Início Notícias Lula presiona PSB com pré-candidatura de Humberto Costa a governador de PE

Lula presiona PSB com pré-candidatura de Humberto Costa a governador de PE

58
Foto: reprodução

Por Houldine Nascimento /Blog do Magno

Mesmo diante de falas públicas de lideranças do PSB sobre a impossibilidade de não haver candidatura própria ao Governo de Pernambuco, o senador Humberto Costa (PT) mantém a esperança de se viabilizar dentro da Frente Popular. A indefinição na escolha do nome socialista abriu espaço para que o parlamentar petista se movimentasse nessa direção.

Em menos de uma semana, ele esteve reunido duas vezes com o governador Paulo Câmara (PSB). No encontro mais recente, foi acompanhado pelo presidente do PT em Pernambuco, o deputado estadual Doriel Barros. “Nós apresentamos essa indicação para que a Frente Popular avalie e possa se posicionar. Achamos que o PT e eu temos total legitimidade e consideramos que é perfeitamente possível a Frente abraçar essa decisão”, pontua em entrevista ao Blog.

Na próxima semana, Humberto pretende apresentar ao Palácio do Campo das Princesas e a aliados da Frente Popular uma pesquisa com números que mostram seu potencial de voto no Estado. Por ora, ele descarta lançar seu nome fora dessa conjuntura. “A não ser que haja uma ruptura nacional”, explica o senador.

Para defender Humberto Costa, Doriel Barros lembra da costura feita em 2018, quando o PT retirou o nome de Marília Arraes e decidiu apoiar a reeleição de Paulo. “Por tudo o que o PT já contribuiu com a Frente Popular, o nome de Humberto está colocado. Você sabe que, na última eleição, o PT foi determinante para a eleição do governador Paulo Câmara”, reforça o líder petista em Pernambuco.

O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva e a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, também entraram no circuito para endossar a pré-candidatura de Humberto Costa ao Governo. Esse movimento tem sido observado por socialistas com descrédito. Na visão deles, é mais uma maneira que Lula encontrou para pressioná-los e, assim, obter o apoio do PSB na disputa à Presidência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here