSOL e retorna para o PT. Como já era esperado ele atacou Bolsonaro e defendeu Lula; ouvintes opinaram

02-Entrevista 2: Ginecologista Késia Holanda participa do ‘Fala Doutora’ e tira dúvidas sobre saúde da mulher na Arari FM

03- Jocasta Edjane, nutricionista da Prefeitura de Araripina, fala sobre ação para Regionalização da Alimentação Escolar como oportunidade inclusiva

04-Polícia prende trio acusado de desviar carga de gesso em Araripina

05-Araripina: Casa Neto Pneus alcança mais de 10 toneladas de alimentos doadas para famílias carentes; assista vídeo

06-Calçamento cede e ônibus da Progresso fica ‘atolado’ na Rodoviária de Araripina; assista

07-Araripina inicia vacinação contra Covid-19 em pessoas a partir de 50 anos nessa sexta (18)

08-Lamarth Piancó sobre Trindade: “Em seis meses já crescemos por oito anos”; ouça

09- Bancários de Salgueiro aderem à paralisação em protesto por vacina contra a Covid-19

10-Gonzaga Patriota comemora ritmo acelerado das obras da Transnordestina

11-Senado aprova texto da MP que abre caminho para privatizar a Eletrobras

12-Megaoperação tenta encontrar ‘serial killer’ em GO

13- CPI quer apreensão do passaporte do empresário Carlos Wizard, amigo de Jair Bolsonaro

14-Ouça a opinião de José Maria Trindade, da Rádio Jovem Pan

15-A participação dos ouvintes pelo WhatsApp da Arari FM (87) 9 9191-0116

16-As manchetes dos principais jornais do país, do Blog do Roberto e do Blog do Fredson

17-Confira os resultados dos jogos pelo Brasil e pelo mundo com Eldo Brito

18-Os destaques do programa Rota 903 na Ronda Policial com Fredson Paiva

19-Reflexão do Dia – Um Minuto com Você – com Padre Airton Freire

Coluna da Folha: A bronca de Zé Capacete em Trindade

Foto: reprodução

Por Carlos Britto

Em Trindade, no Sertão do Araripe, a política ganhou um novo capítulo. O ex-candidato a prefeito Zé Capacete, presidente municipal do Partido Progressista (PP), apresentou denúncia ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE) contra a gestão da prefeita eleita, Helbinha de Rodrigues (PSL).

O próprio Zé Capacete divulgou um vídeo nas redes sociais em que apresenta denúncias relacionadas a uma contratação de empresa de coleta de lixo urbana. Ele sustenta que só neste caso a prefeitura gastou quase R$ 4 milhões. “Isso sem falar na absurda licitação no valor estimado em R$ 12 milhões, que segundo eles [a gestão], é para compra de medicamentos”, declarou.

Ele questiona ainda que cidades do mesmo porte de Trindade praticam valores menores para os mesmos serviços. Não achando pouco, ele ainda denunciou o processo licitatório para a compra de oxigênio em mais de R$ 900 mil, lembrando que em anos anteriores Trindade pagava um valor mensal de R$ 20 mil, e atualmente paga a uma nova empresa mais de R$ 219 mil.

Helbinha de Rodrigues e Zé Capacete disputaram a última eleição em Trindade, juntamente com João Andrade do PSC. Ela obteve 10.869 votos, enquanto Zé Capacete conseguiu 6.062 votos e João Andrade 192 votos.

Lázaro escapa mais uma vez da polícia

Foto: reprodução

A força-tarefa criada para procurar Lázaro Barbosa de Souza, suspeito de ser um serial killer, fez um cerco na zona rural de Cocalzinho de Goiás na tarde de ontem, nono dia de buscas, mas não conseguiu prender o fugitivo. Dezenas de policiais civis, militares, federais e rodoviários foram mobilizados em um campo no povoado de Girassol, ao lado de uma estrada de terra, no fim da tarde. Os policiais que estavam no local informaram que houve troca de tiros. A ação durou cerca de uma hora, mas não teve sucesso.

De manhã, o secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, havia dito que a polícia estava chegando “cada vez mais perto” de Lázaro, que estaria “cometendo erros”:

— Estamos acreditando que ele está mantendo o padrão, mas está a cada dia mais desgastado e cometendo erros. Nesse erro que nós vamos pegar ele. (Extra)

Quebradeira nos restaurantes

Foto: reprodução

Por Magno Martins

Dos mais de 1 milhão de bares e restaurantes que existem no Brasil, mais de 300 mil fecharam as portas de vez por causa da pandemia do novo coronavírus. Na cidade de São Paulo, 30 mil dos mais de 70 mil estabelecimentos existentes fecharam, de acordo com uma pesquisa feita pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), só no ano passado. Em Belo Horizonte, onde o isolamento está sendo mais demorado, a proporção é bem maior.

Segundo a mesma instituição, cinco mil dos 12 mil bares e restaurantes de BH fecharam, ou seja, um a cada três deixou de operar. O mesmo aconteceu na cidade do Rio do Janeiro: 40% dos estabelecimentos deixaram de funcionar, ou três mil dos 10 mil estabelecimentos. Atualmente, 73% dos bares e restaurantes no Brasil que resistiram, já retomaram as atividades.

Desses, 18% estão atuando só com delivery ou comida para viagem. Cerca de 38% estão com serviço à lá carte e só 21% funcionam com o bufê. O faturamento está menor do que o esperado para 71% dos empreendimentos. As receitas estão em queda, uma vez que parte dos gastos dos consumidores se reduziu: para 39%, o tíquete médio por compra está igual ou maior do que antes da pandemia. Ou seja, 61% dos consumidores estão gastando menos.

Com a queda nas receitas, também cai o número de vagas oferecidas pelos bares e restaurantes. Cerca de 51% estão trabalhando com menos da metade dos funcionários que tinham antes de a reabertura ser permitida e 64% não pretendem voltar a contratar no momento, mesmo com o retorno às atividades.

Araripina: Bares e restaurantes poderão funcionar até 22h nos dias de semana e até 21h nos finais de semana e feriados a partir de segunda (21)

Foto: reprodução

A partir da próxima segunda-feira (21), Pernambuco passa a adotar novas medidas em relação à Covid-19. A principal mudança é a ampliação do horário do comércio e outros serviços, como bares, restaurantes. Esses estabelecimentos poderão funcionar até 22h nos dias de semana e até 21h nos finais de semana e feriados.

A exceção é a terceira macrorregião, que corresponde ao Sertão do Moxotó e ao Sertão do Pajeú, que estão em regime mais rígido até o próximo dia 27. Nessa área, os estabelecimentos poderão funcionar até 18h, tantos nos dias úteis quanto aos finais de semana.

No Banner to display

Araripina: Missas e cultos poderão ocorrer até 22h nos dias de semana e até 21h nos finais de semana e feriados

Foto: reprodução

Como foi anunciado ontem aqui no blog, o Governo de Pernambuco liberou a partir de segunda-feira (21), a realização de cultos e celebrações em novos horários.

Em Araripina e região, as atividades religiosas poderão ocorrer até 22h nos dias de semana e até 21h nos finais de semana e feriados.

Polícia prende trio acusado de desviar carga de gesso em Araripina

Foto: 9ª CIPM

Nessa quinta feira (17), policiais militares da 9ª CIPM tforam informados a respeito de um carregamento de gesso que estava sendo desviado dentro de um galpão na zona rural de Araripina. Ao chegar no local, o efetivo deparou-se com três elementos que faziam o transbordo da carga de um caminhão para outro.

Após a polícia entrar em contato com o proprietário do carregamento, foi constatado que ele não sabia que estava sendo lesado e que teria sido informado que sua mercadoria estaria na cidade de Petrolina, seguindo para o destino esperado.

Segundo a polícia, um dos elementos apresentou uma CNH com indícios de falsidade, que foi confirmado posteriormente. Todos os envolvidos foram apresentados na DPC, juntamente com uma mulher, que se apresentou como proprietária do galpão onde aconteceu o fato, para que as devidas providências.

O veículo Scania de cor vermelha ano 1997 e placa KJO 0A77, ficou apreendido.

Senado aprova texto-base para privatização da Eletrobras

Foto: reprodução

Medida deve voltar para a Câmara após mudanças dos senadores; texto tem que ser chancelado pelo Congresso até o próximo dia 22 para não perder a validade

O texto-base da Medida Provisória (MP) que viabiliza a privatização da Eletrobras foi aprovado pelo Senado nesta quinta-feira, 17, após uma série de debates e alterações na versão chancelada pela Câmara dos Deputados. A proposta recebeu o aval de 42 senadores, enquanto 37 se posicionaram contrários. Como os senadores passaram a MP com alterações, o texto volta para nova votação dos deputados. A pauta deve ser aprovada pelo Congresso até o próximo dia 22 para não perder a validade. A votação da MP estava prevista para quarta-feira, 16, mas foi adiada em meio as negociações com diferentes frentes parlamentares para garantir a aprovação. O relator, senador Marcos Rogério (DEM-RO), alterou parte do seu parecer nesta amanhã. Entre as mudanças, ele retirou a emenda que determinava a contratação de usinas termelétricas como condicionante ao processo de venda e subsídios ao carvão até 2035.

O texto foi aprovado pela Câmara dos Deputados em 20 de maio após mudanças nos destaques. A MP 1031 foi encaminhada pelo governo federal em fevereiro deste ano, na terceira tentativa da União desde 2018 em privatizar a empresa. O texto prevê a capitalização da Eletrobras com a emissão de novas ações no mercado financeiro. A União, atual detentora da maior parte dos papéis da empresa, não poderá participar dessa compra, resultando na redução da sua fatia para menos de 50%. Apesar de deixar de ser o acionista majoritário, o governo federal terá uma golden share, como são chamadas as ações especiais que dão poder de veto em decisões estratégicas. O texto ainda determina que nenhum acionista poderá reter mais de 10% do capital votante da empresa e que os funcionários demitidos no primeiro ano após a capitalização possam usar a rescisão para comprar ações pelo preço que tinham antes da publicação da MP.

Lázaro está cercado por policiais em uma área de 10 a 15 km², diz secretário de Segurança Pública de Goiás

Foto: reprodução

Policiais contam com três helicópteros, cães farejadores, drones e ferramentas de visão noturna e térmica

Por Jovem Pan

Durante o nono dia de buscas pelo suspeito Lázaro Barbosa, nesta quinta-feira, 17, os agentes das forças de segurança contam com a ajuda da Força Nacional. Até então, mais de 200 policiais atuavam para capturar o “serial killer”. O reforço, oferecido pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, mobilizou mais 20 homens para a ação na região de Goiás e do Distrito Federal (DF). Com isso, a força-tarefa montada em Cocalzinho reúne equipes da Polícia Militar (PMDF), da Polícia Rodoviária Federal (PRF), da Polícia Federal (PF), da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) e da cavalaria. Eles estão equipados com três helicópteros, cães farejadores, drones e ferramentas de visão noturna e térmica – todos os apartados são usados com o direcionamento de profissionais da inteligência.

As autoridades acreditam que estão próximas de encontrar o acusado do assassinato de uma família inteira no DFque ocorreu na última semana. Com informações de moradores da região, policiais estabeleceram um perímetro para efetuar as buscas em Cocalzinho de Goiás. As últimas atualizações indicam que Lázaro teria sido visto por locais recentemente. “Recebemos duas informações, que estão sendo checadas, e estamos delimitando a área. Vamos ver se dessa vez a gente tem sucesso em encontrar esse sujeito e tirá-lo daqui. Duas pessoas o avistaram. Já estivemos no local, as informações são muito boas e a nossa inteligência está fazendo filtros para ver se realmente conferem, mas independente disso nosso time de operações está todo na rua, literalmente caçando esse sujeito”, disse o secretário de Segurança Pública do Estado de Goiás, Rodney Miranda, em coletiva de imprensa.

De acordo com Rodney Miranda, Lázaro está cercado pelos agentes em uma área de aproximadamente 10 a 15 km². “Estamos apertando cada vez mais o perímetro. Não deixaremos a ansiedade tomar conta. Temos um roteiro a seguir e objetivos claros, entre eles não deixar o sujeito fazer mais vítimas. Conteremos o suspeito no perímetro, vamos apertar o cerco e proteger os policiais”, completou. As autoridades enfrentam dificuldades para encontrar o “serial killer” porque ele passa seus dias de fuga pelo mato e conhece há tempos a região.