Home Blog página 2

Odacy Amorim assume a presidência do IPA

0

Sertanejo de Petrolina, com história de vida ligada à agricultura familiar e com o desejo de construir melhorias para o segmento, o ex-deputado estadual Odacy Amorim tomou posse, nesta terça-feira (22), como presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), em prestigiada solenidade no Auditório Ruy Carlos do Rego Barros, na sede do órgão, no Recife, com a presença de vários prefeitos, deputados estaduais e federais, representantes de entidades de classe e sociedade civil, entre outros.

Em discurso para o auditório lotado, Odacy falou de sua história de vida ligada ao campo e ressaltou a importância do IPA para a agricultura pernambucana, com mais de 80 anos de tradição prestando serviços ligados à Extensão Rural, fundamental para o desenvolvimento da agricultura familiar; à Pesquisa, que ao longo dos anos vem apresentando trabalhos e estudos que mudaram a realidade encontrada em campo, com variedades de hortaliças e frutas mais resistentes às pragas, por exemplo; assim como melhoramento genético de animais, sem falar nas ações relativas à infraestrutura hídrica desenvolvida pelo órgão.

“Tô chegando ao IPA para somar, para caminharmos todos juntos, num trabalho conjunto – entre todos os órgãos vinculados – que tragam benefícios às famílias de agricultores, mas também aos profissionais da casa, tão fundamentais para construção dessa história”, disse, completando que, em sua gestão, olhará por todas as regiões do Estado. “Da Zona da Mata, passando pelo Agreste e indo até o Sertão, trabalharemos por todos”, disse. Odacy ainda citou a ideia de criar um grupo de trabalho entre IPA e deputados, por exemplo, para que seja feito o acompanhamento de emendas parlamentares que visem à construção de ações e projetos de benfeitoria para o setor.

Presente ao encontro, o Secretário de Desenvolvimento Agrário, Dílson Peixoto, celebrou a chegada de Odacy ao IPA, reforçando o discurso de promover um trabalho integrado entre Secretaria e órgãos vinculados para melhorar a vida no campo, com ações e projetos inovadores focados no pequeno produtor – um desejo pessoal do governador Paulo Câmara. A posse do ex-deputado foi celebrada também pelos deputados Carlos Veras, Tereza Leitão, Gonzaga Patriota, Doriel Barros, que, em seus discursos, ressaltaram o perfil agregador de Odacy, além de sua história de vida ligada à agricultura familiar, discurso compartilhado pela prefeita de Surubim, Ana Célia, que representou todos os chefes de executivo municipal presentes.

Da ex-presidente do IPA, Nedja Moura, que fez discurso emocionado de despedida, Odacy recebeu o desejo de um trabalho exitoso à frente do Instituto. Compareçam ao ato, entre outros, as deputadas estaduais Dulcicleide Amorim, Simone Santana; deputados Francismar, Fabrizio Ferraz, João Paulo; além de prefeitos de vários municípios, secretários municipais, representantes de entidades de classe, como a Fetape, por exemplo.

Palocci delata jornalista Roberto D’ávila da Globo News

0

O Antagonista

Em um dos depoimentos de sua delação premiada, Antonio Palocci acusou o jornalista Roberto D’Ávila de se oferecer para atuar como “laranja”, revela Crusoé, para arrecadar dinheiro para o filme “Lula, o Filho do Brasil”.

Leia a reportagem completa em Crusoé:

harmonie

Defesa ‘repudia tentativa espúria’ de vincular Queiroz a miliciano

0

Queiroz teria contratado mãe de policial acusado de chefiar milícia no Rio de Janeiro

Estadão Conteúdo / Foto: reprodução

A defesa de Fabrício Queiroz, ex-assessor do deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), divulgou nota nesta terça-feira (22) afirmando que “repudia veementemente qualquer tentativa espúria de vincular seu nome à milícia no Rio de Janeiro”.

Uma operação realizada nesta manhã pela Polícia Civil e o Ministério Público prendeu o ex-capitão do Batalhão de Operações Especiais (Bope) Adriano Magalhães da Nóbrega, acusado de chefiar milícia no estado. A mãe dele atuou no gabinete de Flávio.

Raimunda Veras Magalhães foi citada em relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), que gerou investigações sobre lavagem de dinheiro e ocultação de bens no gabinete de Flávio. Ela teria repassado R$ 4,6 mil a conta bancária de Queiroz.

Em nota, Flávio Bolsonaro culpou o ex-assessor pela contratação. “A funcionária que aparece no relatório do Coaf foi contratada por indicação do ex-assessor Fabrício Queiroz, que era quem supervisionava seu trabalho.” O texto foi publicado em rede social.

A defesa de Queiroz reclamou que dados sigilosos foram obtidos “de forma ilegal” e divulgados na imprensa, prática segundo o advogado Paulo Klein, “constitui verdadeira violação aos direitos básicos do cidadão, como também uma grande desumanidade.”

“De outro lado, [a defesa] registra ainda que, embora tenha requerido [ao Ministério Público] em três oportunidades, as informações não foram disponibilizadas e para total surpresa e indignação vêm sendo vazadas diariamente com caráter sensacionalista”, disse.

A pedido de Palocci, motorista recebia empresários na garagem

0

Por Claudio Dantas do Site O Antagonista

Em outro trecho de seu depoimento à Polícia Federal, o motorista Carlos Pocente disse que, a pedido de Antonio Palocci, “tinha o costume de receber pessoas na garagem dos edifícios em que se localizavam suas consultorias”.

“Que, por exemplo, já recebeu as seguintes pessoas para Palocci: Abilio Diniz, Marcelo Odebrecht, Otávio Azevedo, João Vaccari, Léo Pinheiro.”

Dos citados por Pocente, só Abilio não foi preso, embora tenha sido indiciado no âmbito das investigações da Carne Fraca. Os demais foram presos na Lava Jato.

Questionado pela PF, o motorista disse não se recordar se chegou a receber André Esteves na garagem, embora tenha dito que o ex-ministro tinha encontros noturnos com o banqueiro em sua residência.

Descubra o plano secreto (e baixo) de Cuba para eleger o PT. Leia aqui
neto

Araripina: Paróquia realizará missa de lançamento do Projeto Casa de Acolhimento para dependentes químicos

0

A paróquia Nossa Senhora Imaculada Conceição de Araripina, no Sertão de Pernambuco, irá realizar no próximo domingo dia 27 de janeiro, missa de lançamento do Projeto Casa de Acolhimento. De acordo com o convite enviado à nossa redação pelo padre José Nilton, o ato religioso acontecerá às 15:30 h na BR-316 sentido a cidade de Trindade, 3 km após o parque Três Vaqueiros, dentro do terreno onde está sendo construída a obra.

Leia também:

>> Tem início em Araripina, trabalhos para construção da Casa de Acolhimento Imaculada Conceição; veja…

>> Casa de acolhimento de dependentes vai atender 15 municípios, inclusive Araripina

O projeto CASA DE ACOLHIMENTO IMACULADA CONCEIÇÃO  será um espaço de acompanhamento, convivência e recuperação para dependentes químicos que sofrem vítimas do alcoolismo e das drogas. Cada pessoa acolhida terá a oportunidade de permanecer na casa de 6 meses a um ano. Tudo será gratuito. A família do acolhido não pagará nada. Toda a estrutura e funcionamento será por conta da Paróquia Nossa Senhora Imaculada Conceição e dos doadores parceiros que Deus providenciará.

“Toda a obra será executada através de campanhas e doações de quem se sensibilizar com essa causa. Toda ajuda será bem vinda. Mais que um sonho esse projeto é uma necessidade. Que seja pra ontem. Não gosto de nada lento ou palavras soltas ao vento. Se Deus nos deu essa missão então não há o que esperar. Convoco todos os grupos,  pastorais, empresários, autônomos e pessoas de Boa vontade. ABRACE ESSA CAUSA. EXECUTE ESSA OBRA.  Deus abençoe”. Disse padre José Nilton.

Doações para as obras da Casa de Acolhimento estão chegando todos os dias. Quem quiser fazer sua doação, entrar em contato com Pe. José Nilton, pároco da Paróquia nossa senhora imaculada Conceição de Aaripina -PE.

Com pouca chuva, vazão nas usinas do São Francisco pode ser reduzida

0
Foto: Chesf
Foto: Chesf

Com chuvas abaixo da média do mês de janeiro, a vazão das usinas hidrelétricas de Sobradinho, na Bahia, e Xingó, entre Alagoas e Sergipe, pode ser reduzida. Em reunião da Agência Nacional de Águas (ANA), nessa segunda-feira (21), foi definido que serão acompanhadas as projeções dos níveis dos reservatórios para o fim de abril e, se houver piora nas expectativas, medidas de restrição poderão ser adotadas.

De acordo com o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), nos primeiros 19 de dias de janeiro foram registrados somente 19 milímetros de chuvas, cerca de 10% da média esperada para o mês, que é o segundo mais chuvoso na bacia do São Francisco historicamente. Ainda segundo o Cemaden, a existência de uma zona de alta pressão no centro do País inibe a precipitação e a passagem de sistemas frontais que alcancem a bacia do rio.

Nos próximos 15 dias é esperado que a precipitação acumulada permaneça abaixo da média. A próxima reunião será no dia 4 de fevereiro.

Pela regra definida nessa segunda-feira (21), sempre que as simulações da evolução do reservatório equivalente do Sistema Hídrico do Rio São Francisco indicarem um volume superior ou igual a 50% de seu volume útil ao final de abril de 2019, fica mantida a atual defluência de 800 metros cúbicos por segundo em Xingó e de aproximadamente 950 metros cúbicos por segundo em Sobradinho.

Além disso, sempre que as simulações de evolução do armazenamento de Sobradinho indicarem um volume útil inferior a 45% no final de abril, será necessário aumentar as vazões liberadas pelo reservatório de Três Marias (MG), de forma a buscar um maior equilíbrio entre os reservatórios.

Em reunião de 17 de dezembro, foi determinado que a partir de 18 de dezembro o reservatório da hidrelétrica de Três Marias passasse a liberar pelo menos 120 metros cúbicos por segundo, em vez do patamar mínimo de 100 metros cúbicos por segundo que vinha sendo praticado. A partir de 1º de janeiro, a vazão mínima defluente subiria para 150 metros cúbicos por segundo, limite mínimo de operação para Três Marias na atual situação de armazenamento.

Para o reservatório de Xingó (AL/SE), a vazão defluente foi elevada de uma média mensal de 600 metros cúbicos por segundo para 700 metros cúbicos por segundo a partir de 18 de dezembro e para 800 metros cúbicos por segundo a partir de 11 de janeiro.

postotrevo

WEJ Consultoria de Araripina firma parceira com a UNINTA EAD, com sede na cidade de Sobral/CE

0

Fundada inicialmente sob a Bandeira INTA – Instituto Superior de Teologia Aplicada, e após uma caminhada de 18 anos de lutas e conquistas, torna-se Centro Universitário Inta – UNINTA, com nota máxima em todos os cursos e IGC entre os mais elevados do País, vem desenvolvendo ao longo do tempo um projeto arrojado para a Educação à Distância, propondo ao mercado educacional nacional a melhor proposta nesta modalidade.

O polo de Araripina já está devidamente credenciado no Portal do Mec, autorizado através da resolução nº 098/2018. Está com inscrições abertas na região araripeana para os CURSOS DE GRADUAÇÃO em: Pedagogia, Administração, Educação Física, Logística, Marketing, Negócios Imobiliários, Publicidade, Teologia, Complementação em Pedagogia (com duração de 01 ano), entre muitos outros, com a qualidade que você já conhece!

E o melhor – com mensalidades que cabem no seu bolso! Aulas com acompanhamento de professores e diploma igual ao presencial, e tudo isso SEM TAXA DE INSCRIÇÃO!

Os cursos funcionam na mesma modalidade que já trabalhamos com  encontro presencial com o professor, e o aluno terá uma plataforma de acesso online com todo o material didático necessário (Vídeo-aulas, web conferências, biblioteca virtual com milhares de títulos à disposição), e os alunos poderão ainda aproveitar os fóruns, chats, e todas as instrumentalidades disponíveis na mais moderna tecnologia. Além de tutores on-line à disposição para quaisquer dúvidas. Disponibilidade também do material didático em PDF, podendo ser impresso pelo estudante, caso prefira estudar e rascunhar no papel.

Também na plataforma poderão acompanhar seu histórico acadêmico e financeiro.

VANTAGENS DE SER UNINTA

  1. O aluno não paga nada para se inscrever;
  2. A inscrição poderá ser feita online (no link abaixo) ou presencialmente na Wej Consultoria

https://ead.uninta.edu.br/processos-seletivos/

  1. O vestibular poderá ser feito agendado e online;

3.1 São apenas questões de múltipla escolha. O aluno só precisa acertar 20%. Se não conseguir atingir a nota, poderá realizar o vestibular outras vezes, sem pagar nada;

  1. O aluno também poderá fazer o ingresso com a nota do ENEM realizado nos últimos cincos anos;
  2. O valor da mensalidade para qualquer um de nossos  cursos, se pago até o vencimento tem 20% de desconto;
  3. Para alunos que já possuem outra graduação não precisa fazer o vestibular, seu ingresso será na opção SEGUNDA GRADUAÇÃO;
  4. Quanto aos transferidos: Todo estudante que tiver comprovação de estar estudando ou ter estudado em IES credenciada, poderão fazer sua inscrição e entregar documentos comprobatórios de seus estudos. A Uninta analisará seu histórico acadêmico visando aproveitar as disciplinas já cursadas. Após análise e aprovação, poderá matricular-se, sem necessidade de vestibular.

Os potenciais alunos nos procuram por ser um Polo com cursos ofertados na região, na modalidade EAD com um diferencial:

  • Realização de seminários com a mediação de um professor, sobre conteúdos das disciplinas do curso as quais serão debatidos e aprofundados;
  • O polo oferece toda a infraestrutura de apoio necessária;
  • Corpo docente experiente e altamente qualificado;
  • Encaminhamento para estágio, aulas de campo;
  • Realização de atividades extracurricular, como palestras, congressos e seminários;
  • Material Atualizado com ênfase na construção do conhecimento;
  • Plataforma Online e biblioteca com acervo atualizado;
  • Valores Acessíveis.

Sem considerar que ensino a distância possui uma flexibilidade maior do que os cursos presenciais. Os alunos não precisam se deslocar de suas casas todos os dias da semana e nem passar horas.

Os horários de estudo e de realização de atividades ficam a cargo do estudante. O aluno tem a liberdade de estudar a qualquer momento e em qualquer lugar com a utilização da internet.

Além do material utilizado no EAD fica disponível no site para poder ser consultado quando surgir alguma dúvida, o estudo é bastante facilitado.

ESTÁ ESPERANDO O QUÊ? LIGUE AGORA MESMO PARA: (87) 3873-0278/(87) 9988-2840. E FAÇA SUA INSCRIÇÃO!

Ou acesse: https://ead.uninta.edu.br/processos-seletivos/

Faça-nos uma visita para saber maiores informações sobre o seu curso. Estamos localizados a Rua Bernardino Severo Alves, nº 92, Centro, Araripina-PE (próximo ao comercio de materiais de construção Telhas Pantanal) NÃO PERCA TEMPO E GARANTA SUA VAGA! SEU SUCESSO PASSA POR AQUI!

Emocionado, Bolsonaro convida o mundo a ver ‘o Brasil que estamos construindo’

0

Presidente confirmou compromisso de abrir a economia brasileira

(Foto: reprodução do Youtube)

O presidente Jair Bolsonaro publicou, hoje (22), em sua página no Twitter, o seu discurso no Fórum Mundial Econômico, em Davos, na Suíça. Essa foi sua estreia internacional. “Sendo o 1º presidente do hemisfério sul, 1º da América Latina e 1º fora do G7 a abrir o evento. Muito obrigado a todos”.

Bolsonaro afirmou estar feliz e honrado por estar participando do evento, enfatizou que esse é o seu primeiro compromisso internacional. ” Prova da importância que atribuo, as pautas que esse fórum tem promovido e priorizado”.

Durante a fala, que durou cerca de 6 minutos, Bolsonaro buscou ressaltar que seu maior objetivo é mostrar para o mundo “O Brasil que estamos construindo”.

O presidente afirmou que seu governo está trabalhando para mudar nossa história, com ações como o combate a corrupção, incetivo ao desenvolvimento rural, mas preservando o meio ambiente. Nenhum outro país do mundo tem tantas florestas como nós. A agricultura se faz presente em apenas 9% do nosso território e cresce graças à sua tecnologia e à competência do

produtor rural. Menos de 20% do nosso solo é dedicado à pecuária. Essas commodities, em grande parte, garantem superávit em nossa balança comercial e alimentam boa parte do mundo”, afirmou Bolsonaro”.

O presidente afirmou ainda que um de seus maiores compromissos será abrir a economia brasileira que, segundo ele, ainda é fechada ao comércio internacional. “Tenham certeza de que, até o final do meu mandato, nossa equipe econômica, liderada pelo ministro Paulo Guedes, nos colocará no ranking dos 50 melhores países para se fazer negócios”.

E destacou que as relações internacionais do país não estão mais com um viés ideológico, mencionando o ministro de Relações Exteriores. “Nossas relações internacionais serão dinamizadas pelo ministro Ernesto Araújo”.

Bolsonaro garantiu que vai trabalhar para reduzir a pobreza e a miséria no Brasil por meio da educação.

Veja o discurso completo:

htnet

Número de mulheres mortas em Pernambuco pode ser 20% maior que o oficial

0
Faminicídio lidera lista de motivações de crimes contra a mulher em Pernambuco. Foto: JC Imagem/Arquivo

Balanço divulgado na semana passada pela Secretaria de Defesa Social (SDS) aponta que 239 mulheres foram assassinadas em Pernambuco em 2018. Mas o número pode ser até 20% maior que o oficial. O Ronda JC apurou que outros 45 óbitos foram classificados como “mortes a esclarecer”, ou seja, ainda não foram identificados como crimes e, por isso, não entraram para as estatísticas.

Nos números oficiais, por exemplo, a SDS afirma que foram registrados 75 feminicídios no ano passado – um a menos que em 2017. Mas, de acordo com dados coletados no Instituto de Medicina Legal (IML), acredita-se que pelo menos outros dois casos que estão classificados como morte a esclarecer podem ser alterados para feminicídios. Se confirmado, a estatística sobe para 77 crimes desse tipo.

Se todos os óbitos que estão como “mortes a esclarecer” forem reclassificados como homicídios, ao final da investigação da polícia, o número pode saltar de 239 para 284 assassinatos de mulheres em 2018. Mas algumas dessas mortes misteriosas podem também se tratar de suicídio ou provocadas por mal súbito, por exemplo.

No ano passado, o Ronda JC publicou reportagem exclusiva mostrando um aumento considerável no número de óbitos que estavam sendo classificados como “mortes a esclarecer”, ao mesmo tempo em que a SDS anunciava queda nos homicídios. Especialistas questionaram os dados e até falaram na necessidade de um controle externo dessas estatísticas.

Confira, a seguir, um quadro com as motivações das mortes de mulheres em 2018. Observe que os casos de feminicídio e de envolvimento com as drogas lideram o ranking.

Fontes: núcleo de estatísticas da SDS e IML

Moro admite investigação sobre dinheiro da Venezuela no Brasil

0
O ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sergio Moro, afirmou que a investigação terá como base a Justiça e não questões políticas

O ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sergio Moro, afirmou nesta terça-feira (22), que o Brasil não descarta investigar o fluxo financeiro da Venezuela no Brasil. Ele disse, porém, que a atuação do governo não terá como base critério político, mas sim a Justiça.

Segundo Moro, a cooperação no que se refere à Venezuela se fará “com base em casos concretos e não está subordinada a questões diplomáticas ou questões relacionadas a posturas políticas do Brasil”. “Dependendo do caso, como na Venezuela, o Brasil vai tomar as providências cabíveis, encarando a questão como uma questão de Justiça”, disse.

Ele usou como exemplo a politização do caso do italino Cesare Battisti. De acordo com o ministro, foi isso que permitiu que Battisti permanecesse no Brasil por vários anos. “A crítica que nós fizemos no passado no caso de Battisti é que a Justiça foi subordinada a uma questão político-partidária. Isso não é apropriado.”

Na semana passada, O ex-juiz federal recebeu representantes da Organização dos Estados Americanos (OEA) e da oposição ao presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, para discutir um rastreamento de possíveis movimentações financeiras e negócios no Brasil de integrantes do governo venezuelano. Moro teria se comprometido a adotar medidas “imediatas” para investigar operações suspeitas.

A reunião foi realizada um dia depois do encontro dos venezuelanos com o presidente Jair Bolsonaro e com o chanceler Ernesto Araújo. Entre os opositores, a esperança é de que outros países se unam aos Estados Unidos no congelamento de recursos da cúpula chavista, para asfixiar o regime de Maduro.

Moro está em Davos, na Suíça, para participar do Fórum Econômico Social. Ele acompanha o presidente Jair Bolsonaro, que fará sua estreia num evento internacional.

*Com informações da Agência Estado

postomagalhaes

Homem é assassinado a tiros no município de Terra Nova

0

Um homem de 36 anos foi assassinado na segunda-feira (21), no município de Terra Nova, Sertão de Pernambuco. De acordo com informações do Boletim de Ocorrências da Polícia Militar, Paulo Gonçalves da Silva estava em uma praça no centro da cidade quando foi atingido por tiros. Segundo a PM, a vítima morreu no local do crime.

Testemunhas informaram aos policiais que o assassinato foi cometido por dois homens não identificados, que chegaram em uma motocicleta vermelha.

De acordo com a PM, a vítima estava cumprindo pena no regime condicional. Até o momento, ninguém foi preso. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Acidente envolvendo dois carros e um animal deixa uma pessoa morta em Santa Maria da Boa Vista

0

Em Santa Maria da Boa Vista (PE), no Sertão do São Francisco, um acidente envolvendo dois carros de passeio e um animal, na noite de ontem (21), na BR-428, provocou a morte de Leonor Viena Guimarães, de 57 anos.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a vítima – que não usava cinto de segurança – estava com o marido em um dos carros o qual foi atingido por outro veículo que havia batido em uma vaca. Leonor não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local do acidente. O marido dela não não teve ferimentos graves.

Ainda de acordo com a PRF, cinco pessoas da mesma família estavam no carro que bateu no animal, mas apenas o condutor e a esposa dele ficaram feridos, sendo o homem com mais gravidade. Os três filhos do casal que estavam no banco de trás saíram sem ferimentos. O corpo de Leonor foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Petrolina. (Blog do Britto)

taboril

Arma falha após vítima falar ‘línguas estranhas’ durante assalto no Recife

0

 Assustados, os quatro comparsas fogem logo em seguida. / Foto: TV Jornal

Assustados, os quatro comparsas fogem logo em seguida.
JC Online / Foto: TV Jornal

Uma câmera de segurança registrou o momento em que um grupo invade uma casa, no Córrego do Jenipapo, Zona Norte do Recife e anuncia o assalto. Um dos moradores da residência, ameaçado de morte pelos suspeitos, se livrou de ser atingido após a arma de um deles falhar, enquanto uma outra vítima ora, falando o que os evangélicos chamam de “línguas estranhas”.

De acordo com a reportagem da TV Jornal, a dupla chega na frente da casa e pede informações sobre bolos que são vendidos por moradores do local. Durante a conversa, captada pela câmera, eles pedem o contato do comerciante que está atendendo, agradecem e se despedem.

Logo em seguida, pulam o muro e anunciam o assalto. Outros dois homens que estavam dando cobertura também entram no local.

Dentro da residência estavam, além do comerciante, a mãe dele, de 82 anos e a cuidadora dela. A idosa pede que, “pelo amor de Deus”, não atirassem contra o filho.

As testemunhas relatam que os homens pediam dinheiro a todo instante, e, caso não tivessem  o que queriam, iriam atirar na cabeça da vítima. Neste momento, a cuidadora começa a orar, e a arma falha. Assustados, os quatro comparsas fogem logo em seguida.

Veja o reportagem

zepelado

Ouça o programa Araripina Urgente de 22/01/2019

0

Roberto Gonçalves / Foto: Fabiano Alencar

Se você perdeu o Araripina Urgente desta terça-feira, 22 de janeiro 2019, programa que é apresentado pelo radialista Roberto Gonçalves de segunda a sexta-feira, das 7 às 8:30 h, pela Arari FM 90,3 e quer ouvir agora na íntegra, é só clicar abaixo.

No programa, você poderá conferir as seguintes notícias

01- Entrevista com professor Hélio Arruda, idealizador do Projeto Nosso Cinema

02- Missa em homenagem a Frei Damião acontece nesta terça-feira (22) em Araripina

03- Em 2019, a Fiepe do Araripe oferecerá cursos e capacitações sobre temas importantes para a competitividade das indústrias

04- Usando distintivo da Polícia Federal, criminosos roubam caminhão na BR-316 em Marcolândia

05- Prefeitura de Petrolina disponibiliza 101 vagas em processo seletivo na área social

06- Sete PMs de Pernambuco são presos suspeitos de extorsão em falsas blitzes da Lei Seca

07- ‘A gente está muito apertado’, diz Paulo Câmara sobre contas de Pernambuco

08- Lava Jato acha que dinheiro do BNDES acabou no bolso de Lula

09- Governo de Goiás decreta estado de calamidade financeira

10- PGR do RJ,  diz que 27 deputados são investigados na área cível por improbidade administrativa.

11- Bolsonaro estreia nesta terça em eventos internacionais com discurso no fórum de Davos

16- As manchetes dos principais jornais do País, do Blog do Fredson Paiva e do Blog do Roberto Gonçalves

17- As broncas policiais do Rota 903

18- As informações da oferta de emprego na Agência do Trabalho de Araripina

19- As notícias esportivas com Roberto Rivelino

20- Os números da PRF nas rodovias que cortam o estado de Pernambuco

21- Previsão do tempo para todos os estados da Região Nordeste com Paula Soares do Site Climatempo

22- Participação do ouvinte pelo WhatsApp (87) 9 9161-0116 e facebook

unipedra

Janaína Paschoal defende fim de sigilo de investigações na Alerj: ‘Não vejo muito empenho em apurar’

0
“Vai ter eleição para a presidência da Alerj, e o parlamentar predileto é o que está no topo da lista. Não estou vendo muito empenho em apurar”, completou

Pré-candidata à presidência da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, a deputada estadual mais votada da história do País, Janaína Paschoal (PSL), defendeu o fim do sigilo nas investigações que tratam de prática “institucionalizada” na Alerj e a extinção do “pacto de silêncio”.

Em entrevista exclusiva ao Jornal da Manhã, a deputada eleita negou que o pedido seja voltado apenas para o caso de Flávio Bolsonaro (PSL): “não é sobre as investigações referentes a ele, mas à Alerj. Pelo seguinte, toda vez que tem operação no meio desse contexto, tem pessoas envolvidas e umas que não têm nada a ver. Há indícios de que havia prática institucionalizada. A população, a meu ver, tem direito a ter acesso aos detalhes da apuração”.

Janaína Paschoal lembrou ainda que a situação só ganhou magnitude por citar o nome de Flávio Bolsonaro, mas que é algo que deve ter atenção em todo o Legislativo estadual. Segundo ela, se não fosse esse o caso, “a investigação ia ficar ali”. “Vai ter eleição para a presidência da Alerj, e o parlamentar predileto é o que está no topo da lista. Não estou vendo muito empenho em apurar”, completou.

“Eu não quero mais pacto de silêncio, porque a estratégia é um apontar coisa errada no outro e todo mundo fica quieto. Acho que é o contrário, se tem coisa errada vamos levantar, aurar e punir. É tirar o sigilo da investigação referente a essa prática institucionalizada na Alerj”, declarou.

A deputada eleita, que é pré-candidata ao comando da Alesp, destacou ainda que o ocorrido na Alerj teria mais dificuldades em acontecer no Legislativo paulista por conta do rigor. “Tivemos curso com funcionário da Corregedoria. Já estão tomando medidas. Na Alesp, por exemplo, é proibido parentes trabalhando na Alesp inteira. A Alesp tem regras diferentes da Alerj, que dificultam ou inviabilizam essa prática”.

Quanto ao alto número de assessores parlamentares, Janaína desconversou se, caso eleita presidente, diminuirá a quantidade de funcionários por deputado: “não gosto de julgar sem vivenciar. Olhando de fora eu não consigo imaginar onde colocar 32 pessoas, mas estou pensando com base no meu estilo. Mas como ainda não estou lá, pode ser que na prática eu veja ser necessário um representante em cada área visitando hospitais, escolas”.

A prática, segundo ela, seria monitorada com relatórios de representantes dos deputados. Sem cravar que reduziria o número de assessores, a deputada eleita afirmou que não faz juízo de valor, mas acredita que [e possível “reduzir muito”.

Confira a entrevista completa com a deputada estadual eleita Janaína Paschoal:

lafer

Bolsonaro estreia nesta terça em eventos internacionais com discurso no fórum de Davos

0
 Jair Bolsonaro desembarcou na Suíça nesta segunda-feira (21) para participar do Fórum Econômico Mundial — Foto: Alan Santos/Presidência da República

Jair Bolsonaro desembarcou na Suíça nesta segunda-feira (21) para participar do Fórum Econômico Mundial

G1 — Foto: Alan Santos/Presidência da República

Há 22 dias no comando do Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro fará nesta terça-feira (22) sua estreia em um evento internacional, discursando na sessão plenária do Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça. O encontro anual dos mais ricos, poderosos e famosos do planeta começa nesta terça e se encerra na sexta-feira (25).

O fórum de Davos reúne políticos, investidores e outras lideranças com o objetivo de construir uma agenda econômica, regional e industrial em comum. O encontro deste ano tem como tema a “Globalização 4.0: Moldando uma arquitetura global na era da quarta revolução industrial”.

De acordo com a assessoria do Planalto, o presidente brasileiro será o primeiro chefe de Estado latino-americano a discursar na abertura da sessão plenária do Fórum Econômico Mundial. A fala de Bolsonaro está prevista para ocorrer a partir das 12h30 (horário de Brasília).

Ao desembarcar nesta segunda-feira (21) em Davos, o presidente afirmou que fará um discurso “muito curto” e “objetivo” para dizer que o Brasil busca negócios “sem viés ideológico”.

Bolsonaro e a comitiva brasileira devem retornar a Brasília na sexta-feira (25). Neste período em que o presidente está fora do país, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, está no comando do Planalto.

O presidente viajou à Suíça acompanhado do filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), e de cinco ministros:

  • Ernesto Araújo (Relações Exteriores)
  • Paulo Guedes (Economia)
  • Sérgio Moro (Justiça e Segurança Pública)
  • Gustavo Bebianno (Secretaria Geral da Presidência)
  • Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional)

Jair Bolsonaro é o quinto presidente brasileiro a participar do Fórum Econômico Mundial desde 1998. Os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso (1998), Luiz Inácio Lula da Silva (2003, 2005 e 2007), Dilma Rousseff (2014) e Michel Temer (2018) estiveram no encontro durante seus mandatos.

Recados ao mundo

O presidente da República afirmou que deseja mostrar aos participantes do fórum econômico que o governo dele está adotando medidas para recuperar a “confiança” no Brasil, com negócios “sem viés ideológico”.

“[O discurso] foi feito e corrigido por vários ministros para que déssemos o recado mais amplo possível sobre o novo Brasil que se apresenta com a nossa chegada ao poder”, declarou Bolsonaro aos jornalistas ao chegar a Davos.

Segundo o G1 apurou, Bolsonaro pretende usar a viagem à Suíça para defender a democracia e ressaltar a importância de aprovar reformas estruturantes no Brasil. Ele irá enfatizar à comunidade internacional que a aprovação de reformas, como a da Previdência, é essencial para o equilíbrio das contas públicas.

O presidente quer destacar ao mundo que o Brasil é um país favorável às privatizações e aberto a investimentos privados.

Regime Nicolás Maduro

A situação da Venezuela também está na pauta de Bolsonaro em Davos. O presidente deve participar na quarta-feira (23) de um “diálogo diplomático” que tem como objetivo discutir a “crise humanitária” no país sul-americano.

Na segunda-feira, Bolsonaro disse esperar que mude “rapidamente” o governo da Venezuela, comandado por Nicolás Maduro.

O brasileiro se reuniu na semana passada, em Brasília, com opositores de Maduro, a fim de aumentar a pressão contra o governo venezuelano. Maduro tomou posse em janeiro para um segundo mandato de cinco anos como presidente. Parte da comunidade internacional não reconhece o novo mandato do chefe de Estado venezuelano, e entre esses países está o Brasil.

Sem salários, profissionais do Diario de Pernambuco decretam greve

0

A redação do Diario de Pernambuco vai parar. Sem receber salários desde dezembro – nem as parcelas do 13º salário foram pagas – os profissionais decretaram greve na assembleia realizada nesta segunda-feira (21). Para cumprir prazos legais, a mobilização começa em 72 horas a partir da comunicação oficial do Sindicato dos Jornalistas de Pernambuco (Sinjope) à empresa.

Além do pagamento dos salários, do 13° e das férias de dezembro, que também estão atrasadas, os jornalistas do Diario de Pernambuco cobram a regularização dos depósitos do INSS e o FGTS de todos os funcionários. Faz pelo menos três anos que esse recolhimento não está sendo feito corretamente. “A situação é insustentável. As pessoas estão vindo a pé para trabalhar porque não têm mais dinheiro para pagar passagens. Estão pedindo empréstimos em bancos e acumulando dívidas. Muitos não conseguiram matricular filhos na escola”, conta a diretora do Sinjope Cláudia Eloi.

Regularizar a folha de pagamento dos funcionários custaria cerca de R$ 1 milhão à empresa, nas contas do Sinjope. No fim do ano passado, o jornal mais antigo em circulação da América Latina tirou a sua versão impressa das ruas a partir do dia 22 de dezembro para economizar R$ 1,5 milhão com a compra de papel. Esse dinheiro serviria para sanar os débitos com os profissionais da casa, mas o periódico voltou a circular no último dia 8 sem que qualquer esforço de pagamento aos trabalhadores fosse esboçado por parte da administração.

A suspensão da versão impressa não sanou os problemas financeiros, nem aliviou a carga de trabalho dos profissionais da redação. Por causa do enxugamento do quadro, que passava de 150 pessoas em 2015 e atualmente opera com a metade desse volume, a qualidade do ambiente de trabalho também ficou comprometida. No começo do ano passado, 30 jornalistas foram dispensados também sob a justificativa do equilíbrio financeiro. Como essa equalização das contas nunca ocorreu, os jornalistas que ficaram ainda convivem com o medo diário de novas demissões.

No ano passado, a Marco Zero Conteúdo acompanhou uma audiência entre os jornalistas e o presidente do Diario de Pernambuco, Alexandre Rands, no Ministério Público do Trabalho (MPT). Alexandre é irmão de Maurício Rands, que foi candidato ao governo do estado no ano passado e se afastou do jornal durante a campanha. De forma bastante fria, o empresário chegou a dizer, na época, que os funcionários tinham que escolher entre as demissões ou um acordo coletivo para a redução temporária dos salários sem garantia de manutenção dos cargos. “Ou a gente quebra, ou a gente corta!”, disse.

Após as eleições, Maurício Rands voltou para a redação com a missão de equilibrar as contas, que no ano de 2017 fecharam com prejuízo de R$ 1 milhão. Até agora, contudo, as intervenções aparentemente não surtiram resultado. Um exemplo é a dívida que o governo do estado tem com o jornal, que é avaliada em R$ 900 mil. Em audiência recente entre a administração pública e os gestores da empresa, o governo informou o pagamento de R$ 220 mil da dívida total. O valor inicialmente foi contestado pela administração do Diário de Pernambuco, que posteriormente voltou atrás e confirmou o recebimento. Uma nova audiência entre as partes deve acontecer em breve.

A conta dos passaralhos

Nas conversas das redações, o passaralho é a palavra usada para definir as demissões em massa de jornalistas. É uma realidade infelizmente cada vez mais recorrente para a categoria no Brasil.

Em Pernambuco, a crise dos negócios jornalísticos e o panorama econômico e político do país aceleraram o ritmo das demissões no ano passado. Além dos cortes no Diario de Pernambuco, o Sistema Jornal do Commercio demitiu 25 pessoas e cortou as horas extras fixas por extensão de jornada, que representam aproximadamente 40% da remuneração dos profissionais. As medidas foram anunciadas entre o Natal e o Ano Novo.

A quem não aceitou ficar apenas com o salário-base foi oferecida a opção da demissão com o pagamento dos direitos trabalhistas. Ou seja, as demissões prosseguiram e, segundo o Sinjope, a lista final que vai mostrar o real tamanho do enxugamento do Sistema Jornal do Commercio só deve se concretizar no próximo mês. Em todo o Brasil, as redações demitiram 2.327 jornalistas desde 2012 de acordo com levantamento do VoltLab. Os dados estão atualizados até agosto do ano passado, ou seja, não contabilizam as demissões no SJCC, por exemplo. Já as empresas de mídia dispensaram quase oito mil profissionais no país.

Paulo Câmara diz que vai priorizar pagamento de pendência a fornecedores

0
Paulo Câmara diz que vai priorizar pagamento de pendência a fornecedores
Câmara disse que vai montar plano para organizar pagamentos aos fornecedores – Foto: Sérgio Bernardo/JC Imagem

Em entrevista a Geraldo Freire para a Rádio Jornal na manhã desta segunda-feira (21), o governador de Pernambuco Paulo Câmara afirmou que vai priorizar, neste primeiro semestre do ano, o pagamento de fornecedores  do governo, que sofreram com atrasos no fim do ano passado. “Vamos fazer uma pactuação e sanar qualquer pendência com fornecedor em 2019. Isso é uma das prioridades que até março todos os fornecedores tenham um plano de pagamento e recebimento”, afirmou o governador, por telefone.

Paulo também comentou a questão da crise dos estados, as obras de transposição do Rio São Francisco, a manutenção da BR-232 e a duplicação da rodovia em Garanhuns, no Agreste.

varejao

Gonzaga Patriota segue com maratona de visitas aos municípios pernambucanos

0

O deputado federal Gonzaga Patriota (PSB/PE) segue com uma maratona de visitas aos municípios pernambucanos. No último final de semana, passou por Garanhuns, Águas Belas, Manari, Ibimirim, Itapetim, São José do Egito, Iguaraci, Sertânia e Bonito.

A agenda foi iniciada sábado, 19, em Garanhuns, onde o parlamentar agradeceu os votos recebidos ao lado da vereadora Betânia da Ação Social. Gonzaga ainda se colocou à disposição do grupo para continuar lutando pelo município. Em seguida, agradeceu as votações em Águas Belas, Manari e Ibimirim.

Nesse domingo, 20, o socialista começou o dia em Itapetim, prestigiando a solenidade de entrega do Sistema de Abastecimento de Água na comunidade de Serrinha. Ele se comprometeu a destinar emenda de R$ 1 milhão para outras obras de abastecimento no município.

Por fim, o parlamentar se reuniu com Roseane Borges em São José do Egito e participou de festas em homenagem ao padroeiro São Sebastião em Iguaraci, no distrito Algodões (Sertânia) e em Bonito, onde o evento ocorre há mais de dois séculos.

ararifm

João Campos vai abrir seleção para assessores no DF e em PE

0
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem

O deputado federal diplomado João Campos (PSB) anunciou, em entrevista à Rádio Jornal, que vai abrir nesta segunda-feira (21) seleção pública para contratar quatro assessores, dois em Pernambuco e dois em Brasília.

O site será lançado às 20h e as inscrições seguem até o próximo domingo (27).

As vagas para o escritório pernambucano serão para as áreas de geração de conteúdo e de mídias digitais. No Distrito Federal para as de orçamento e imprensa.

De acordo com João Campos, os quatro assessores somam 30% do total. “É um fato inédito no Estado de Pernambuco”, disse.

O parlamentar afirmou que será necessário enviar currículo, além de cumprir as outras etapas do processo seletivo, que incluem questionário sobre atualidades, testes de lógica e política e produção de vídeo.

armazem