Início Site Página 2

Operação desarticula grupo acusado de tráfico e homicídios no Sertão de PE

Policiais civis e militares de Pernambuco e da Paraíba cumpriram oito mandados de prisão nessa sexta-feira, 17, durante a “Operação Divisa” no município de Afogados da Ingazeira e região.

A ação buscou desarticular um acusado de tráfico de drogas e homicídios no Sertão do Pajeú. Também foram cumpridos 12 mandados de busca e apreensão expedidos pela Comarca de São José do Egito.

A polícia iniciou as investigações em abril com o intuito de desmontar uma organização criminosa com atuação em municípios pernambucanos e paraibanos. As oito pessoas capturadas foram presas em flagrante.

Ouça o programa Araripina Urgente de 17/05/2019

Roberto Gonçalves / Foto: Bruno Rostand

Se você perdeu o Araripina Urgente desta sexta-feira, 17 de maio de 2019, programa que é apresentado pelo radialista Roberto Gonçalves de segunda a sexta-feira, das 7 às 8:30 h, pela Arari FM 90,3 e quer ouvir agora na íntegra, é só clicar abaixo.

No programa, você poderá conferir as seguintes notícias:

01-Entrevista: A analista do Sebrae Mara Almeida fala da Semana do MEI que acontece de 20 a 24 de maio em 9 cidades do Araripe

02- Rotary Club: O que fazemos e quem somos ? Esse será o tema do Debate Geral deste sábado (18) aqui na Arari FM

03-Chuva volumosa isolada no Sertão de Pernambuco

04-Cidades do Sertão recebem projeto de convivência com o semiárido

05-Governo anuncia R$ 7,5 bilhões de investimento da Fiat Chrysler e geração de 9 mil empregos em quatro anos

06- Wesley Batista vira réu por decisão da Justiça Federal de SP

07- José Dirceu tem recurso negado pelo TRF-4 e voltará à prisão

08- Jair Bolsonaro diz que investigação sobre seu filho, Flávio Bolsonaro, tem o objetivo de atingi-lo

09- Exploração política aconteceu nos protestos contra bloqueio de recursos das universidades, diz Bolsonaro

10- MEC confirma saída do presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira.(INEP)

11-As manchetes dos principais jornais do país, do blog do Roberto Gonçalves e do Fredson Paiva

12- As broncas policiais com o repórter do Rota 903 Fredson Paiva

13- As notícias esportivas com Roberto Rivelino

14- Previsão do tempo para todos os estados da Região Nordeste com Paula Soares do Site Climatempo

15- Participação do ouvinte pelo WhatsApp (87) 9 9161-0116 e facebook

harmonie

Operação da PF apura irregularidades e desvios de recursos na Prefeitura de Cedro

Aproximadamente R$ 45 mil em espécie foram apreendidos na residência do prefeito de Cedro. (Foto: PF/Divulgação)

A Polícia Federal (PF) realizou uma operação de combate a fraudes na Prefeitura de Cedro (PE), no Sertão Central, batizada de “Operação Chofer”. Desvios de recursos públicos e fraudes em contratações por parte da prefeitura foram identificados. Segundo a PF, o prefeito Antonio Leite usava “laranjas” para vencer licitações ou dispensá-los de forma indevida. Dessa forma, o gestor se apropriava de recursos públicos sem a prestação do serviço ou fornecimento dos produtos.

Na última quarta-feira (15), cinco medidas cautelares de busca e apreensão foram realizadas por 21 policiais federais no Sertão do Estado. Na residência do prefeito, houve apreensão de aproximadamente R$ 45 mil em espécie e R$ 160 mil em cheques, além um veículo, uma pistola com registro vencido, celular e mídias. Na Prefeitura municipal e nas empresas, foram apreendidos processos licitatórios e outros documentos referente a investigação. Em depoimento na delegacia de Polícia Federal em Salgueiro, também no Sertão Central, o prefeito negou todas as acusações.

De acordo com a PF, a empresa utilizada para a contratação e possível desvios, com pouco mais de um mês de criada, foi contratada pela prefeitura para aquisição de materiais de construção e reformas nas secretarias do município. Em seu favor, foi empenhado R$ 398 mil.

Já em 12 de abril de 2017, a empresa foi contratada para o serviço de manutenção preventiva e corretiva de veículo, exigindo-se, para tanto, estrutura física incompatível com a apresentada pela empresa. Entre os anos de 2017 e 2018 foram empenhados cerca de R$ 3 milhões em favor da empresa para os mais diversos e variados serviços, como fornecimento de peças e manutenção para a frota de veículos do município à poda de árvores.

(Foto: PF/Divulgação)

Sócios

Ainda segundo a Polícia Federal, o sócio da empresa já foi contratado como motorista de uma a empresa do atual prefeito de Cedro, assim como prestou serviço de eletricista na campanha eleitoral do gestor no ano de 2016. Outra sócia da empresa de fachada é beneficiária do programa Bolsa Família e garantia-safra. Ademais, ambos sócios da empresa interposta habitam em uma residência simples na Zona Rural, demonstrando não possuir condições financeiras para a constituição de uma empresa de tal porte, segundo os investigadores.A empresa tem sede em prédio vizinho a um estabelecimento comercial de propriedade do prefeito.

A operação foi batizada de “chofer” em alusão à função de motorista exercida por um dos sócios da empresa, indicado como “laranja” do prefeito. (Com informações do Diario de PE)

Fernando Monteiro reafirma sua posição contrária à reforma da Previdência em audiência pública em Araripina

Foto: Juana Carvalho/Divulgação.

Trabalhando incansavelmente pela necessidade de se rever pontos importantes na Reforma da Previdência, o deputado federal Fernando Monteiro (PP) esteve nesta sexta-feira (17) em mais uma audiência pública sobre o tema, desta vez em Araripina, no Sertão do Araripe. O parlamentar tem se mostrado um dos mais atuantes nas discussões sobre o assunto, sendo enfático sobre sua posição contrária ao modelo proposto.

Afrânio, João Alfredo, Jupi, Buíque, Santa Cruz do Capiberibe, Pedra e Petrolina, com entrevistas nas rádios locais e participações em audiências públicas, além de debate em São Paulo realizado pelo Movimento Política Viva, são as agendas mais recentes em uma lista grande de suas participações em discussões sobre o tema.

Em seus pronunciamentos semanais na Comissão de Finanças e Tributação (CFT), onde o deputado é titular, Fernando Monteiro é taxativo sobre a importância de se debater pontos importantes sobre o modelo de contribuição dos trabalhadores brasileiros. “O Brasil precisa de uma reforma na Previdência Social, mas não esta que se apresenta”, atesta.

Na CFT o parlamentar apresentou requerimento, aprovado pela Comissão na última semana, convocando o ministro da Economia, Paulo Guedes, que deverá apresentar detalhes da proposta em audiência no próximo dia 4. Em caso de convocação, o ministro é obrigado a comparecer

“Precisamos de dados concretos, de esclarecimentos detalhados. Enquanto uma proposta desfavorecer quem mais precisa, ela não é justa. Nosso país precisa de uma reforma para a Previdência que seja mais do que um ajuste para equilíbrio fiscal e que preserve seu caráter de previdência social solidária. Precisamos de equilíbrio social”, defende o pernambucano.

neto

Augusto Coutinho pede que governo respeite a educação e os jovens brasileiros

Em pronunciamento pela educação e contra o contingenciamento de recursos federais para as universidades, o deputado Augusto Coutinho pediu respeito à democracia e aos jovens brasileiros. “Me perdoe ministro, mas tudo começou quando o senhor afirmou que iria cortar recursos, direcionando isso para universidades que “fazem balburdia e são irrequietas”. A gente tem que agir democraticamente, tem que conversar, discutir, avançar. Mas lamentavelmente o governo faz e age de forma ideológica e muitas vezes influenciado por pessoas que sequer vivenciam o Brasil”.

Coutinho discursou em plenário na tarde desta quinta, 15, na presença do ministro da Educação Abraham Weintraub. O Ministro havia sido convocado pelo Congresso para explicar contingenciamentos de 1,7 bilhão na pasta, uma de suas primeiras ações após assumir o cargo, em abril deste ano. O deputado Augusto Coutinho  também criticou a postura do presidente Jair Bolsonaro que, no mesmo dia da ida de Weintraub ao Congresso, chamou de “idiotas” os estudantes que saíram em protesto pelas ruas do Brasil contra a queda dos repasses.

“O presidente da República ainda vai dizer que são alguns idiotas que estão na rua. Não são idiotas! São pessoas que estão irrequietas como eu também estou.” Coutinho é coordenador da bancada de Pernambuco, juntamente com o deputado Wolney Queiroz e na semana passada recebeu reitores do estado preocupados com a situação. “Fomos demandados por reitores de universidades e institutos federais de nosso estado, um estado que tem sido exemplo na educação. A preocupação é muito grande principalmente de institutos do Sertão, que prestam um serviço essencial para uma região tão necessitada do Brasil. Eles correm o risco de, até setembro, terem inviabilizado seu funcionamento”, disse.

Augusto Coutinho ressaltou que entende a necessidade de contenções de despesas, mas que toda decisão deve ser tomada com base política e econômica e não ideológica. “Fica aqui nossa sugestão. Tire a ideologia do ministério. Vamos trabalhar pela educação, vamos melhorar a educação, e vamos rever isso. Estamos tentando ajudar a resolver temas como a previdência, como a reforma tributária, como outras ações que precisam de ser enfrentadas. Mas é importante que façamos isso com muito respeito à democracia e à juventude”, finalizou o deputado.

Polícia Civil prende homem acusado de matar uma pessoa e ferir outra em Exu

A Polícia Civil de Pernambuco prendeu nesta sexta-feira (17), um homem acusado de matar uma pessoa (Art. 121) e ferir outra, em Exu, no Sertão do Araripe. De acordo com a PC, os crimes aconteceram no mês de abril deste ano.

Ainda segundo a Polícia Civil, Geraldo Justino da Silva, vulgo ‘Te’, foi preso no Assentamento  Nova Esperança _2, zona rural do município de Granito. O cumprimento ao Mandado de Prisão Preventiva da comarca de Exu, foi realizado pela equipe de policiais sob o comando dos  delegados Dr.waldo Saraiva e Dr.Daniel Nogueira e a  coordenação da Delegada Seccional Dra. Katyanna Muniz.

O mandado de prisão foi expedido após representação do Delegado Fabricius Ferreira Silva e se refere a um homicídio qualificado que teve como vítima a pessoa de Gledston Danilo Pereira do Nascimento(Vitima Fatal) e Jose Francisco do Nascimento(Vitima de Lesão Corpotal).

Após os procedimentos de praxe o mesmo fora conduzido a cadeia pública de Exu, ficando a disposição da autoridade competente.

postotrevo

Sétima edição da Caravana da Educação aporta em Belo Jardim

Ação chega ao município agrestino com a participação da comunidade escolar da Gerência Regional de Educação Agreste Centro Norte
Fotos: Heudes Regis/SEI
 
BELO JARDIM – Ao contrário do que acontece no plano federal, quando o assunto é educação o Governo de Pernambuco segue investindo, valorizando essa importante pasta e trazendo resultados positivos. O Estado, que tem a menor taxa de abandono do Brasil no Ensino Médio, realizou a sétima Caravana da Educação, e o governador Paulo Câmara prestigiou as atividades nesta sexta-feira (17). Dessa vez, no município de Belo Jardim, no Agreste Central.
 
A ação da Secretaria de Educação e Esportes, que promove um circuito de atividades pedagógicas, culturais e esportivas, contemplou a comunidade escolar da Gerência Regional de Educação (GRE) Agreste Centro Norte, e realizou, como já é tradição, a reunião de Pactuação de Metas, encontro que envolve gestores de todas as escolas da rede estadual da área. A iniciativa mobilizou mais de 20 mil estudantes em 2018, e em 2019 já passou pelas cidades do Recife, Igarassu, Cabo de Santo Agostinho, Bezerros e Nazaré da Mata.
 
Durante a caravana, Paulo Câmara defendeu a democratização das discussões para a construção de uma política de Educação participativa e exitosa. “Aqui em Pernambuco, o livre pensar, a forma democrática e a garantia da liberdade sempre devem prevalecer no dia a dia das nossas escolas, para que a gente possa continuar a pensar o progresso, a melhoria e, sobretudo, o combate às desigualdades. Esse é o nosso foco e é isso que a gente espera de todos que fazem a educação do nosso Estado: que continuem fazendo de Pernambuco uma referência”, afirmou.
 
As ações da Caravana da Educação – divididas em dois polos, o cultural e o esportivo – envolveram centenas de estudantes da rede. O governador esteve na Escola Técnica Estadual (ETE) Edson Mororó Moura, que centralizou o Polo Cultural. Na programação do espaço, muitas apresentações de forró, xaxado, ciranda, frevo, maracatu e quadrilha junina, com a participação da banda fanfarra João Monteiro.
 
Também na ETE aconteceu a reunião de Pactuação de Metas. O encontro, além de discutir as estratégias e prioridades para o ano letivo em curso, oportuniza também o aprimoramento das metas que contribuem para os avanços da educação em Pernambuco. O encontro reuniu todos os 63 gestores escolares da GRE Agreste Centro Norte, comandados pelo secretário de Educação e Esportes, Fred Amâncio, em parceria com a Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag).
 
“Educação se faz no chão da escola, no dia a dia. Então, poder realizar essas reuniões de Pactuação dentro das nossas escolas é uma forma de estar presente, de estar mais próximo da comunidade escolar. Dentro desta filosofia, resolvemos envolver também os estudantes e professores, neste dia que é tão importante para todos nós da Secretaria de Educação. Nós sabemos o quanto avançamos, o quanto a educação de Pernambuco tem assumido uma posição de destaque e protagonismo, especialmente no trabalho com o ensino médio”, disse o secretário.
 
ESPORTES – Paulo Câmara também acompanhou, na Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) de Belo Jardim, as atividades do Polo Esportivo. Os estudantes jogaram handebol, futsal, hóquei, voleibol e xadrez. O evento contou com a presença de Adriana Salazar, ex-nadadora e primeira pernambucana a participar de uma olimpíada, e Thyago Costa, atleta de ciclismo que acumula quase 100 títulos nacionais e é um dos contemplados pelo Programa Bolsa Atleta, do Governo do Estado. Kits esportivos foram entregues pelos atletas à escola.
 
Ainda no Polo Esportivo, os atletas Pablo Matheus e Sofia Nunes foram contemplados com o Passaporte Esportivo. Naturais do município de Caruaru, também no Agreste, receberam passagens aéreas com destino a São Paulo, onde participarão do Campeonato Pan Americano/Latino Americano de BMX Race, que acontece nos dias 25 e 26 de maio, na cidade de Americana.
 
O aluno e jogador armador direito de handebol da EREM de Belo Jardim, Felipe Tavares da Silva, participou das atividades esportivas da Caravana e foi só elogios. “É um dia diferente, um dia 10. Temos vários jogos, alguns que eu nem conhecia. Muitas atividades novas. Antes eu não conhecia e nem tinha praticado o handebol, e tive essa oportunidade quando cheguei aqui na EREM. Muitas atividades surgiram depois da Caravana do ano passado: nós fizemos a olimpíada de matemática, e este ano também”, contou o estudante do segundo ano do ensino médio.
 
Acompanharam também a agenda da Educação em Belo Jardim os secretários Bruno Schwambach (Desenvolvimento Econômico), Alberes Lopes (Trabalho, Emprego e Qualificação) e Aluísio Lessa (Ciência, Tecnologia e Inovação); o deputado federal Danilo Cabral, o deputado estadual Paulo Dutra; os secretários executivos da Casa Civil, Zé Maurício e Eduardo Figueiredo, e os de Educação, João Charamba e Severino Andrade, além do ex-prefeito de Belo Jardim João Mendonça, entre outras autoridades da região.

Confira as vagas de emprego desta sexta-feira (17) na Agência do Trabalho de Araripina

Atendimento ao público: 07h às 13h. Rua Joaquim Alexandre Arraes, 84, centro

Por Roberto Gonçalves / Foto: reprodução

Foram divulgadas nesta sexta-feira (17) as vagas de emprego disponíveis para a cidade de AraripinaAs oportunidades são disponibilizadas pela Agência do Trabalho de Pernambuco.

Vagas disponíveis

Local Vagas FUNÇÃO ESCOLARIDADE SALÁRIO EXPERIÊNCIA OBSERVAÇÕES
araripina 1 Técnico em laboratório Ensino medio completo não informado 6 meses
araripina 1 Comprador Ensino medio completo não informado 6 meses Necessario ter experiencia com compras, recebimento e cobrança de generos alimentícios
araripina 1 Salgadeira Ensino fundamental completo não informado 6 meses
araripina 2 Manicure Ensino fundamental completo não informado 6 meses
araripina 1 Vendedor Pracista Ensino medio completo não informado Vendas de artigos de grafica( ter moto e CNH)
araripina 1 Gesseiro plaqueiro Ensino fundamental completo não informado 6 meses
Ouricuri 1 Auxiliar de escritorio Ensino medio completo não informado 6 meses Boa habilidade com informatica e digitação de documentos ( VAGA PARA OURICURI)
Araripina 1 Supervisor de produção Nivel técnico ou superior não informado 6 meses Experiência em processo produtivo de gesso
Araripina 1 Agente de vendas de serviços Ensino medio completo não informado Ter carro e disponibilidade para viagens
Araripina 1 Vendedor Pracista Ensino medio completo não informado Ter moto e experiencia com vendas
Trindade 1 Vendedor Pracista Ensino medio completo não informado Ter moto e experiencia com vendas (VAGA PARA TRINDADE)
Ipúbi 1 Vendedor Pracista Ensino medio completo não informado Ter moto e experiencia com vendas (VAGA PARA IPUBI)
Ipubi 10 Vendedor de Serviços Ensino fundamental completo não informado Disponibilidade para realizar viagens diarias ( VAGA PARA IPUBI)
Ouricuri 10 Vendedor de Serviços Ensino fundamental completo não informado Disponibilidade para realizar viagens diarias (VAGA PARA OURICURI)

OUTROS SERVIÇOS DA AGÊNCIA:

Habilitação de Seguro Desemprego

Emissão de Documentos: RG; e RESERVISTA

Emissão de Carteira de Trabalho Digital (CTPS)

Atendimento ao público: 07h às 13h. Rua Joaquim Alexandre Arraes, 84, centro.
Contato: (87) 3873.8381.

Salgueiro: Ex-vereador é preso suspeito de estupro

(Foto: Ilustração)

Em Salgueiro (PE), no Sertão Central, a polícia prendeu um ex-vereador na quinta-feira (16). Segundo a Polícia Militar, Raimundo Nonato Correia Bernardo, conhecido como “Jovem”, foi preso na Rua José Barros, no bairro Divino Espírito Santo, em Salgueiro, por força de mandado de prisão preventiva.

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), através da Vara Criminal da Comarca de Salgueiro, analisa uma acusação de estupro de vulnerável feita contra o ex-vereador e expediu a preventiva para prosseguir com o processo. ´

Além de ser conhecido por ter conseguido uma vaga na Casa Epitácio Alencar na eleição municipal de 2000, Raimundo Nonato é um exímio mergulhador e ajudou a encontrar vários corpos de pessoas que se afogaram no Açude Velho, em Salgueiro. (Com informações de Alvinho Patriota)

Governo anuncia R$ 7,5 bilhões de investimento da Fiat Chrysler e geração de 9 mil empregos em quatro anos

Por G1 PE Foto: FCA/Divulgação

A Fiat Chrysler Automobiles (FCA) investirá R$ 7,5 bilhões, que poderão gerar de nove mil empregos diretos em Pernambuco até 2023. O anúncio foi feito, nesta quinta (16), pelo governo estadual, em um evento no Palácio do Campo das Princesas, no Centro da capital.

O montante faz parte do plano de R$ 14 bilhões anunciado no ano passado pela montadora, que prevê ao menos 25 lançamentos, entre novos produtos e atualizações de modelos já existentes, até o fim desses 5 anos.

A solenidade marcou os quatro anos de inauguração da fábricalocalizada em Goiana, no Grande Recife, que emprega, atualmente, 13.600 pessoas. Participaram do evento o presidente da FCA para a América Latina, Antonio Filosa, e o governador Paulo Câmara (PSB).

Durante a cerimônia, a FCA celebrou também a marca de 600 mil veículos produzidos em Pernambuco desde 2015. A capacidade instalada da planta, localizada na BR-101, é de 250 mil carros por ano. Com o novo investimento, a meta é atingir a casa de 350 mil automóveis anuais, até 2023.

Segundo a FCA, operários trabalham em três turnos e produzem 46 versões dos modelos de Jeep Renegade e Compass, além de Fiat Toro. Parte dessa produção é exportada para diversos países da América Latina, entre eles a ArgentinaChilePeru e Colômbia.

Evento que marcou quatro anos da FCA em Goiana, no Grande Recife, ocorreu nesta quinta (16), no Centro da capital  — Foto: Heudes Régis/Governo de Pernambuco/Divulgação

Evento que marcou quatro anos da FCA em Goiana, no Grande Recife, ocorreu nesta quinta (16), no Centro da capital — Foto: Heudes Régis/Governo de Pernambuco/Divulgação

Ao G1, o secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Bruno Schwambach, informou, após o evento, que a renovação da parceria do governo com a FCA prevê ações como contrapartida aos os novos investimentos, visando preparar Goiana para recebê-los.

Segundo Schwambach, uma nova linha de transmissão de energia está sendo construída para atender à FCA. “São R$ 90 milhões de investimentos. A expectativa é começar a obra em agosto e terminar em um ano. Além disso, vamos entregar um novo acesso ao parque de produção”, disse.

Sobre os impostos, o secretário afirmou que não estão previstas mudanças. “As linhas de isenção fiscal permanecem as mesmas”, declarou.

O gestor contou, ainda, que o governo promove, no dia 30 de maio, em São Paulo, um evento para atrair novos fornecedores para Goiana. A expectativa é contar com a participação de 30 empresas.

postomagalhaes

Chuva volumosa isolada no Sertão de Pernambuco

As últimas 48 horas foram de muita chuva em algumas áreas do Sertão pernambucano. Numa localidade choveu quase o dobro do esperado para todo o mês. O principal responsável pela chuva é um CAN.

São José do Egito acumulou 114 mm de chuva, entre 09:00 da manhã de quarta-feira (15) e o mesmo horário desta quinta-feira (16), segundo o Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA). A média mensal do município para este mês é de 58 mm.

Foram registrados volumes de chuva significativos também em outros municípios. Tuparetama acumulou 54 mm, Triunfo 32 mm, Mirandiba 22 mm e Araripina 8,2 mm.

A chuva foi causada, sobretudo, pelo Cavado em Alto Níveis (CAN) que favoreceu o desenvolvimento de nuvens densas em algumas áreas do Sertão nordestino

Cisape realiza atendimentos de saúde através da junta médica em parceria com os municípios

O Consórcio Intermunicipal do Sertão Araripe Pernambucano (CISAPE), intensifica suas ações de apoio aos municípios consorciados, buscando sempre parcerias com as Prefeituras da região.

Um dos serviços oferecidos pelo consorcio é o atendimento de saúde através da junta médica que atende quinzenalmente na sede do Cisape, na Avenida Fernando Bezerra em Ouricuri. O presidente do órgão Cleomatson Vasconcelos, afirma que todos os meses um grande número de pessoas são atendidas.

“Dispomos aqui no Cisape de três médicos que atendem em média 120 pessoas todos os meses. Esses atendimentos são disponibilizados aos servidores, ou seja, pessoas que trabalham nas  Prefeituras e são encaminhadas pelos seus municípios para resolver situações de atestados, encaminhamentos e outras orientações medicas relativas ao trabalho”. Afirmou o Cleomatson.

Nessa quinta-feira (16/05), vários servidores foram  encaminhados até a sede do Cisape e atendidos pela junta médica. É o caso do seu João de Souza, morador e servidor de Santa Cruz da Venerada, encaminhado para  solicitar uma autorização médica para o recebimento do seu benefício.

taboril

José Dirceu tem recurso negado pelo TRF-4 e voltará à prisão

José Dirceu teve recurso negado pelo TRF-4

Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) negou nesta quinta-feira (16) o recurso do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu. Com a decisão, os desembargadores determinaram a execução imediata da pena do petista. O pedido de prisão ainda não foi expedido.

Dirceu foi condenado a 8 anos e 10 meses de prisão em um processo da Operação Lava Jato. O ex-ministro pedia a prescrição da pena. Além de negar o pedido, o TRF-4 determinou, por unanimidade, o “imediato ofício para início do cumprimento da pena ao juízo de primeiro grau” em Curitiba.

O petista ainda pode recorrer da decisão ao Supremo Tribunal Federal (STF) e ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), além do próprio TRF-4. O pedido foi para a prescrição da pena dos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro em processo sobre um contrato superfaturado da Petrobras com a fornecedora de tubos Apolo Tubulars entre 2009 e 2012.

Em março de 2017, José Dirceu foi condenado em primeira instância a 11 anos e 3 meses de prisão. Depois, em setembro, o TRF-4 reduziu a pena para 8 anos e 10 meses.

Esta foi a segunda condenação de Dirceu no âmbito da Lava Jato. Ele também foi condenado a 30 anos e 9 meses pelo mesmo TRF-4 por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa na diretoria de Serviços da Petrobras. Em maio de 2017, ele obteve um habeas corpus do STF para aguardar o julgamento em liberdade.

zepelado

Radialistas que são contra o reforma da previdência, ou são analfabetos ou estão ‘mamando’ nas tetas do INSS

Existem grupos de interesses contrários à reforma, que não querem perder seus privilégios, e propagam uma série de falácias sobre a previdência e até Bolsa Família, a fim de manter suas benesses às custas da desinformação de inocentes úteis, isso é comum nas rádios do Araripe

Por Alan Ghani, economista, PhD em Finanças e professor de pós graduação / Foto: reprodução

Não há dúvida de que, hoje, a aceitação da reforma da previdência é muito maior pela sociedade brasileira. No entanto, existem ainda grupos de interesses contrários à reforma, que não querem perder seus privilégios, e propagam uma série de falácias sobre a previdência, a fim de manter suas benesses às custas da desinformação de inocentes úteis. Este artigo visa desmascarar todas estas falácias.

Falácia 1: Não há necessidade de reforma porque a Seguridade Social é superavitária.

Antes de desmascarar esta falácia, precisamos entender que a Seguridade Social é composta por três componentes: Previdência, Assistência Social e Saúde.

De acordo com a tabela abaixo, extraída do Relatório de Execução Orçamentária – auditado pelo TCU e aprovado pelo Congresso Nacional -, em 2018, a Seguridade Social teve um déficit de 280,6 bilhões de reais, e a previdência um déficit de 289,4 bilhões de reais. Contra fatos e dados não há argumento: a Previdência e a Seguridade Social são deficitárias.

Falácia 2: Se não existisse a DRU (Desvinculação de Receitas da União), não haveria necessidade de reforma da previdência.

Nosso orçamento é muito engessado devido às regras colocadas pela Constituição Federal de 1988. Na pratica, existem despesas obrigatórias – mesmo que não haja necessidade – e tributos destinados a financiar apenas determinado tipo de gasto. É evidente que essas características tornam nosso orçamento muito engessado. Pense, na sua casa, se você não tivesse nenhuma flexibilidade em como gastar o seu salário. Por exemplo, se uma lei te obrigasse a gastar todo mês 20% do seu salário com remédios, mesmo que você não estivesse doente. Não faz sentido, certo? Então, é isso que ocorre com boa parte do nosso orçamento.

Para evitar essa rigidez, a DRU permite mobilização das receitas da União de uma área para outra no limite de 30% da arrecadação. Até 2015, a DRU era de 20%. Em 2016, ainda no governo Dilma, esse limite passou para 30%.

Como a DRU permite a mobilização de receitas da Previdência para outras áreas, respeitando o limite de 30%, algumas pessoas alegam que a Previdência, sem este mecanismo, seria superavitária. Novamente, recorrendo a tabela 1 acima, verificaríamos que, sem a DRU, o déficit da Seguridade Social seria de R$171 bilhões e da previdência de R$180 bilhões.

Além disso, a utilização da DRU não significa que, na prática, a Previdência ficou sem recursos, tanto é que todo mundo continua a receber suas aposentadorias. Nesse caso, a DRU é utilizada para permitir necessidades financeiras diante de desencaixes temporais de fluxo de caixa em outras áreas.

Conforme falamos, sem a DRU, o déficit seria menor, mas ainda muito grande. Portanto, discutir o fim da DRU para amenizar o déficit da previdência e atenuar a reforma não faz sentido. Primeiro, porque, mesmo sem a DRU, haveria um grande déficit da Previdência e da Seguridade Social (R$171 bilhões e R$180 bilhões), tornado a reforma inevitável. Segundo que, sem a DRU, levaríamos provavelmente o Brasil a um colapso das contas públicas, dado que ela é um instrumento essencial de flexibilização e execução orçamentária. Terceiro, mesmo que não existisse a DRU e utilizássemos todos os recursos do Tesouro para cobrir a Previdência, poderíamos zerar o déficit da previdência, mas teríamos déficit em todas as outras áreas, como saúde, educação, etc. E por quê? Porque o dinheiro do governo é fruto do dinheiro da sociedade arrecadado por meio de impostos. Você pagará a conta do mesmo jeito. Nesse caso, em vez de chamarmos de déficit da previdência, chamaríamos de déficit do Tesouro. O nome mudaria, mas quem pagaria a conta (eu e você), não!

Falácia 3: Existem dívidas das empresas com a previdência; não havendo necessidade de reforma.

As dívidas previdenciárias das empresas somam em torno de R$450 bilhões de reais. R$450 bilhões resolvem o déficit da previdência por 1 ano e meio apenas. Há uma confusão entre os conceitos de “dívida” e de “déficit”. Déficit é um fluxo. Hoje, o déficit da previdência é na ordem R$289,4 bilhões de reais. Em outras palavras, ficam faltando R$289,4 bilhões de reais todo ano para cobrir o rombo da previdência. Hoje, este rombo é coberto com impostos que poderiam estar sendo utilizados para educação, saúde e segurança pública.

Falácia 4: Se não tivesse corrupção, não precisaria de reforma

É evidente que a corrupção é um mal e deve ser combatida independentemente da reforma. No entanto, mesmo sem corrupção, haveria necessidade de reforma. De acordo com os dados da Operação Lava Jato, houve R$150 bilhões de reais desviados no esquema do Petrolão. Isso daria para resolver apenas meio ano de previdência. Além disso, a discussão em termos hipotéticos não adianta nada para resolver concretamente o problema.

Falácia 5: A expectativa de vida do brasileiro é de 75,5 anos; tem município que as pessoas vão morrer antes de se aposentar

A expectativa de vida é uma média de quantos anos uma pessoa vive. Dizer que a expectativa de vida é de 75 anos não quer dizer que alguém viverá exatamente 75 anos, mas que, na média, as pessoas vivem 75 anos (cada um poderá viver mais ou menos do que a média). A expectativa de vida é influenciada pela mortalidade infantil. Se a mortalidade infantil é alta, a expectativa de vida cai. No Brasil, alguns municípios têm baixa expectativa de vida não pela elevada fatalidade em idosos, mas porque a mortalidade infantil é alta. No entanto, para o debate da previdência o que interessa é a expectativa de vida do idoso. A razão é óbvia: a pessoa só se aposentará a partir de determinada idade (55 anos mulheres e 60 homens, de acordo com as regras atuais). Assim, para a aposentadoria, o que interessa é a expectativa média de sobrevida, isto é, dado que uma pessoa chegou aos 50 anos, quanto tempo ela tem de vida. Nesse caso, de acordo com os dados do IBGE, a expectativa média é de 83 anos, com pequena variação entre os estados brasileiros e próxima dos países desenvolvidos.

Falácia 6: A reforma da previdência vai prejudicar o mais pobre.

Pelo contrário, a reforma será favorável aos mais pobres. Primeiro, porque de acordo com as regras atuais, apenas quem tem mais dinheiro consegue se aposentar antes da idade mínima (aposentadoria por tempo de contribuição). O mais pobre continua trabalhando mesmo depois da idade mínima.  Segundo, porque os fartos benefícios (aposentadorias de R$20.000) estão no funcionalismo público estatal. Como o sistema é altamente deficitário, significa que toda a sociedade, inclusive os mais pobres, estão financiando essas aposentadorias milionárias. Como nosso sistema tributário é altamente regressivo, na prática, tira-se dos mais dos mais pobres para financiar a aposentadoria dos mais ricos. Vale lembrar que mais dinheiro para as aposentadorias fartas é menos recurso para saúde, educação e segurança pública. Além de sobrar mais dinheiro para essas áreas, a reforma trará otimismo para os empresários, o que levará ao aumento da renda e do emprego, favorecendo principalmente os mais pobres.

Falácia 7: Funcionário público contribuiu com mais, portanto, deve ter uma reforma mais branda.

É verdade que os servidores que ingressaram no serviço público antes de 2013 contribuem com mais em relação ao trabalhadores do setor privado. No entanto, o déficit per capita gerado por eles, comparativamente ao do setor privado, é muito maior, conforme demonstrado, com dados, por esses artigos Funcionário público paga mais, mas gera maior déficit na previdência e Reforma da Previdência pune servidor público (é por isso que você deveria apoiá-la)

Falácia 8:  As contas da Previdência devem ser auditadas

Esta é aquela típica falácia para estimular inocentes úteis conspiratórios a repetirem clichês desconectados da realidade. Os dados da Previdência são púbicos, divulgados pelo Tesouro Nacional, auditados pelo TCU e seguem os padrões de contabilidade internacional do IPSAS.

Além disso, nenhum presidente, desde FHC, negou o problema previdenciário; claro, enquanto estiveram no governo. Pelo contrário, alguns fizeram reformas (FHC e Lula); outros tentaram, mas foram impedidos pelas circunstâncias de vazamentos (Temer), e Bolsonaro tenta emplacar uma das reformas mais importes para a sociedade brasileira dos últimos tempos.

Siga Alan Ghani (@AlanGhani) no Twitter, Facebook,Instagram e Linkedin

Alan Ghani é economista, PhD em Finanças e professor de pós graduação

unipedra

Ouça o programa Araripina Urgente de 16/05/2019

Roberto Gonçalves / Foto: Bruno Rostand

Se você perdeu o Araripina Urgente desta quinta-feira, 16 de maio de 2019, programa que é apresentado pelo radialista Roberto Gonçalves de segunda a sexta-feira, das 7 às 8:30 h, pela Arari FM 90,3 e quer ouvir agora na íntegra, é só clicar abaixo.

No programa, você poderá conferir as seguintes notícias:

01-Entrevista: Professor Ismar fala dos cursos de qualificação oferecidos pela empresa Brasil Cursos em Araripina

02-Governo de Pernambuco divulga Nota de Esclarecimento sobre pagamento do Garantia Safra

03Prefeito de Marcolândia-PI pretende implantar sistema de resíduos sólidos no município

04 Impactos socioambientais dos parques eólicos são discutidos na Alepe

05- Desabastecimento da Farmácia do Estado gera debate em audiência pública

06- Pernambuco adota programas sociais para enfrentar a violência

07- Novo projeto do governo federal de combate a violência urbana poderá sair do papel

08- Justiça do Rio dá 24 horas para Temer e Coronel Lima Filho entregarem os passaportes

09- Bolsonaro nega que governo tenha cortado verbas à Educação e critica manifestações no país

10- Atos contra bloqueio de verbas na Educação ocorreram em 222 cidades do Brasil

11-As manchetes dos principais jornais do país, do blog do Roberto Gonçalves e do Fredson Paiva

12- As broncas policiais com o repórter do Rota 903 Fredson Paiva

13- As notícias esportivas com Roberto Rivelino

14- Previsão do tempo para todos os estados da Região Nordeste com Paula Soares do Site Climatempo

15- Participação do ouvinte pelo WhatsApp (87) 9 9161-0116 e facebook

lafer

MPF recomenda que nove prefeituras do Sertão do Araripe usem recursos do antigo Fundef corretamente

Nove prefeituras de municípios do Sertão do Araripe receberam recomendação do Ministério Público Federal (MPF), através da Procuradoria da República Polo Salgueiro/Ouricuri, para usar corretamente as verbas recebidas em complementação aos recursos do antigo Fundef. Os gestores devem investir o dinheiro exclusivamente no desenvolvimento do ensino e na valorização dos professores.

A medida objetiva impedir que os recursos vinculados por lei à área da educação sejam desviados para outras finalidades, inclusive pagamento de advogados que representam os municípios em ações movidas contra a União para o recebimento das parcelas do Fundef atrasadas.

O procurador Marcos de Jesus recomendou que as prefeituras criem contas bancárias específicas para a movimentação dos valores do Fundef, sendo proibidos saques nessas contas em espécie ou por transferência para outras contas bancárias de titularidade do município. Toda movimentação deve ser feita a prestadores de serviços ou fornecedores legalmente identificados.

Dentro de 15 dias, a contar do recebimento das recomendações, as prefeituras de Santa Cruz, Ipubi, Ouricuri, Santa Filomena, Exu, Araripina, Bodocó, Granito e Trindade devem responder se vão acatar a orientação. Caso contrário, o MPF pode adotar medidas de responsabilização criminal e cível.

Flávio Bolsonaro comprou 19 imóveis por R$ 9,4 milhões, diz revista

Flávio Bolsonaro está sendo investigado pelo Ministério Público
  • Por Jovem Pan

Ministério Público (MP) apontou que o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) comprou 19 imóveis por R$ 9,425 milhões entre 2010 e 2017. O filho do presidente Jair Bolsonaro teria lucrado R$ 3,089 milhões com as transações. Segundo o MP, os negócios têm “suspeitas de subfaturamento nas compras e superfaturamento nas vendas”, o que indica lavagem de dinheiro. As informações são da revista Veja.

De acordo com o documento obtido pela revista, o Ministério Público diz que as transações poderiam “simular ganhos de capital fictícios”. O objetivo seria encobrir “o enriquecimento ilícito decorrente dos desvios de recursos”. Na época, Flávio era deputado estadual no Rio de Janeiro. O órgão afirma ter encontrado indícios de crimes de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa pelo gabinete do então deputado.

O documento sigiloso mostra que os imóveis comprados pelo senador se valorizaram muito acima da média na época. Um deles, um apartamento em Copacabana, foi comprado por R$ 170 mil em novembro de 2012 e vendido por R$ 573 mil um ano depois. A valorização do imóvel foi de 237%, enquanto a média para a região era de 9% na época.

Entre dezembro de 2008 e setembro de 2010, Flávio Bolsonaro adquiriu 10 salas comerciais em um prédio na Barra da Tijuca por R$ 2,662 milhões. Em outubro de 2010, ele vendeu as salas para a empresa MCA Exportação e Participações por R$ 3,167 milhões. Segundo o Conselho de Controle de Atividades Fiscais (Coaf), há “sérios indícios” de lavagem de dinheiro nas operações.

Histórico

Esta não é a primeira vez que Flávio Bolsonaro é acusado de movimentação suspeita de dinheiro com negócios envolvendo imóveis. Em janeiro, a Folha de S.Paulo revelou que o senador realizações operações de compra e venda de imóveis entre 2012 e 2014 que lhe renderam lucro de 260%.

Na época, o senador negou irregularidades e afirmou que as operações foram normais.

Gonzaga Patriota homenageia o Jornal do Commercio pelos 100 anos de fundação

O deputado federal Gonzaga Patriota (PSB) usou a tribuna da Câmara, nesta quarta-feira (15), para homenagear o Jornal do Commercio de Pernambuco, que no dia 03 de abril completou 100 anos de fundação. O parlamentar fez um resgate histórico do JC e destacou a importância dele para Pernambuco.

“Eu me lembro da comemoração dos 40 anos do JC.

A gente fica feliz numa festa como essa, não apenas em comemorar no plenário da Casa do povo brasileiro, mas em dividir com o Brasil a importância dos 100 anos desse jornal. As coisas evoluíram, mas o JC superou diversos obstáculos e crises e se adaptou. Por isso, quero parabenizar João Carlos Paes Mendonça pelo trabalho que vem fazendo. O JC tem uma história que merece toda a nossa homenagem”, comentou.

O socialista ainda revelou que foi vendedor do Jornal do Commercio em Sertânia: “quem foi vendedor há 60 anos do JC, espero que nos 200 anos de comemoração eu ainda possa estar por aqui celebrando esta data”, brincou.
O Jornal do Commercio pertence ao Sistema Jornal do Commercio de Comunicação, braço de mídia do Grupo JCPM, do qual também fazem parte a Rádio Jornal, a TV Jornal, o portal NE10 e vários outros meios de comunicação.

É o maior periódico de Pernambuco e também um dos maiores do País. Tem como missão “levar informação e entretenimento ao público pautando-se pela defesa da democracia, da justiça social e da livre iniciativa”. Sua versão digital, o JC Online, surgiu em 2011 e é um dos sites de notícias mais acessados do Nordeste.

varejao

Comissão de Cidadania discute falta de medicamentos na Farmácia do Estado

Audiência pública foi proposta por William Brigido, que declarou estudar a possibilidade de pedir a instalação de uma CPI sobre o tema

Foto: Roberto Soares

A falta de medicamentos na Farmácia de Pernambuco foi debatida em audiência pública promovida pela Comissão de Cidadania nesta quarta (15). A situação dos pacientes foi exposta em cartazes com pedido de socorro. Eles contam que alguns remédios estão fora de disponibilidade há mais de um ano. Participantes também criticaram a ausência de representante da Secretaria Estadual de Saúde (SES) no encontro.

Presidente do colegiado, a deputada Jô Cavalcanti, do mandato coletivo Juntas (PSOL), registrou que “a população está desassistida e vivendo um drama”. Proponente da audiência, o deputado William Brigido (PRB) chegou a declarar que estuda a possibilidade de pedir a instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI): “É fundamental colocar um ponto final nessa história”.

A deputada Priscila Krause (DEM) – cuja solicitação de audiência pública sobre o tema foi rejeitada pelo Plenárioem abril – expôs dados obtidos no Portal da Transparência para enfatizar que “está havendo redução sistemática dos recursos para a Farmácia”. Ela apontou 15 decretos do ano passado com alterações orçamentárias nesse sentido: “Houve anulação de R$ 23,13 milhões e crédito de R$ 7,36 milhões, resultando numa redução total de R$ 15,77 milhões”.

Priscila observou que o valor subtraído é próximo do total destinado à ação, que, segundo ela, foi de R$ 15,97 milhões em 2018. “Desse montante, R$ 14,41 milhões foram obtidos por meio de repasses do Governo Federal”, prosseguiu. “A retirada desse dinheiro foi uma decisão política do governador, causando a desassistência aos doentes e a inviabilidade da política de assistência farmacêutica.”

Declarando que a falta de remédios tem afetado outros Estados, o deputado João Paulo (PCdoB) destacou que “a Secretaria Estadual de Saúde montou força-tarefa para manter os estoques da Farmácia de Pernambuco e tem realizado negociações para assegurar o reabastecimento nas próximas semanas”. O parlamentar também leu nota divulgada pelo órgão.

Do Ministério da Saúde, Kamilla Correia afirmou que “quase todos os medicamentos fornecidos pelo Governo Federal estão com estoques regularizados”. As exceções são dois fármacos, para tratamento de hanseníase e de tuberculose. “Nos três primeiros meses de 2019, o Ministério da Saúde repassou para Pernambuco quase R$ 3 milhões, apenas para aquisição de medicamentos, além de outros repasses”, ressaltou. Também presente, Evaldo Araújo, do Tribunal de Contas da União (TCU), agendou reunião com Kamilla para avaliar a situação no âmbito federal.

A promotora de Justiça Helena Capela, que atua na defesa da Saúde no Ministério Público de Pernambuco (MPPE), relatou que “a ausência de medicamentos em Pernambuco não é um problema novo”. “Resumidamente, a questão é financeira. Faltam recursos”, disse, sintetizando o que conseguiu apurar nas audiências mensais que o MPPE tem realizado sobre o fornecimento de medicamentos no Estado. Encontros contam com a presença da SES.

“A falta de pagamento dos fornecedores ensejou o desabastecimento da farmácia”, pontuou a promotora, salientando que o Governo Estadual comprometeu-se a normalizar a distribuição até o dia 20 deste mês. Helena também disse que o MPPE encaminhou documento à Procuradoria da República para apurar o que está acontecendo na esfera do Ministério da Saúde. “Por um lado, o Governo Federal diz que entregou o quantitativo. Por outro, o Governo do Estado diz que não recebeu. Isso tem que ser apurado”, destacou.

Presidente do Sindicato dos Farmacêuticos de Pernambuco, que tem assento no Conselho Estadual de Saúde, Veridiana Ribeiro ponderou que “a falta de medicamentos acontece em outros Estados, mas o desabastecimento que ocorre em Pernambuco é vergonhoso e inadmissível”. “Pessoas estão morrendo, perdendo órgãos transplantados e sofrendo com a descontinuidade dos tratamentos. O que está acontecendo aqui no Estado é que a aquisição de remédios não tem sido priorizada”, chamou atenção.

De acordo com André Carneiro Leão, da Defensoria Pública da União (DPU), “além dos medicamentos, o Governo do Estado não está provendo outros insumos farmacêuticos”. “A judicialização não é a solução, mas, diante de casos recorrentes, já foram ajuizadas algumas ações, inclusive sobre a não oferta de bolsas de colostomia”, contou. Luana Melo, da Defensoria Pública do Estado (DPE), declarou que “o desabastecimento é apenas uma fração dos problemas da saúde em Pernambuco”.

Diretora-executiva do Conselho dos Secretários Municipais de Saúde (Cosems), Fabiana Dano Bernart, que atua na Prefeitura de Paulista (Região Metropolitana do Recife), abordou dificuldades que os prefeitos enfrentam para garantir os estoques de medicamento. Além de problemas com licitações desertas, elencou a quantidade de recursos das prefeituras como entrave. “Hoje, disponho de apenas R$ 293 per capita por ano para gerir a saúde em Paulista”, lamentou.

Entre os encaminhamentos, William Brigido citou o pedido de pronunciamento do MPPE e do Ministério Público Federal sobre incongruências de informações entre Governo Federal e Governo do Estado. Também lamentou a ausência da Secretaria de Saúde no debate. “Ontem à noite, os nomes de dois representantes foram confirmados e, mesmo assim, não compareceram. Parece que o tema não é importante para o Governo do Estado”, criticou.

ararifm

Pernambuco adota programas sociais para enfrentar a violência

Governador de PE, Paulo Câmara

O Programa Pernambuco Pela Prevenção inclui 30 mil vagas em cursos profissionalizantes e projetos de cultura, esporte e lazer
Foto: Rafael Furtado/ Folha de Pernambuco

O Governo do Estado de Pernambuco, por meio da Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas, lançou nesta quarta-feira (15) o Programa Pernambuco Pela Prevenção,um conjunto de ações sociais integradas que visam a prevenção e o combate à violência através de políticas públicas para o setor mais vulnerável da sociedade.

O projeto visa a uma maior participação do governo e da população na redução dos crimes e violência, com um enfoque especial para os jovens. De acordo com Clóvis Benevides, secretário estadual de Política de Prevenção à Violência e às Drogas, o programa é “um compromisso, é uma inovação, mas antes de tudo é a materialização da responsabilidade compartilhada de uma maneira muito clara”.

Benevides explica ainda que para ajudar a alcançar um futuro promissor para os jovens, o Governo do Estado fez parcerias público-privadas, para garantir mais de 30 mil vagas em cursos profissionalizantes e preparatórios, com o intuito de inserir o jovem no mercado de trabalho em todo o Estado. Além das ofertas de cursos, o programa conta com 12 núcleos de Prevenção Social, que engloba oficinas de cultura, esportes e lazer. 

O governador do Estado de Pernambuco, Paulo Câmara, afirma que o combate à violência não se resolve apenas com repressão. “Não adianta a gente fazer só repressão com a polícia, seja ela Civil ou Militar, a gente tem que olhar antes, e se faz isso com prevenção. É vendo as áreas mais vulneráveis, mais sensíveis e com maior violência, ocupando essas áreas com atividades sociais”, disse.

Vitória Cristina, 17, integrante do Programa Governo Presente, explica como o Estado pode transformar a situação dos jovens. “Quando se tem um jovem no crime, infelizmente acontece que a sociedade exclui ele, ele só torna uma marginal, é fica à margem da sociedade. Então, chega o governo dizendo que essa pessoa pode mudar essa situação, e é isso que esses projetos são, Pernambuco mostrou pro Brasil inteiro que é possível mudar”

O novo programa atua de forma conjunta com o Observatório de Prevenção, composto por estudiosos responsáveis pela análise e proposição de novas políticas, além de comitês que devem acompanhar a execução e planejamento.

armazem