Início Notícias Ao encontro da Compadecida: Ariano Suassuna é sepultado no Grande Recife

Ao encontro da Compadecida: Ariano Suassuna é sepultado no Grande Recife

499
alt

alt

Foto: Amanda Miranda

E, se não há quem queira pagar, peço pelo menos uma recompensa que não custa nada e é sempre eficiente: seu aplauso / Pano / Recife, 24 de setembro de 1955.” Encerra Ariano, provavelmente a sua obra mais famosa, O Auto da Compadecida, tantas vezes adaptada para o teatro e o cinema. No final da tarde desta quinta-feira (24, não de setembro, mas de julho), quase seis décadas depois, as cortinas fecham e o mestre Suassuna vai descansar – quem sabe com a sua Nossa Senhora? Mas a missão já foi cumprida. Deixou todos os personagens e duas lições principais: o amor pela cultura nordestina e a leveza. Foi sepultado esta tarde no cemitério Morada da Paz, em Paulista, no Grande Recife, porém teve a sua imortalidade destacada por familiares, amigos e outros admiradores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here