Início Notícias Governo Lula informa que 897 mil famílias tiveram o Bolsa Família bloqueado em abril

Governo Lula informa que 897 mil famílias tiveram o Bolsa Família bloqueado em abril

111
Foto: reprodução

No dia 19 de abril, o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social (MDS) divulgou mais um informe relacionado ao Bolsa Família.

O documento traz detalhes sobre o pagamento do mês de abril, que segue sendo depositado até o dia 30.

O MDS informa que cerca de 20,9 milhões de famílias receberão o benefício, incluindo as 120 mil novas famílias que entraram no Programa em abril.

O valor médio do benefício está na casa dos R$ 680,90. E, de todas as famílias avaliadas, 83,5% são chefiadas por mulheres.

Para 19,9 milhões de famílias, o Bolsa Família 2024 está liberado em abril.

No entanto, algumas outras estão com o benefício bloqueado ou foram excluídas do programa. Por isso, podem não receber o dinheiro em maio.

Descubra mais a seguir.

BOLSA FAMÍLIA 2024

Segundo o MDS, 897 mil famílias têm o Bolsa Família bloqueado em abril. Isso significa que a parcela é depositada com o dinheiro, mas elas estarão impedidas de sacar até que regularizem ou esclareçam o problema.

Nestes casos, o beneficiário ainda poderá receber o próximo pagamento, no mês de maio, desde que solucione o bloqueio.

Vale ressaltar que se o Bolsa Família permanecer bloqueado por 6 meses ou mais, a família sairá do programa.

Por outro lado, outras 182 mil famílias tiveram o benefício cancelado. Nestes casos, a parcela deixa de ser depositada, e a família é excluída do programa. Ou seja, para esse grupo, não haverá pagamento em maio.

Caso a família possa ainda receber, é necessário que a situação seja regularizada, e o município comande a reversão de cancelamento em até 6 meses.

Mas a reversão do cancelamento só acontece se o cadastro da família estiver atualizado e se ela estiver com renda de até meio salário-mínimo (R$ 706).

Os principais motivos para o cancelamento neste mês de abril são:

  • Famílias que não regularizaram os cadastros dentro do prazo estipulado no Processo de
    Qualificação Cadastral 2024 (Averiguação);
  • Famílias identificadas com inconsistências cadastrais, que permaneceram bloqueadas por mais de 6 meses sem regularizar;
  • Famílias que alcançaram o prazo máximo de 24 meses (2 anos) da Regra de Proteção.

Para evitar esta situação, toda alteração de renda deverá ser comunicada ao CRAS do seu município. Ou seja, caso alguém da família tenha arrumado emprego, a mudança deve ser informada ao centro.

PAGAMENTO DO BOLSA FAMÍLIA

Além das citadas acima, outras famílias também estão fora do pagamento em maioSão as 54 mil famílias que tiveram o benefício suspenso.

Esta medida é aplicada às famílias que já receberam alertas ou bloqueios em outros meses anteriores.

Elas permanecem em suspensão por 2 meses, ou seja, não irão receber depósitos dos meses de abril e maio. (JC Online)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here