Início Notícias Mulher de Lula pressionou relator do caso Robinho a votar pela prisão

Mulher de Lula pressionou relator do caso Robinho a votar pela prisão

238
Foto: reprodução

A primeira-dama Janja da Silva interviu no caso Robinho por meio de uma ligação para o relator Francisco Falcão, do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), feita às vésperas do julgamento.

Segundo informações do colunista Lauro Jardim, a esposa do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) telefonou para o magistrado a fim de pressioná-lo a determinar a prisão do ex-atleta, condenado por estupro pela Justiça italiana.

Após a conversa, o ministro Falcão votou como desejava a primeira-dama.

Detido no último dia 21, Robinho terá de cumprir em solo brasileiro a pena de nove anos determinada pelo país europeu, visto que a Constituição proíbe a extradição de brasileiros natos.

Ainda de acordo com o colunista, Janja também visa exercer sua influência a fim de direcionar indicações de juízes em outras cortes superiores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here