Início Notícias Arari FM: Deputada Socorro Pimentel fala pela primeira vez sobre a disputa...

Arari FM: Deputada Socorro Pimentel fala pela primeira vez sobre a disputa pelo PDT de Araripina; assista

189
Foto: Blog do Roberto

Por Cidinha Medrado para o blog

Em uma entrevista exclusiva concedida ao programa Araripina Urgente, com o jornalista Roberto Gonçalves, a deputada estadual Socorro Pimentel, esposa do prefeito Raimundo Pimentel, fez declarações contundentes sobre o cenário eleitoral em Araripina. O desabafo da deputada revelou as tensões políticas que cercam o município, incluindo o rompimento, especialmente com o vice-prefeito.

Durante a entrevista, a deputada não hesitou em expressar suas opiniões e mágoas em relação aos desentendimentos políticos que vêm marcando a gestão municipal. Socorro Pimentel criticou publicamente os últimos acontecimentos envolvendo essa relação política, evidenciando a divisão interna que tem afetado a administração de Araripina.

“Tem um determinado grupo que quer se apropriar da condução de um processo político que é naturalmente conduzido pelo prefeito do município, esse clima de instabilidade, de insegurança, fake News que estão querendo implantar desde a semana passada, eu acho que tem que se acabar, que Araripina não merece isso, hoje tá vivendo época de paz, a gente merece estar vivendo a festa do São João com muita paz, com muita alegria, para que a gente possa estar coroando esse oitavo ano de administração do prefeito. E eu tenho certeza, não tenho dúvida, que Ana Paula Ramos, vai ser o melhor caminho”, disse a deputada.

A informação da pré-candidatura de Ana Paula Ramos é que gerou atuais controvérsias intensificando especulações sobre os rompimentos e os rumos da política local.

Socorro Pimentel declarou ter sido profundamente afetada pela traição de um amigo, mas também evidencia sua força e capacidade de superação, se revelando uma pessoa resiliente, que aprendeu com a experiência e estar determinada a seguir em frente, mesmo com cautela.

“Um indivíduo que se considerava amigo, filiado a um grupo político em Petrolina, agiu de forma desleal e traiçoeira. As ações dele nos causaram a perda de 15.000 votos e um processo de retirada gradual de apoios. Apesar da decepção, nosso grupo optou por seguir em frente, “passar uma borracha” no ocorrido e buscar retomar o caminho original. A retomada das atividades se deu com cautela, e com “muitas ressalvas”, cientes de quem se tratava, devido a experiências anteriores. Em 2022, as traições se tornaram evidentes, mas apesar de sofrer demais, me mantive firme”, contou Socorro Pimentel.

A entrevista de Socorro Pimentel vem repercutindo amplamente nas redes sociais e na imprensa local. As declarações da deputada trouxeram à tona questões importantes sobre a liderança política no município e sobre os rumos que a administração municipal poderá seguir no futuro. Neste momento, é mais um alvo para debates e reflexões sobre os desafios e as perspectivas para o futuro político da cidade, influenciando os acontecimentos até as próximas eleições. Assista vídeo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here