Início Site Página 3

Mais de 197 mil agricultores familiares receberão benefício do Garantia-Safra

Foto: divulgação

O pagamento será feito em parcela única de R$ 850 em 249 municípios de oito estados

Mais de 197 mil agricultores familiares, em 249 municípios de oito estados, receberão o pagamento do Garantia-Safra referente à safra 2019/20. A Portaria SPA/MAPA nº 2, que determina o benefício, foi publicada nesta segunda-feira (18) pela Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Neste mês, receberão o pagamento agricultores de Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco e Piauí. O montante autorizado chegará a mais de R$ 168 milhões.

Diante do cenário imposto em relação à Covid-19, será mantida, de forma excepcional, a antecipação do pagamento das parcelas do benefício Garantia-Safra, na safra 2019/2020. O pagamento será feito integralmente em parcela única de R$ 850.

O Garantia-Safra tem como objetivo garantir a segurança alimentar de agricultores familiares que vivem em regiões sistematicamente com estiagem ou enchente, levando à perda da safra.

Têm direito a receber o benefício os agricultores com renda mensal de até um salário mínimo e meio, quando tiverem perdas de produção igual ou superior a 50%. O Garantia-Safra é disponibilizado obedecendo o calendário de pagamento dos benefícios sociais.

Notificação de agricultores com benefício bloqueado

Com a disponibilização do serviço “Solicitar Requerimento de Defesa após Bloqueio do Benefício Garantia-Safra”, na plataforma gov.br, os agricultores que tiveram a concessão do benefício bloqueado nos municípios autorizados a efetuar o pagamento em janeiro deste ano, devem cumprir as orientações dispostas na Portaria nº 25, de 8 de julho de 2020, para regularização do benefício.

Caso o benefício esteja bloqueado, o agricultor deve acessar o perfil no Sistema de Gerenciamento do Garantia-Safra e verificar o motivo do bloqueio por meio da notificação que consta na plataforma. O agricultor terá até 30 dias após a publicação da portaria que autoriza o pagamento do benefício para se manifestar quanto ao bloqueio.

A relação dos agricultores com benefício bloqueado, de forma cautelar, será encaminhada pelas coordenações estaduais aos gestores municipais.

Com informações do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

Vacinas devem chegar nesta terça-feira (18) no Sertão do Araripe

Aterrissou no Recife (PE) na noite desta segunda-feira (18), a aeronave trazendo o primeiro lote da CoronaVac, vacina do Instituto Butantan contra a Covid-19. Ao todo são 270 mil unidades do imunizante, que serão aplicadas, em duas doses, em 129 mil pessoas de grupos prioritários.

A vacina chegou num Boeing 767 operado pela companhia aérea Latam, que transporta carga e passageiros. O avião saiu às 16h22 de Guarulhos, na Grande São Paulo, e pousou na capital pernambucana às 19h29.

O lote, depois de liberado no aeroporto, seguiu para a sede do Plano Nacional de Imunização em Pernambuco, no bairro de Casa Amarela, Zona Norte do Recife. O transporte foi acompanhado pela Polícia Federal (PF).

No local, as doses serão catalogadas, contabilizadas e separadas para serem enviadas às 12 Gerências Regionais de Saúde (Geres) de Pernambuco. A previsão é de que as doses cheguem a todas as Geres em até 24 horas é que, assim, todos os municípios possam buscar as vacinas que lhe cabem.

O primeiro

A primeira pessoa a ser vacinada, em Pernambuco, deve ser um profissional de saúde do Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), no bairro de Santo Amaro, no Centro do Recife. A unidade é referência no tratamento de doenças infectocontagiosas e recebeu os primeiros casos, suspeitos e confirmados, de coronavírus do estado.

O governo informou que as doses direcionadas a profissionais de saúde na ponta do tratamento da Covid-19 poderiam ser aplicadas durante diferentes turnos, nas unidades que funcionam com emergência 24 horas, por exemplo. Durante todo o dia, o governo se reuniu com representantes dos municípios para definir a quantidade de vacinas enviadas a cada um deles é o esquema a ser utilizado em cada localidade. (Fonte: G1-PE)

Fernando Filho atende prefeitos do Agreste

O deputado federal Fernando Filho (DEM) recebeu, hoje, no Recife, a visita de prefeitos e lideranças políticas de cidades do Agreste Setentrional pernambucano. Nos encontros, o parlamentar fortaleceu parcerias e estabeleceu novas alianças bem como ouviu dos gestores as demandas e os desafios das suas respectivas cidades.

Prefeito de Orobó, Biu Abreu conversou com o deputado sobre a destinação de novos investimentos para o município. O prefeito destacou que esses recursos serão aplicados em obras já em andamento e para contemplar outras intervenções, que já estão sendo planejadas. Na visita, o prefeito esteva acompanhado do ex-prefeito e atual secretário de Governo de Orobó, Cleber Chaparral.

No comando da Prefeitura de Casinhas, Juliana Chaparral expôs ao parlamentar um panorama de como encontrou a cidade no último dia 1º e apresentou ações para ajudá-la a administrar o município.

O prefeito de João Alfredo, Zé Martins, apresentou suas dificuldades e os anseios para sua gestão. No ofício entregue ao deputado, o gestor pleiteia recursos para obras de pavimentação, aquisição de máquinas e equipamentos e para a saúde. “Acredito na capacidade de trabalho do grupo, na disposição do deputado Fernando Filho e do senador Fernando Bezerra de ajudar os municípios”, destacou o gestor.

O deputado Fernando Filho colocou o seu mandato à disposição para auxiliar os gestores. “Muito feliz em ampliar o trabalho que a gente já vem realizando em Orobó e, agora, sendo estendido para Casinhas. Com Machados e João Alfredo, estamos tendo essa grande oportunidade de conversar sobre as necessidades desses dois municípios. A partir do retorno das atividades em Brasília, vou trabalhar para viabilizar os recursos e ajudar as cidades”, assegurou o deputado.

Hospital e Maternidade Santa Maria finaliza 2020 com mais de 54 mil atendimentos

Foto: reprodução

Por Vera Cruz Comunicação

O Hospital e Maternidade Santa Maria (HMSM), localizado em Araripina, no Sertão Pernambuco, realizou no ano de 2020, 54 mil atendimentos em diversas áreas de atuação da unidade hospitalar. Gerido pelo Instituto Social das Medianeiras da Paz, o HMSM é o principal hospital da região do Araripe Pernambucano que possui quase 330 mil habitantes.

Os atendimentos do Sistema Único de Saúde – SUS, contemplam o atendimento de urgência e emergência, consultas eletivas, ambulatoriais, com procedimentos, obstétrica e fisioterapia, além dos internamentos, partos e Raio-X.

Em um ano marcado pela pandemia da Covid-19, o HMSM também colocou em funcionamento 30 leitos de UTI e mais 60 leitos intermediários para Síndrome Respiratória Aguda Grave – SRAG. Somente a área de Covid realizou quase 5 mil consultas e internações.

De acordo com a vice-diretora do HMSM, irmã Fátima Alencar o ano de 2020 foi um dos mais desafiadores para a saúde pública. Ela destaca o compromisso dos profissionais de saúde que integram o HMSM. “O ano de 2020 ficará marcado pela pandemia da Covid-19, porém o hospital não parou de atender todas as outras demandas. Foi um ano de superação que com a graça de Deus foi coroado com a chegada da vacina nos primeiros dias de 2021. Só temos a agradecer aos nossos profissionais de saúde pela dedicação em salvar vidas”, afirma.

Governadores isolam Doria após tucano antecipar vacinação

Após o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), ter iniciado a vacinação contra a Covid-19 antes dos demais estados, parte dos governadores decidiu se alinhar ao governo de Jair Bolsonaro para isolar o tucano paulista. E isso deve ter reflexos, inclusive, nas eleições de 2022.

Nesta segunda-feira (18) pela manhã, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, resolveu antecipar o Programa Nacional de Imunização (PNI) contra a Covid-19 após conversa com os governadores, no aeroporto de Guarulhos, São Paulo. Dessa forma, os demais estados poderão começar a vacinação a partir desta 17h desta segunda-feira.

“Combinamos com os governadores de acelerar todo o cronograma. O cronograma inicial era a logística hoje [segunda, de repasse das doses da União para os estados]. Amanhã [terça], a logística [era] dos estados para o município, e na quarta-feira o início [da vacinação]. Os governadores solicitaram que, assim que chegassem aos estados, eles tivessem a liberdade de iniciar a vacinação”, afirmou Pazuello durante a solenidade.

Em caráter reservado, dois governadores afirmam à Gazeta do Povo que o fato de João Doria ter antecipado a vacinação em São Paulo criou um mal-estar. E por um motivo relativamente simples. Enquanto Doria “colhia os louros” pela primeira imagem de uma pessoa vacinada no país, os demais governadores estavam sendo cobrados por suas respectivas bases eleitorais, por aliados políticos e gestores de saúde por também não terem iniciado seus respectivos programas de imunização.

A cobrança nas bases foi tanta que alguns governadores – inclusive de partidos adversários ao do presidente, como o do Piauí, Wellington Dias (PT), e do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT) – passaram a endossar o programa de imunização do governo federal e a tecer críticas ao governador paulistano.

Houve também bate-boca entre gestores nos grupos de WhatsApp de secretários de Saúde e dos governadores. “Assim que chegar ao nosso estado iremos começar imediatamente a vacinação. Uma luta que valeu a pena e vai beneficiar todos os brasileiros”, celebrou o governador do Piauí, Wellintgon Dias, na manhã desta segunda-feira (18).

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), tem sido um dos porta-vozes da insatisfação com Doria. Ele chegou a afirmar nesta segunda-feira que o governador de São Paulo colocou os demais estados em situação desfavorável. “É um gesto [a vacinação] que coloca os outros governadores numa situação de segunda categoria. O gesto é muito importante na vida pública. Uma situação de saúde pública não pode ser transformada num processo de campanha”, disse Caiado.

Já o governador de Amazonas, Wilson Lima (PSC), recusou antecipar 50 mil doses oferecidas emergencialmente por Doria no domingo. O governador paulistano queria fazer um gesto de solidariedade ao Amazonas, estado que passa por uma crise sanitária por causa da segunda onda da Covid-19 na qual falta oxigênio nos hospitais. Mas Lima teve receio de que esse gesto poderia comprometer sua relação com o governo federal.

Nesta segunda-feira, porém, o governo federal disponibilizou 256 mil doses ao Amazonas. Além dessas, o governador aceitou as 50 mil prometidas pelo governo de São Paulo. “Assim que a vacina chegar, estamos preparados para começar o processo de imunização, principalmente na capital que é onde há uma maior incidência de casos”, ressaltou Lima.

Aliados avaliam não apoiar tucano em 2022 por causa de suas atitudes
Nos bastidores, alguns governadores de partidos que são historicamente aliados do PSDB e até mesmo membros do tucanato admitem que Doria tem ido com “sede ao pote” na disputa contra o governo federal diante dessa corrida pela paternidade do programa de imunização contra a Covid-19.

Por causa disso, setores do DEM já admitem que terão resistência a endossar uma eventual aliança com o PSDB, caso Doria faça parte da cabeça de chapa em uma disputa presidencial em 2022.

Atualmente, o DEM discute a possibilidade de lançar candidato próprio na eleição presidencial. Mas sem um nome de consenso ou que de fato tope entrar em uma disputa pelo Planalto, alguns membros do partido já admitem que a sigla pode se aliar ao PSDB nas próximas eleições gerais.

Roberta Arraes recebe prefeito de Moreilândia, Teto Teixeira e anuncia emenda para a compra de ambulância UTI

Foto: divulgação

A deputada Roberta Arraes recebeu em seu gabinete, na manhã de hoje (18), o prefeito do município de Moreilândia, Teto Teixeira.

Na ocasião, a parlamentar informou a destinação de uma emenda parlamentar para a aquisição de uma ambulância UTI para a cidade.

Ainda na oportunidade, o prefeito conversou com a deputada sobre algumas necessidades, como a aquisição de equipamentos para a saúde e em demais setores, destacando ações para a agricultura, como aração de terra, perfuração de poços, entre outros.

Roberta afirmou que a emenda destinada já é o início do trabalho de muito compromisso para com os moreilandenses.

“Estarei junto ao prefeito Teto trabalhando para levar grandes ações para o desenvolvimento da cidade. A emenda que destinei agora para a compra da ambulância UTI será de extrema importância para população, principalmente neste momento da pandemia da COVID-19, e é apenas o começo de muitas conquistas que juntos levaremos para a região”, afirmou Roberta.

Vacinas devem chegar a Pernambuco na noite desta segunda-feira (18)

Foto: Aluísio Moreira/SEI

Governo do Estado assegurou que, 24 horas após a chegada das doses ao Recife, todas as 12 Gerências Regionais de Saúde terão o imunizante à disposição dos municípios

O Governo de Pernambuco vai iniciar nesta segunda-feira (18.01) a distribuição das mais de 270 mil doses da vacina CoronaVac – contra o novo coronavírus – aos municípios assim que cheguem ao Estado. A previsão é que essas doses iniciais sejam recebidas em Pernambuco às 19h40 de hoje, de acordo com informações da Superintendência do Ministério da Saúde. Em 24 horas, as doses deverão chegar às 12 Gerências Regionais de Saúde (GERES), responsáveis por encaminhar as vacinas aos postos de saúde dos municípios. A ação de distribuição envolve uma operação com cinco mil profissionais do efetivo da Secretaria de Defesa Social (SDS), incluindo servidores das Polícias Militar, Civil e Científica e do Corpo de Bombeiros Militar. Inicialmente cerca de R$ 1 milhão será investido na iniciativa, envolvendo escolta, logística, mapeamento e policiamento nas rotas, além de viaturas e insumos.

Sob a coordenação da Secretaria Estadual de Saúde (SES) – por meio do Comitê Estadual de Vacinação, interligado ao Centro Integrado de Comando e Controle Regional da SDS (CICCR) – as doses entregues pela Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal ao Governo de Pernambuco (em deslocamento do Aeroporto do Recife), após inspecionadas e separadas, partirão com destino às 12 GERES do Estado.

Segundo o secretário estadual de Saúde, André Longo, na tarde desta segunda-feira haverá uma pactuação com os municípios para escolha dos grupos prioritários, que receberão essas primeiras doses. “Essas vacinas vão atender, no primeiro momento, parte dos trabalhadores de saúde, algo em torno de 30%. Serão priorizados os que estão na linha de frente, atendendo à Covid-19. Além disso, estão incluídos idosos com mais de 60 anos em Instituições de Longa Permanência, como os asilos, além de deficientes internados em instituições e indígenas aldeados”, explicou Longo.

O Plano Nacional de Imunização (PNI) estabeleceu que o grupo prioritário 1 englobaria idosos com mais de 75 anos, indígenas aldeados, idosos com mais de 60 anos que moram em asilos e profissionais de saúde. Em Pernambuco, isso corresponde a 630 mil pessoas. Para garantir as duas doses a todos eles, seriam necessárias 1.260.000 vacinas. Como o Ministério da Saúde está enviando 270 mil doses para Pernambuco neste lote, não será possível atender o primeiro grupo prioritário por completo. Por isso, a nova recomendação do Ministério é que essas primeiras doses sejam destinadas a profissionais da saúde que atuem na ponta, idosos que vivem em asilos, pessoas com deficiência que vivam em instituições de longa permanência e indígenas aldeados.

Serão utilizados na logística de distribuição seis caminhões, sendo quatro refrigerados, adequados para longas distâncias. Os veículos não refrigerados não ensejam qualquer risco às vacinas, pois elas estão armazenadas em caixas térmicas a uma temperatura entre 4 a 8º, garantindo uma durabilidade de no mínimo 48 horas.

“Há um planejamento cuidadoso por parte de todos os órgãos envolvidos na operação. Isso visa garantir a segurança no transporte e armazenamento das vacinas, para que elas cheguem à população nas condições ideais, conforme o calendário de aplicação nos grupos prioritários. A Polícia Militar, dentro do seu escopo, tem toda a estrutura para fazer não só a segurança da logística desse transporte, mas também de onde vão ficar armazenadas as vacinas e os locais de vacinação. Teremos, assim, um apoio ostensivo das polícias nesse trabalho de presença nos locais”, ressaltou o secretário de Defesa Social, Antonio de Pádua.

Desde a última quarta-feira (13.01), as operativas da SDS já estão atuando na escolta dos carregamentos de seringas e agulhas, material que será utilizado nos postos de saúde para vacinar a população de Pernambuco. Essa operação serviu de teste para a logística das doses, de modo que a entrega ocorra de forma rápida e eficiente.

Fotos: Aluísio Moreira/SEI

“Araripina está preparada”, diz Pimentel sobre início da vacinação contra covid-19; ouça

Foto: Blog do Roberto

O prefeito de Araripina, Dr. Raimundo Pimentel (PSL), disse em entrevista por telefone nesta segunda-feira (18) na Rádio Arari FM, que a humanidade vive um momento histórico com o início da vacinação contra o novo coronavírus. De acordo com o gestor, o município está preparado para iniciar a imunização, e esse é o caminho que se tem para a cura da doença.

“A covid-19 causou um verdadeiro flagelo em toda a humanidade com mais de 2 milhões de mortos no mundo e cerca de 200 mil vítimas no Brasil. É muita vida perdida pra esse vírus, e esse é o caminho que se tem para a cura da doença. Graças a Deus a vacina está sendo disponibilizada e Araripina está preparada para iniciar a vacinação. A Anvisa já autorizou o uso, já tivemos os primeiros brasileiros vacinados e agora é esperar a vacina chegar, com a expectativa de iniciar a imunização na próxima quarta-feira (20)”, explicou. Ouça:

Grupos prioritários

Na primeira fase serão vacinados todos os trabalhadores do sistema de saúde e os idosos acima de 80 anos e, em seguida, de 75 a 79 anos. Para o púbico idoso será oferecido o serviço de vacinação em domicílio. A segunda fase da vacinação contempla as pessoas com idade entre 70 e 74; 65 e 69 e 60 e 64 anos. Em seguida, na terceira fase, as pessoas com comorbidades atestadas. A vacina será aplicada em duas doses com intervalo de 30 dias entre as doses.

Todos os postos de saúde de Araripina e o Centro de Saúde terão vacinas à disposição do público de cada fase. Além disto serão montados três Centros de Vacinação: na Praça da Igreja, na AEDA e na Academia da Saúde – no Alto da Boa Vista.

Cab Motors quer assumir unidade da Troller no Ceará

Foto: reprodução

A empresa “Cab Motors – Indústria Automobilística”, através de seu presidente, Antonio Souza, protocolou, na manhã de hoje, na Prefeitura de Horizonte (CE) e na Secretaria de Desenvolvimento do Estado do Ceará, uma manifestação de interesse em assumir as instalações e, consequentemente, a manutenção dos mais de 400 empregos diretos, gerados pela a empresa Troller.

A empresa de propriedade da montadora Ford, que anunciou a sua saída imediata da cidade de Taubaté (SP) e da unidade de Camaçari (BA), comunicou que, no quarto trimestre, também finalizará as atividades no estado do Ceará, com o fechamento da unidade Troller, na cidade de Horizonte.

Se a iniciativa for aprovada, a Cab Motors assumirá as instalações, os empregos e instalará uma nova montadora no Norte e Nordeste. (Blog do Magno)

Nunca se mentiu tanto e se roubou tanto

O bicho-grilo Adalbertovsky lembra que havia um ditado nos tempos inocentes: “Nunca se mentiu tanto como antes dos casamentos, durante as guerras e depois das pescarias”. Bobagem. Nos tempos pecaminosos de agora convém fazer um upgrade do arsenal de mentiras. As mentiras dos pescadores são inocentes e até divertidas. As mentiras dos namorados e apaixonados são românticas e fazem bem ao coração. Tipo assim. Oh musa bela, você é uma abelha-rainha, meu coração por ti gela! Somente os apaixonados sabem os seus segredos. As musas mexem com nossas emoções e acalentam nossos corações. Ah, saudades!

“Nunca se mentiu tanto e se roubou tanto quanto nestes tempos de pandemia. As mentiras da guerra, sim, são a perdição da humanidade. E continua-se mentindo no Facebook, no Instagram, no Twitter, nas redes sociais e nas redes antissociais. A mentira tem pernas longas e cabeludas”.

“Em novembro 2020  uma secretária bandida da saúde foi presa em Manaus durante Operação Sangria da Polícia Federal. O governador foi alvo de busca e teve bens bloqueados pela Justiça. Hoje, entre outros fatores, a saúde do Estado do Amazonas está em colapso por falta de cilindros de oxigênio para alimentar os respiradores. A secretária bandida já está solta e respira o oxigênio da natureza com ajuda das leis garantistas da impunidade. Na China seria fuzilada e a família pagaria o preço da bola. Responsabilizar hoje o Governo federal pelo caos é desonestidade intelectual”.

“Donald Trump reclamou que houve fraudes nas eleições dos Estados Unidos. Foi vetado, “per omnia saecula saeculorum”, até a consumação dos séculos, na rede social Twitter. O ditador Nicolas Maduro da Venezuela, é vermelho de guerra, tá liberado sem censura. O ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-un, prometeu reforçar o arsenal nuclear do seu país “com o fim pacífico de destruir” o “Grande Satã” capitalista. Permanece incólume nas redes sociais”.

“Comandadas por aiatolás globalistas, as redes antissociais se convertem em novos tribunais de Nuremberg para castigar os transgressores da NOM – a Nova Ordem Mundial, urucum vermelho de guerra”. A cantoria do bicho-grilo Adalbertovsky está postada no Menu Opinião. Metam os peitos!

Governadores do Nordeste

Os nove governadores do Nordeste, incluindo Paulo Câmara, de Pernambuco, podem ser responsabilizados pelo maior assalto aos cofres públicos com o dinheiro federal destinado a salvar vidas no enfrentamento à Covid-19.

Eles assinaram em conjunto um papagaio da ordem de R$ 50 milhões para compras de respiradores de porcos, iguais aos do Recife, sem autorização da Anvisa. A empresa vendedora tem dois servidores e capital de giro de apenas R$ 100 mil.

Em entrevista, o coordenador da CPI aberta pelas assembleias legislativas do Nordeste, Davi Maia (DEM-AL), disse que se depara, ao longo da apuração, com um escândalo numa proporção maior do que está cassando o governador do Rio de Janeiro e está sugerindo que a investigação seja federalizada.

“Só assim, teríamos condições de levar esses governadores a responder pelo crime que cometeram”, afirmou.

Confira os números da covid-19 nesta segunda-feira (18) em Araripina e região

Foto: Blog do Roberto

O município de Araripina tem 3.287 confirmações da Covid-19 nesta segunda-feira (18), com 3.095 curas e 53 mortes. Exu tem 1.786 casos da Covid-19, com 1.627 curas e 21 mortes. Já em Bodocó tem 1.190 confirmações da Covid-19, com 988 curas e 14 mortes. Ouricuri tem 901 registros, com 802 curas e 29 mortes.

Trindade tem 670 casos confirmados, com 644 curas e 24 óbitos em função do novo coronavírus. Ipubi chegou a 531 casos do novo coronavírus, 462 pacientes recuperados e 26 mortes. Santa Cruz tem 283 registros, com 258 curas e quatro mortes.

Sertão Central

Salgueiro tem 2.971 casos, com 2.485 curas e 58 óbitos por Covid-19 no município. Cedro tem 744 casos confirmados, com 706 curas e cinco óbitos. Parnamirim tem 584 casos, com 532 curas e 15 mortes. .

Terra Nova tem 447 casos confirmados, 407 recuperados da doença e seis mortes. Serrita apresenta 257 casos confirmados, 244 recuperados e 10 óbitos.

Economia: Prévia do PIB apresenta melhora de outubro para novembro de 2020

Divulgado mensalmente, o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) é considerado a prévia para o valor do desempenho do Produto Interno Bruto do Brasil. A divulgação do resultado do indicador feita pela entidade financeira nesta segunda-feira, 18, aponta para o crescimento de 0,59% — quando os meses de novembro e outubro de 2020 são comparados.

Na perspectiva para o acumulado dos últimos doze meses, no entanto, o IBC-Br apresentou queda de 4,15% e, no balanço para 2020, uma baixa de 4,63%. Na comparação entre novembro de 2020 e 2019, verificou-se a redução de 0,83%.

Ouça o programa Araripina Urgente de 18/01/2021

Foto: reprodução

Se você perdeu o Araripina Urgente desta segunda-feira, 18 de janeiro de 2021, programa que é apresentado pelo radialista Roberto Gonçalves de segunda a sexta-feira, das 7h às 9h, pela Arari FM 90,3 e pelo Sistema Beto Som, nas cidades de Parnamirim, Terra Nova, Granito, Moreilândia, Umãs (Salgueiro) e Verdejante e quer ouvir agora na íntegra, é só clicar abaixo:

01-“Momento histórico”, diz prefeito Raimundo Pimentel sobre início da vacinação contra o coronavírus em Araripina

02-Secretaria de Saúde e coordenadora do PNI Araripina, Roberta Falcão e Kely Sislane, detalham plano de vacinação no município

03-Homem acusado de estupro é preso em Araripina

04-Arari FM: Programa Debate Geral fala sobre o “Carga tributária e reforma da previdência”; ouça

05-Câmara de vereadores de Araripina realiza sua primeira sessão de 2021

06-Empresa de extração de ouro pretende investir R$ 100 milhões em Serrita e Cedro, no Sertão Central

07-Salário dos secretários municipais de Verdejante tem reajuste acima de 40%

08-Vice-prefeito de Salgueiro anuncia instalação de duas grandes empresas na cidade

09-Confira os números da covid-19 nos Sertões do Araripe e Central

10-Confira os dados atualizados da covid-19 em Pernambuco

11-Enfermeira de SP é a primeira brasileira a ser vacinada com a CoronaVac: ‘Muita emoção’

12- Pazuello diz que campanha de vacinação no país começa na quarta-feira

13-Ouça a opinião do jornalista e economista Rodrigo Constantino

14-As manchetes dos principais jornais do país, do Blog do Roberto e do Blog do Fredson

15- Confira os resultados dos jogos pelo Brasil e pelo mundo com Eldo Britto

16–Os destaques do programa Rota 903 na Ronda Policial com Fredson Paiva

17-Participação do ouvinte pelo WhatsApp da Arari FM (87) 9 9161-0116 e do 3873-1187

18-Ouça a mensagem do dia em “Pequenas reflexões para grandes transformações” com padre José Nilton

Serrita: em novo protesto contra os descasos da Compesa população bloqueia a rodovia PE-507

Foto: reprodução

Revoltados pela constante falta d´água, moradores de Serrita estão protestando contra a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) e o Governo de Pernambuco na manhã desta segunda-feira, 18. Os manifestantes bloquearam a PE-507, que dá acesso ao município. Apenas veículos de emergência, como ambulâncias, podem passar.

Os cidadãos usaram motos, vans, caminhonetes e pneus para obstruir a rodovia estadual, na altura do entroncamento para as comunidades da Malhada, Umarí, Vila dos Gomes e Vila Cercada. Eles reivindicam que o Governo do Estado, por intermédio da Compesa, resolva a situação de abastecimento da cidade. Muitos estão há várias semanas sem água nas torneiras.

A Polícia Militar está presente no local e negocia com os manifestantes a liberação do trânsito de veículos. O presidente da Câmara de Vereadores, Doda Sampaio, participa do protesto, apoiando os cidadãos. As pessoas que estão no local esperam uma resposta da Compesa para encerrarem o protesto.

Pernambuco passa das 10 mil mortes pela Covid-19

Foto: reprodução

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou, neste domingo (17), que Pernambuco chegou às mais de 10 mil mortes pela Covid-19. De acordo com boletim divulgado, o estado contabilizou 27 novos óbitos, chegando à marca de 10.020 no total.

Dos 27 novos óbitos, 14 são do sexo masculino e 13 do sexto feminino, registrados entre os dias 09/06/2020 e 15/01/2021. As novas mortes são de pessoas residentes dos municípios de Abreu e Lima (1), Afrânio (1), Carpina (1), Caruaru (1), Itapissuma (1), Jaboatão dos Guararapes (3), Limoeiro (1), Recife (17) e Vitória de Santo Antão (1).

Os pacientes tinham idades entre 34 e 96 anos. As faixas etárias são: 30 a 39 (2), 40 a 49 (1), 50 a 59 (2), 60 a 69 (4), 70 a 79 (9) e 80 ou mais (9). Do total, 24 tinham doenças pré-existentes: doença cardiovascular (18), diabetes (9), doença renal (5), obesidade (4), doença respiratória (2), hipertensão (1), histórico de tabagismo (1) e doença de Alzheimer (1) – um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Os demais estão em investigação.

Além disso, Pernambuco registrou novos 482 casos da Covid-19, sendo 50 (10,4%) casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 432 (89,6%) casos leves.

Agora, Pernambuco totaliza 241.087 casos confirmados da doença, sendo 30.310 graves e 210.777 leves, que estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha.

Além disso, o boletim registra um total de 205.719 pacientes recuperados da doença. Destes, 18.770 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 186.949 eram casos leves.

Pazuello inicia distribuição da CoronaVac e diz que Brasil começa a vacinar contra Covid-19 nesta segunda

Foto: reprodução

Ministério da Saúde inicia, nesta segunda-feira, 18, a distribuição de seis milhões de doses da CoronaVacvacina contra Covid-19 Instituto Butantan com o laboratório chinês Sinovac, para todos os estados e o Distrito Federal. Segundo o ministro Eduardo Pazuello, alguns estados já vão poder iniciar a imunização ainda nesta segunda-feira por volta das 17h. Inicialmente, a previsão da pasta era de que o PNI fosse colocado em prática apenas no dia 20 — sendo antecipado em dois dias. No último domingo, 17, a Anvisa aprovou o uso emergencial do imunizante feito no Estado de São Paulo e da Universidade de Oxford.

Enquanto a CoronaVac já tem doses prontas para serem aplicadas, as doses da AstraZeneca ainda não chegaram ao país. Ainda ontem, as vacinas de São Paulo seguiram do Butantan para o Departamento de Logística em Saúde (DLOG) no Aeroporto de Guarulhos. De acordo com informações do Ministério, o DLOG fracionou “as quantidades corretas” para cada estado. A Força Aérea Brasileira (FAB) vai ser responsável pela entrega. Os governos estaduais vão distribuir localmente. A pasta tem apoio da Associação Brasileira de Empresas Aéreas por meio das companhias aéreas Azul, Gol, Latam e Voepass para transporte gratuito às UFs.

Considerando as seis milhões de doses do Butantan, São Paulo vai ficar com 1.349.200 de aplicações para idosos e 7.840 para indígenas. O Estado iniciou ainda no domingo a vacinação, dando a largada pelo Brasil. Enfermeira e o moradora da periferia, Mônica Calazans foi a primeira pessoa a receber o imunizante em solo brasileiro. Ela tem 54 anos e está atuando na linha de frente há oito meses. A profissional faz parte do grupo de risco por ser obesa, hipertensa e diabética.

Araripina: Confira as vagas de emprego desta segunda-feira (18) na Agência do Trabalho

Foto: reprodução

Foram divulgadas nesta segunda-feira (18) as vagas de emprego disponíveis para a cidade de AraripinaAs oportunidades são disponibilizadas pela Agência do Trabalho de Pernambuco. Telefone para contato: 3873-8381

Confira as vagas:

LOCAL N° VAGAS FUNÇÃO ESCOLARIDADE
Araripina 1 TÉCNICO EM ENFERMAGEM TÉCNICO COMPLETO
Araripina 1 ATENDENTE DO SETOR DE FRIOS E LATICÍNIOS FUNDAMENTAL
Araripina 3 PLAQUEIRO FUNDAMENTAL
Araripina 1 AJUDANTE DE PLAQUEIRO FUNDAMENTAL

A Agência do Trabalho de Araripina voltou a funcionar, agora em novo endereço: Rua Antônio Alexandre Alves, 385 – CTA – Centro Tecnológico do Araripe. O atendimento presencial precisa ser agendado no site da SETEQ. (www.seteq.pe.gov.br). Os serviços de RG e RESERVISTA não funcionam mais no prédio da agência do trabalho.

OUTROS SERVIÇOS DA AGÊNCIA:

Habilitação de Seguro Desemprego

Emissão de Documentos: RG; e RESERVISTA

Emissão de Carteira de Trabalho Digital (CTPS)

Governo suspende bloqueio de pagamentos do Bolsa Família e revisão de cadastros do programa por mais 90 dias

Foto: reprodução

O Ministério da Cidadania suspendeu por mais 90 dias a possibilidade de bloqueio de benefícios do Bolsa Família, assim como os procedimentos de averiguação e revisão cadastral dos beneficiários. A Portaria 591 — que trata do assunto — foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (dia 18). O objetivo é evitar aglomerações e impedir que cidadãos e funcionários que trabalham nos postos de cadastramento se exponham ao coronavírus.

As medidas também se fazem necessárias porque, para ter direito ao benefício do Bolsa Família, o cidadão tem de comprovar, por exemplo, a frequência escolar dos filhos. Mas, por conta da pandemia, as escolas estão fechadas, o que também dificulta a apresentação da documentação.

Além disso, muitos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) das prefeituras de todo o país ainda estão com horários de atendimento alterados, devido ao avanço da Covid-19.

Diferentes procedimentos

Na averiguação, faz-se a checagem das informações declaradas pelas famílias no Cadastro Único (que reúne dados de pessoas de baixa renda para a inclusão em programas sociais), sejam ou não beneficiárias do Bolsa Família, cruzando dados com outras bases de dados do governo federal.

Na revisão, verifica-se se as famílias beneficiárias, com cadastros sem atualização há mais de dois anos, continuam dentro das regras para o recebimento do benefício.

Portarias anteriores

Em julho do ano passado, o governo já havia determinado a suspensão dos procedimentos do Bolsa Família por seis meses. Outra portaria, publicada em setembro de 2020, manteve a proibição de bloqueio dos benefícios até o fim dos pagamentos do auxílio emergencial extensão de R$ 300, o que ocorrerá neste mês. Agora, houve nova prorrogação.

Vacina com viés eleitoreiro

Por Magno Martins

A ciência venceu morte e o vírus do fim do mundo está sendo guerreado e sepultado, mas depois de um rastro de horror: dois milhões de almas ceifadas, das quais 207 mil no Brasil. Europa e Estados Unidos saíram na frente sem marketing, sem contendas políticas, diferente do Brasil. Ontem, enquanto uma enfermeira negra, de 54 anos, entrava para a história, a primeira vacinada no Brasil, em São Paulo, por obra do governador João Doria (PSDB), em Brasília, no mesmo horário, o Governo Bolsonaro, por meio do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, acusava o golpe, classificando o ato paulista de puro marketing.

“O Ministério da Saúde tem em mãos, neste instante, as vacinas tanto do Butantan quanto da AstraZeneca. Nós poderíamos, num ato simbólico ou numa jogada de marketing, iniciar a primeira dose em uma pessoa. Mas em respeito a todos os governadores, prefeitos e todos os brasileiros, o Ministério da Saúde não fará isso. Não faremos uma jogada de marketing”, atacou o ministro, numa entrevista coletiva para roubar a cena do que estava ocorrendo em São Paulo.

“É o triunfo da vida contra os negacionistas, contra aqueles que preferem o cheiro da morte, ao invés do valor e da alegria da vida”, rebateu, por sua vez, o governador de São Paulo, João Doria, ao lado da enfermeira Mônica Calazans, do Hospital Emílio Ribas, a primeira pessoa no Brasil a receber uma dose da Coronavac. Depois dela, vários outros profissionais do Hospital das Clínicas, onde foi realizada a coletiva, também foram vacinados.

Triste uma vacina ser obra de manipulação política por puro oportunismo do Governo paulista. Doria é candidatíssimo à Presidência da República em 2022. Fazendo um Governo medíocre e opaco, tanto que chegou a ser escondido da campanha do prefeito reeleito Bruno Covas, Doria tenta, agora, enganar a humanidade brasileira com a vacina, o político que chegou primeiro com a tábua da salvação, passando por cima do Governo Federal.

Pazuello fez o pronunciamento após autorização pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) do uso emergencial de duas vacinas contra a covid-19 no Brasil, a coronavac, chinesa, produzida em parceria com o Instituto Butantan, e a inglesa, da Universidade de Oxford, na Inglaterra. No caso da Coronavac, os técnicos da Anvisa confirmaram, a partir de cálculos e análises próprias, os principais dados de eficácia e segurança apresentados pelo Butantan, mas detalharam incertezas que ainda permanecem sobre o produto.

Os técnicos da Anvisa confirmaram a eficácia de 50,4% da Coronavac, mas ressaltaram que não foi possível calcular a eficácia da vacina por faixa etária, principalmente entre idosos. Quanto à vacina de Oxford, também foi confirmada a segurança do imunizante e a eficácia média de 70,32%. O dado considera diferentes números, dosagens e intervalos entre doses. No Brasil, com duas doses completas, a eficácia ficou em 62%.

Pernambuco espera receber no 1º lote cerca de 270 mil vacinas contra Covid-19

Foto: reprodução

Pernambuco se prepara para receber a sua parte das doses da vacina CoronaVac que teve o uso emergencial aprovado neste domingo pela Anvisa.

O governador Paulo Câmara vai acompanhar do Recife a cerimônia de entrega das primeira doses da vacina contra a Covid-19, marcada para o início da manhã desta segunda-feira, 18 de janeiro, em São Paulo.

O Gabinete de Enfrentamento ao Novo Coronavírus do Estado estará mobilizado a partir das 7h, no Palácio do Campo das Princesas, para coordenar o início da imunização em Pernambuco.

A expectativa é que, das 4,3 milhões de doses que serão compartilhadas entre os estados brasileiros, Pernambuco receba, nesse primeiro lote, cerca de 270 mil vacinas que garantirão as duas doses da imunização para 129 mil pessoas, entre profissionais de saúde, idosos acima de 60 anos que vivem em asilos e indígenas aldeados.