Início Site

Brasil chega a 100 milhões de vacinados

Foto: Blog do Roberto

O Brasil chegou a 100 milhões de vacinados contra a covid-19 na tarde dessa segunda-feira (26). Foram vacinadas 100.072.759 pessoas desde o começo da vacinação até as 14h51 desta segunda-feira. O número refere-se à soma daqueles que receberam a 1ª dose de um imunizante de dose dupla aos que tomaram uma vacina de injeção única. As informações são do portal Poder 360.

O dado é da plataforma coronavirusbra1, que compila números das secretarias estaduais de Saúde.

O país atingiu a marca perto de ultrapassar a média de 1,5 milhão de doses aplicadas diariamente. Nos 7 dias até o domingo (25.jul), foram aplicadas, em média, 1.468.516 injeções diárias. É o recorde desde o começo da vacinação, em 17 de janeiro de 2021.

O número considera qualquer aplicação, seja da 1ª ou da 2ª dose, seja de uma vacina de dose única.

Araripina: Markel Jacob chama atenção para o início das queimadas ilegais na região; ouça

Foto: Dante Arruda

Por Cidinha Medrado

O número de queimadas aumentou no Sertão do Araripe consideravelmente e tem acontecido com frequência chamando a atenção das autoridades para maiores cuidados com o meio ambiente, no sentido de intensificar um trabalho de cuidados e orientações, já que o sol anda bem quente. Quem falou sobre o assunto no programa Araripina Urgente do Jornalista Roberto Gonçalves, foi Markel Jacob, diretor da ONG Patrulha Ambiental.

“É um período crítico em relação as queimadas na região. Aqui já teve um perto da Perimetral e outro perto da Icoasa, chegando a necessidade da gente passar algumas situações para as gestões em um projeto com o objetivo de combater esses focos trabalhando em conjunto com os bombeiros. Teve outro incêndio no Alto do Cordeiro, os bombeiros tem as dificuldades deles e no mesmo dia dessa queimada, eles estavam em Timorante, quer dizer, às vezes a gente fica a ver navios porque não sei se é uma ou duas equipes apenas, e eles tem que atender toda região. Essa ideia de trabalhar junto, desde 2017 a gente vem tentando, para montar essa brigada de incêndio” disse ele.

Os incêndios costumam acontecer a partir de pequenos focos, a patrulha tenta montar uma brigada específica em Araripina, Markel comentou que o projeto já está pronto que já foi enviado para Secretaria de Meio Ambiente.

“É nosso interesse montar essa brigada nós estivemos com secretário de Meio ambiente de Trindade o secretário de Meio ambiente de Ipubi e com Araripina para que a gente possa conversar com gestores até montar essa brigada, na minha ideia é importante trabalhar em conjunto com as equipes destas cidades” explicou.

Markel considerou que é importante discutir a ideia juntos, que em relação à mão de obra a região tem pessoas que foram capacitadas através de um curso que foi ministrado pelo Prevfogo do Ibama, em Ouricuri.

“Tem brigadistas em todas as cidades, Trindade, Parnamirim, Cedro, Santa Filomena, Exu entre outras cidades, muitos deles aí sem fazer o trabalho”, disse.

Apesar de todos conhecerem as suas responsabilidades se alguém precisar fazer uma queimada legal é preciso procurar a Secretaria de Meio Ambiente ou Secretaria de Agricultura para informar que vai realizar essa queimada, então os agentes dessas unidades vão até o terreno e comprovam se está sendo feito conforme as normas, isso especialmente para os agricultores que a fazem para preparar a terra para o plantio.

“Ano passado ocorreu o incêndio no mês de setembro no sítio Jatobá foi destruído em torno de 1700 braças de cerca do Senhor Tadeu e esse incêndio começou próximo à uma empresa ali perto e se alastrou destruindo cerca de 400 tarefas de vegetação, se a gente já tivesse a brigada provavelmente esse incêndio não teria se estendido porque nós teríamos conseguido bloquear ele e não teria condições de ultrapassar a pista”, contou Jacob

Recentemente a ONG Patrulha Ambiental e a agência Municipal do Meio Ambiente de Araripina receberam a visita da equipe de campo do Núcleo de Ecologia e Monitoramento Ambiental da Universidade Federal do Vale do São Francisco ( UNIVASF), com o objetivo de fornecer sementes para serem plantadas no intuito de repor essa vegetação que foi queimada..

A Patrulha também costuma distribuir mudas, mais de 20 mil mudas já foram distribuídas, desde 2014 entre árvores nativas, exóticas e frutíferas nas comunidades em Araripina, Trindade, Exu e outros municípios. Porém, foi informado que o viveiro da ONG está sendo desativado depois de assaltos sucessivos da tela de cobertura do viveiro, que por dias seguidos ficou aberto.

“Não temos condições de estar repondo a tela e resolvemos depois de uma conversa entre os membros da patrulha fechar o viveiro, nós estamos doando todas as mudas que estão no viveiro, mais de 200, a gente vai doar durante a semana para poder finalizar esse trabalho de produção de mudas”, lamentou. Ouça abaixo a entrevista na íntegra:

Prefeitura de Exu firma parceria com AGE para garantir Crédito Popular e Capital de Giro Emergencial a empreendedores

Foto: divulgação

Uma parceria foi firmada pela Prefeitura de Exu com a Agência de Empreendedorismo de Pernambuco (AGE) com objetivo de garantir e facilitar o acesso de empreendedores urbanos e rurais a Crédito Popular e Capital de Giro Emergencial.

A AGE oferece acesso simplificado e juros baixos nas linhas de crédito. O Crédito Popular pode chegar a R$ 4 mil, com carência de até 4 meses e parcelado em 12 meses, atendendo pessoas físicas e jurídicas.

Já o Capital de Giro é voltado a Microempreendedores Individuais (MEIs), Microempresas (MEs) e Empresas de Pequeno Porte (EPPs), chegando até R$ 50 mil, em até 30 parcelas e carência de 6 meses.

Os primeiros atendimentos no município aconteceram na semana passada. O Diretor-Presidente da AGE, Márcio Stefanni, comemorou o início da parceria. “Espero que tudo caminhe bem com os empreendedores de Exu, acessando o crédito e melhorando os negócios”, frisou.

Pernambuco recebe mais de meio milhão de vacinas esta semana

Foto: Hélia Scheppa/SEI

O governador Paulo Câmara informou, hoje, por meio de pronunciamento, que Pernambuco vai receber, nos próximos dias, 506.470 doses de vacinas contra a Covid-19. Estão previstas para amanhã as chegadas em dois voos de 164.200 doses da Coronavac/Butantan e 247.500 da AstraZeneca/Oxford/Fiocruz. Já na próxima quarta-feira, chegarão ao Recife mais 94.770 doses da Pfizer/BioNTech.

Segundo Paulo Câmara, a entrega já está confirmada pelo Ministério da Saúde, e será a maior já registrada em uma mesma semana. “Esse total de um pouco mais de meio milhão de vacinas vai nos permitir avançar nas faixas etárias, em todo o Estado”, afirmou o governador, que alertou a população para a importância da segunda dose. “Se você já tomou a primeira, não perca o prazo para completar a sua imunização”, finalizou.

Ao todo, desde o dia 18 de janeiro, Pernambuco já recebeu 6.455.800 doses de imunizantes, sendo 3.309.170 da Astrazeneca/Oxford/Fiocruz, 2.269.160 da Coronavac/Butantan, 709.020 da Pfizer/BioNTech e 168.450 da Janssen.

Banhista é atacado por tubarão na praia de Piedade; segunda vítima em menos de um mês

Foto: reprodução

Na tarde deste domingo (25), mais uma pessoa foi vítima de um ataque de tubarão na Praia de Piedade, em frente a Igrejinha, em Jaboatão dos Guararapes.

A vítima foi um rapaz de 32 anos e sofreu uma lesão na parte posterior da coxa esquerda e glúteos e foi conduzida, consciente, para o Hospital da Aeronáutica, de acordo o Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco (CBM).

O rapaz estava em águas rasas e os guarda-vidas realizaram a contenção da hemorragia no local, com o apoio da equipe de Moto resgate.

Segundo o Hospital da Aeronáutica, a vítima foi estabilizada e transferida para o Hospital da Restauração (HR). Ele passou por uma cirurgia e está estável. Fonte: Folha de PE

Dois detentos passam mal e morrem na penitenciária de Petrolina

Foto: reprodução

Dois detentos da penitenciária Dr. Edvaldo Gomes, em Petrolina, morreram na manhã desta segunda-feira (26), após passarem mal na cela e serem socorridos por enfermeiros do próprio presídio.

De acordo com a Secretaria Executiva de Ressocialização de Pernambuco (Seres), eles chegaram a ser encaminhados para uma Unidade de Pronto Atendimento da cidade, mas não resistiram e já chegaram sem vida.

Os detentos foram identificados como Romário Mendes da Silva, 35 anos e Noel Correa Matias, de 24. A Seres afirmou ainda que a delegacia do município foi acionada para investigar as causas das mortes.

Gonzaga volta a defender municipalização de distritos no Sertão de Pernambuco

Foto: divulgação

O deputado federal Gonzaga Patriota (PSB) voltou a defender a emancipação política de distritos em Pernambuco, especialmente no Sertão. Em suas redes sociais, Gonzaga lembrou que iniciou uma luta semelhante há 20 anos, com a emancipação de municípios como Lagoa Grande, Dormentes, Santa Cruz, Carnaubeira da Penha, Jatobá e Santa Cruz da Baixa Verde.

“Depois de 20 anos voltamos a esta luta. Temos Nascente, em Araripina, Rajada em Petrolina. São municípios importantes precisando se emancipar. Já temos importantes apoios, um movimento nacional. Quero dizer da importância de emancipar um grande distrito, e este grande distrito ajudar a sua população e ao seu próprio município”, declarou.

Segundo o deputado, o município de Lagoa Grande se tornou polo da uva e do vinho após a emancipação,  assim como Dormentes alcançou o posto de primeiro município em Pernambuco com maior rebanho de caprinos e ovinos do Estado e Jatobá distribui energia para grande parte do Nordeste.

Ministério da Saúde vai enviar aos estados 10,2 milhões de doses de vacina contra covid-19 nesta semana

Foto: reprodução

O Ministério da Saúde informou, neste domingo, que serão enviados aos estados e ao Distrito Federal, ainda nesta semana, 10,2 milhões de doses vacinas. A pasta, porém, não soube responder o dia exato das remessas, nem as quantidades a serem distribuídas por unidade da federação.

As prefeituras do Rio de Janeiro, Belém, Campo Grande e João Pessoa não administrarão a primeira dose nesta segunda-feira. A segunda dose, porém, será aplicada normalmente.

Em Florianópolis e Maceió, a primeira dose será disponibilizada apenas para gestantes e puérperas maiores de 18 anos.

FBC e comitiva iniciam giro pelo Estado nesta segunda em visita a cidades da RMR

Foto: reprodução

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) inicia, nesta segunda (26), um giro por vários municípios do Estado. Acompanhado pelo prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, e pelos deputados federal Fernando Filho e estadual Antonio Coelho, o líder do Governo no Senado concentra sua agenda na Região Metropolitana, onde estão previstos encontros com os prefeitos das cidades de Olinda, Ipojuca, Cabo e Jaboatão.

A semana segue com o pé na estrada e uma agenda extensa para a comitiva, que tem na programação idas a cidades da Mata Norte, do Agreste e Sertão pernambucanos. Encontros com prefeitos e lideranças políticas locais e das regiões estão na programação do grupo até o próximo dia 30.

Além da visita institucional, será momento de renovar parcerias políticas, identificar os desafios e as necessidades dos municípios e das respectivas regiões.

Serviço
– Visita ao prefeito professor Lupércio
Data: 26/07/2021
Hora: 09h30
Local: Prefeitura de Olinda

– Visita à prefeita Célia Sales
Data: 26/07/2021
Hora: 11h
Local: Prefeitura de Ipojuca

– Visita ao prefeito Keko do Armazém
Data: 26/07/2021
Hora: 13h30
Local: Centro Administrativo da Prefeitura do Cabo

– Visita ao prefeito Anderson Ferreira
Data: 26/07/2021
Hora: 15h
Local: Centro Administrativo da Prefeitura de Jaboatão

Maconha é encontrada enterrada em praça de Araripina

Foto: divulgação 9ª CIPM

Nesse domingo (25), policiais da 9ª Companhia Independente de Polícia Militar – CIPM, receberam informações do Malhas da Lei, de que na praça do bairro Alto da Boa Vista em Araripina, estaria ocorrendo venda de entorpecentes.

Diante disto, o efetivo fez diligências no local e encontrou nas imediações do campo, a substância enterrada. Diante dos fatos, o material aprendido foi entregue à Delegacia de Polícia Civil – D.P.C. de Araripina para a adoção das medidas cabíveis. Tudo registrado em um Boletim de Ocorrência – B.O.

Araripina e outras cidades da região vão receber mais 10 parques eólicos

Foto: reprodução

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) apoiará a implantação de dez parques eólicos, com 409,20 MW de capacidade instalada.  O projeto gerará energia limpa e renovável para o abastecimento equivalente a 800 mil domicílios, com a geração de mais de mil empregos, principalmente para a população local. As novas usinas compõem os Complexos Eólicos Ventos do Piauí II e III, nos municípios de Betânia do Piauí, Curral Novo do Piauí, Paulistana, no Piauí, e Araripina e Ouricuri, em Pernambuco.

O financiamento será concedido a 10 sociedades de propósitos específicos (SPEs) pertencentes à VTRM Energia Participações S.A. (VTRM), joint venture criada entre a Votorantim Energia e o fundo canadense CPP Investments. O montante financiado será de R$ 1,62 bilhão. A previsão é que os dez parques entrem em operação comercial no ano que vem. Cada complexo irá se conectar ao Sistema Interligado Nacional (SIN) por meio de uma linha de transmissão até a subestação Curral Novo do Piauí II, já operacional.

“O apoio à expansão das energias renováveis no Brasil continua sendo uma estratégia de atuação do BNDES, permitindo maior desenvolvimento do mercado livre e propiciando que os investidores de ativos sustentáveis possam estabelecer parcerias comerciais com consumidores comprometidos com a agenda ASG”, explica a superintendente de Energia do BNDES, Carla Primavera.

Os recursos financiados serão utilizados primordialmente na aquisição de aerogeradores no Brasil. Dessa forma, o BNDES estimula o desenvolvimento da cadeia de fornecedores desse equipamento no país. As demais despesas do projeto envolvem obras civis, construção de subestação, rede elétrica de média tensão, bay de conexão (local de medição de consumo) e linhas de transmissão.

“Os complexos Ventos do Piauí II e III representam uma expansão de 72% da nossa capacidade instalada na região. Juntamente com os parques Ventos do Piauí I e Ventos do Araripe III, já em operação, estes projetos irão compor o maior cluster de geração eólica do Brasil, contribuindo ainda mais para o desenvolvimento da economia local, com arrecadação de tributos e a promoção de emprego e renda nos municípios onde estamos presente”, explica o CFO da Votorantim Energia, Carlos Guerra.

Os investimentos do BNDES em geração estão alinhados ao esforço do Plano Nacional sobre Mudanças Climáticas (PNMC) para redução das emissões de gases de efeito estufa. No Brasil, já foram implantados mais de 600 parques eólicos, totalizando 15,4 GW em capacidade instalada. Com isso, a energia elétrica proveniente de fonte eólica passou a ocupar o segundo lugar em relevância na matriz elétrica brasileira.

“As perspectivas para o setor no Brasil, especialmente para as fontes renováveis, são bastante promissoras, dado o interesse mundial por energia limpa e o avanço da pauta ASG. Essa evolução e amadurecimento do setor estabelecem uma nova dinâmica com inúmeras oportunidades, onde o apoio do BNDES tem sido importante”, destaca o diretor-geral da VTRM, Frederico Sarmento.

O esforço do BNDES também vai ao encontro do Plano Nacional de Energia 2030, do Governo Federal, com estratégias para expansão de energia econômica e sustentável pelos próximos dez anos.

De acordo com estudos da Associação Brasileira de Energia Eólica (ABEEólica), o índice de desenvolvimento humano de municípios que recebem projetos eólicos tem crescimento médio 20% superior em comparação aos demais.

Calote no Consórcio NE levanta suspeitas sobre Carlos Gabas

Foto: reprodução

Veja

A CPI da Pandemia já recebeu mais de 280 mil páginas de inquéritos sigilosos do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que apuram irregularidades cometidas por Estados no enfrentamento da pandemia. Um dos casos mais escandalosos envolveu o Consórcio Nordeste, presidido no ano passado pelo governador da Bahia, Rui Costa (PT). Dona da Hempcare Pharma, empresa de distribuição de medicamentos à base de maconha, que contava com apenas dois funcionários, a empresária paulista Cristiana Prestes Taddeo embolsou 48 milhões de reais ao vender  300 respiradores destinados a nove Estados nordestinos. A quantia foi paga antecipadamente pelo consórcio em um contrato cheio de fraudes — e até hoje a mercadoria não foi entregue. Em depoimento prestado aos investigadores, Cristiana levantou suspeitas contra dois ex-ministros de Dilma Rousseff: Carlos Gabas (secretário-executivo do Consórcio Nordeste, que validou a compra) e o prefeito de Araraquara, Edinho Silva.

A apuração chegou ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) após resvalar em Rui Costa, que prestou depoimento à Polícia Federal na condição de “potencial investigado”. O caso é uma sucessão de  irregularidades: a Hempcare Pharma não fabrica respiradores. A suposta parceira chinesa que seria a real fornecedora do equipamento opera no ramo de construção e não tinha qualificação para fabricar os aparelhos, de acordo com o governo de Pequim.

Os investigadores estão convencidos de que a negociação foi fraudada para desviar recursos públicos, em uma manobra que ultrapassaria “os limites da vilania”. Segundo a Polícia Civil baiana, a Hempcare Pharma construiu uma verdadeira rede criminosa que atua de forma estruturada, com apoio de lobistas para venda e compra de respiradores.

Cristiana chegou a ser presa e teve bens bloqueados pela Justiça. Em depoimento prestado aos investigadores, ela disse que, na época dos eventos, recebeu um telefonema de Gabas, que teria se identificado como “irmão de alma” de Edinho, prefeito de Araraquara. De acordo com Cristiana, Gabas afirmou que o município paulista estava precisando de 30 respiradores, mas que Edinho estava sem recursos para bancar a compra. No depoimento, Cristiana afirma que “estava implícito um pedido” e se propôs a fazer uma “doação”. De acordo com o Ministério Público, a tal doação seria na verdade uma propina para viabilizar o fechamento do negócio. A “doação” teria um custo de R$ 1,5 milhão e seria arcada com os valores recebidos do Consórcio Nordeste, mas os ventiladores — de novo — nunca foram entregues.

Procurado por VEJA, Gabas, ex-ministro da Previdência, disse que a versão apresentada pela empresária “não tem pé nem cabeça”. “Ela me comunicou, ‘olha, vou doar respirador para a prefeitura de Araraquara’, e eu falei ‘Que bom’. Ela dizia que a fábrica dela era lá. Não pedi nada. O prefeito me disse que ela não entregou nada, só prometeu. Não tem cabimento essa história. A criminosa é ela. Ela que tem de responder pelo dinheiro que ela roubou. Quem denunciou à polícia fui eu”, afirmou. Edinho Silva, ex-ministro da Secretaria de Comunicação Social (Secom), não se manifestou.

No mês passado, um requerimento apresentado pelo senador Eduardo Girão (Podemos-CE) para convocar Gabas a prestar depoimento à CPI da Pandemia acabou rejeitado pelos senadores. “A CPI deve ser ampla e irrestrita. O povo quer toda a verdade, e não apenas uma parte dela. Não dá para jogar a sujeira pra baixo do tapete”, disse o senador a VEJA. “Essa CPI, diferente do mensalão e do petrolão, não quer rastrear o dinheiro. Sou favorável a que se investigue tudo.”

Ninguém votará no papel

Foto: reprodução

Por Magno Martins

Voltei, ontem, de um giro ao Interior impressionado com a falta de conhecimento da população em relação à polêmica do voto impresso proposto para as eleições de 2022, como deseja o presidente Bolsonaro na forma, também, como tramita no Congresso uma PEC (Proposta de Emenda Constitucional) da deputada Bia Kicis (PSL-DF).

Assustou-me, especialmente, gente esclarecida achar que o voto impresso é regredir ao passado, votando em cédula de papel. Não tem nada disso, nem poderia. O que se debate hoje não é o retorno do voto em cédulas, mas a adoção de um comprovante em papel do voto dado na urna eletrônica. O comprovante não passaria pelas mãos do eleitor e serviria para uma auditoria dos resultados da urna eletrônica —ou seja, conferir se os votos dados pelos eleitores são iguais ao resultado computado pelas urnas.

A urna eletrônica será usada pelo eleitor do mesmo jeito. O que muda é a adição de um mecanismo complementar. A ideia passa pela instalação de impressoras acopladas à urna eletrônica, com um recipiente lacrado e transparente onde esses votos seriam armazenados. A proposta não prevê que o eleitor possa levar com ele um comprovante do voto. No procedimento, o votante poderia observar pela transparência do recipiente se o voto computado pela urna eletrônica corresponderia ao que foi digitado por ele no equipamento.

Defensores da medida argumentam que a auditoria do voto eletrônico, como é feita hoje, exige um conhecimento técnico especializado, o que exclui a maior parte da população desse processo. Essa proposta tem o nome de VVPAT, sigla em inglês para comprovante de votação verificado pelo eleitor. A ideia funciona da seguinte forma: o eleitor vota na urna eletrônica, e sua escolha é registrada também em papel por uma impressora acoplada e protegida por um acrílico —assim, ninguém tem contato físico com a cédula.

O eleitor verifica se o registro corresponde à sua vontade e confirma o voto. O papel é então despejado automaticamente em uma urna indevassável, o que resulta em dois registros do voto: o eletrônico e o impresso. No caso de contestação sobre o resultado das eleições e uma eventual recontagem de votos, isso pode ser feito tanto por técnicos, quanto pela sociedade civil.

Referenciais no Exterior – O voto impresso já é adotado por alguns países, como Índia, Argentina e Venezuela, que implementam o recurso de forma gradual. Alguns especialistas defendem que, em vez de trocar todas as urnas do País, isso seja feito apenas em um grupo de seções randomizadas, de forma a ter uma amostra auditável em papel dos votos. “Não é ruim ter a possibilidade de fazer auditoria em papel. O que não quer dizer que voto tem que ser em papel em todas as urnas. O governo pode aleatorizar em seções eleitorais urnas que imprimem o voto e auditar essas urnas. Se houver fraude, seria possível identificar a partir disso”, explica a cientista política Lara Mesquita, pesquisadora do Centro de Política e Economia do Setor Público da Fundação Getúlio Vargas.

Em menos de 24 horas, duas mulheres são assassinadas em Petrolina

Foto: reprodução

Em menos de 24 horas, de sábado (24) para domingo (25), Petrolina registrou o assassinato de duas mulheres. O primeiro feminicídio ocorreu no Distrito de Nova Descoberta. As informações de momento são de que a vítima (ainda não identificada) teria sido atingida durante um tiroteio numa comunidade do distrito. Ela chegou a ser socorrida ao Hospital de Lagoa Grande (PE), mas não resistiu.

O outro crime aconteceu na Rua 11 no Bairro São Jorge, zona norte da cidade, na tarde de hoje. Viaturas do 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM) foram acionadas ao local por vizinhos da mulher assassinada. O Blog tentou levantar mais detalhes do crime junto à Polícia Civil (PC), mas ainda não foi possível. Com informações do Blog do Carlos Britto.

Traficante é preso com mais de 61 Kg de maconha na zona rural de Cabrobó

Foto: reprodução

Na noite desta sexta-feira dia (23), durante a OPERAÇÃO CACTUS/DINTER II,  na área da 2ªCIPM, o efetivo policial realizou a abordagem ao veículo Ford/KA Branco, na BR 428, zona rural de Cabrobó, no Sertão de Pernambuco.

Segundo informações repassadas ao Blog O Povo com a Notícia, foi feita a revista minuciosa no interior do veículo, ocasião em que foram encontrados na mala do veículo vários invólucros de  uma substância esverdeada análoga a “Maconha”, totalizando aproximadamente a quantidade de 61,440 Kg, como também foi constatado através de consulta aos sistemas de segurança que o referido veículo era produto de  Roubo e apresentava várias adulterações.

Diante dos fatos, o condutor do veículo, de 32 anos, morador de Mirandiba, PE, foi preso e encaminhado juntamente com os matérias apreendidos à DPC de Cabrobó, onde foram adotadas as medidas cabíveis.

Protestos populares: O que falta para a ditadura cubana cair?

Foto: reprodução

Repressão, perseguição, intimidação e uma tímida sinalização de “boa vontade” do regime para tentar aliviar as pressões econômicas do dia a dia que pesam sobre os cubanos. É assim que Miguel Díaz-Canel está respondendo aos protestos de 11 de Julho, que pegaram as autoridades castristas de surpresa e lembraram ao mundo que a ilha é governada por uma ditadura brutal.

As marchas por liberdade representaram uma rachadura na estrutura de poder comunista. Porém, o caminho para uma transição democrática promete ser longo. Pressão internacional, uma oposição mais bem organizada e dissidências entre as autoridades do regime são alguns dos fatores apontados por analistas ouvidos pela Gazeta do Povo para que o movimento pró-liberdade e pró-democracia tenha sucesso em Cuba.

Como o regime cubano mantém o poder?
Ao contrário das ex-repúblicas soviéticas, os Castro mantiveram o comunismo vivo em Cuba após a queda da União Soviética, que até fim dos anos 1990 era grande apoiadora do regime cubano.

Após o baque econômico inicial, a ditadura castrista procurou outras fontes de renda, que foram encontradas principalmente no turismo; na assistência militar à Venezuela, que em troca fornecia combustíveis; e no envio de dólares de cubanos no exterior para familiares na ilha.

Ainda, uma das principais fontes de renda de Havana é a exportação de serviços de saúde, por meio programas como o Mais Médicos – criticados por organizações internacionais, como a Human Rights Watch, por violar os direitos humanos dos profissionais enviados para prestar serviço fora do país.

Nos 60 anos em que está no poder, a ditadura aprimorou seus métodos de controle social, impossibilitando a existência de uma oposição. O sistema cubano de partido único não permite a dissidência política e atua para reprimir movimentos contrários ao regime.

O aparato de segurança estatal cubano conta com um número expressivo de informantes, cidadãos comuns que vigiam atividades de vizinhos e relatam ações ilegais, como fazer compras no mercado negro, desobedecer ordens do Partido Comunista ou participar de movimentos de oposição.

A ditadura conta também com a polícia secreta para esse controle. Estima-se que a proporção de agentes da polícia secreta na população cubana seja maior do que a da infame Stasi, que atuava em Berlim Oriental.

“Cuba desenvolveu, em 60 anos, métodos de espionagem entre pares muito potentes”, diz Carmen Beatriz Fernández, consultora política e acadêmica e professora na Universidade de Navarra (Espanha). “É um mecanismo herdado da União Soviética e da Alemanha Oriental. Em Cuba, não se podia mover uma mosca sem que um funcionário do governo soubesse”.

Esse modelo de controle social “provavelmente vai isolar o regime cubano de qualquer forma de colapso iminente”, avalia Ryan C. Berg, pesquisador do Center for Strategic & International Studies (CSIS), um grupo de pesquisas em Washington (EUA).

Antes dos protestos de 11 de Julho, o sistema de controle social era muito eficiente em coibir a dissidência antes que ela se tornasse um “problema”. Se alguém está conspirando ou planejando um protesto, a inteligência do regime ficava sabendo muito antes.

No entanto, Carmen Fernández diz que o regime foi surpreendido pelos protestos de 11 de julho, que o aparato de controle social não pôde controlar. Os protestos, por serem espontâneos, romperam esse sistema de dominação, disse ela.

Os protestos podem provocar a mudança?
Os especialistas ouvidos pela Gazeta do Povo são cautelosos na avaliação sobre a possibilidade de mudança do regime cubano a partir dos recentes protestos.

Apesar do descontentamento da população e da ousadia dos que saíram às ruas, ainda é cedo para dizer se haverá mudança política em Cuba.

“Se [os protestos] são o princípio de uma mudança do regime, eu não sei. E acredito que ninguém saiba”, opina Carlos Malamud, analista sênior para América Latina no Elcano Royal Institute, grupo de pesquisa com sede em Madri, Espanha.

O que falta para que o regime caia?
Para Malamud, a mudança vai depender “da capacidade do regime de manter suas fileiras sem grandes rupturas, sem grandes contradições internas”.

“Na medida em que comecem a aparecer dissidências internas, poderia ter início uma situação diferente”, diz o especialista.

Casos de dissidência dentro da estrutura de governo de Cuba têm sido raros nesses 60 anos e, até o momento, não houve grandes sinais de dissidências após os recentes protestos.

A imprensa inicialmente relatou que o vice-ministro do Interior, Jesús Manuel Burón Tabit, que supervisiona forças policiais e de segurança, havia pedido demissão no dia 14 de julho, devido ao excessivo uso da força contra os manifestantes. Mas logo em seguida a informação foi negada pelo regime.

Embora a demissão da autoridade do Ministério do Interior tenha sido negada, há relatos de alguma dissidência interna entre gerações mais novas e mais velhas nas forças armadas, segundo disseram fontes ao jornal espanhol ABC. Porém, essas fissuras não devem ser o suficiente para ameaçar a segurança do regime, dizem pesquisadores do CSIS.

Além disso, as chances de mudança irão depender também de como a oposição conseguirá se articular em um movimento mais organizado que o atual.

A oposição cubana, além de ser fragmentada e descentralizada, também é infiltrada pelas forças de segurança e serviços de inteligência, frisa Malamud. “Isso evidentemente complica que no futuro se coloque em marcha um movimento mais coordenado”.

Rafael Cox Alomar, professor de Direito na Universidade de Harvard, concorda: “A oposição política em Cuba parece estar grandemente fragmentada, sem estratégia ou liderança visíveis – elementos indispensáveis para alcançar o sucesso de longo prazo”, disse Alomar ao Harvard Law Today.

A pressão internacional também pode ser um fator chave para uma transição democrática na ilha. Embora muitos cubanos que vivem no exterior estejam pedindo por uma intervenção militar americana na ilha, não há vontade política para que isso ocorra, como já deixou claro o presidente do Comitê de Relações Exteriores do Senado dos Estados Unidos, o democrata Bob Menéndez.

Contudo, há outras formas de pressão internacional, advogadas por cubanos no exílio, que poderiam enfraquecer a ditadura. Eles citam o corte das relações diplomáticas com Cuba, fim do financiamento ao regime – principalmente por meio de negócios com empresas controladas pelos militares -, assistência para os dissidentes e para os que lutam pela democracia, além de garantir que os cubanos na ilha possam ter acesso à serviços de internet e telefonia.

“Uma maior pressão internacional tem a ver, principalmente, com a questão econômica”, afirma Carmen Fernández, citando que, a não ser que um país venha socorrer o regime, Cuba se veria forçada a abrir sua economia.

Os especialistas ouvidos pela Gazeta do Povo acreditam ser muito difícil que a China, embora tenha demonstrado apoio a Díaz-Canel, atue como um financiador do regime por questões geopolíticas, já que a presença do gigante asiático na América Latina é muito mais pautada pelos negócios.

Com a ausência de um “patrocinador” estrangeiro e eventuais sanções ao regime e aos negócios com os militares, os números econômicos em Cuba poderiam aumentar a indignação popular, levando as autoridades a escolher entre uma transição negociada ou aumento da repressão.

Por fim, Fernández lembra que um dos fatores que mais devem influenciar o futuro da ilha é como vão agir as pessoas que estão no entorno do governo, que se beneficiam do status quo – aquelas que compareceram nos atos em apoio à ditadura, convocados para fazer frente aos protestos.

“Elas vão se perguntar: o que vai acontecer comigo, com minha família. Se a reposta for a prisão ou mortes, elas tendem a continuar do lado do regime. Por isso é importante que essas pessoas sintam que pode haver incentivos para uma transição”, concluiu a analista espanhola.

No Banner to display

Universidade Cruzeiro do Sul oferece cinco novos cursos de engenharia para Araripina e região; ouça

Foto: Blog do Roberto

Ancelmo Furtado anunciou cinco novos cursos, quatro deles, na área de Engenharia. Engenharia elétrica, engenharia mecânica, engenharia mecatrônica e engenharia civil

Por Cidinha Medrado

O Coordenador da Universidade Cruzeiro do Sul Virtual, Polo Sertão, Ancelmo Furtado, esteve recentemente no programa Araripina urgente para anunciar que novos cursos, novas oportunidades já estão de portas abertas para que as pessoas possam ser beneficiadas através de cursos semipresenciais, é o Polo de ensino superior que mais avança na região do Araripe, a universidade tem diversos cursos, ele contou animadamente as inovações da faculdade.

“Hoje nós estamos chegando com muitas novidades e anunciamos cinco novos cursos, quatro deles, na área de Engenharia. Curso de engenharia elétrica, engenharia mecânica, engenharia mecatrônica e engenharia civil e nós estamos trazendo o nosso primeiro curso na área da saúde que vai ser de nutrição, primeiro na área da saúde para somar na região do Araripe e esses cursos já estão disponíveis nos polos de Araripina e de Ouricuri e logo logo em Salgueiro onde já está sendo instalada a Cruzeiro do Sul, os interessados já podem desfrutar desses cursos”, comunicou Ancelmo.

Ancelmo falou da importância dos cursos para os alunos do Sertão e revelou que o investimento é de quase R$ 500 mil em estrutura e laboratórios para aulas práticas.

“Eles vão ter aulas práticas, ao vivo, duas vezes por semana na nossa plataforma virtual que é uma das melhores do mundo e automaticamente o aluno terá encontros presenciais, é uma vantagem muito grande, ele vai estudar com os melhores profissionais, mestres, doutores do Brasil, os melhores profissionais, além de vir para os laboratórios práticos do polo para aprender”, explicou.

Segundo ela, a Cruzeiro do Sul Será uma das primeiras a oferecer o curso semipresencial e infraestrutura específica para cada curso. As pessoas que quiserem fazer os cursos nesta Universidade podem entrar através das notas do ENEM ou por vestibular agendado. A escola fica em frente à secretaria de saúde de Araripina ou em frente ao antigo Fórum perto da Praça Frei Damião em Ouricuri, ou podem entrar em contato com a equipe pelo WhatsApp 87999334452 .

“A escola continua oferecendo os cursos tradicionais como administração, pedagogia e diversas pós-graduação, além dessas novidades, isso tudo com preços excepcionais, nós estamos ofertando bolsas em parcerias com algumas empresas, algumas instituições no curso de engenharia e vai ficar pelo preço de um curso técnico, inclusive matrícula grátis, e mais 60% de desconto no curso inteiro, hoje engenharia ou nutrição está acessível para todos”, disse ele. Ouça a entrevista na íntegra:

Prefeitura de Araripina convoca classificados em Seleção Pública

Foto: Bruno Rostand

A Comissão do Processo Seletivo para contratação temporária de profissionais, convoca os candidatos abaixo relacionados, devidamente aprovados e classificados na Seleção Pública Simplificada com vista ao provimento de Função Pública, objeto do Edital do Processo Seletivo Simplificado nº 001/2021, a se apresentar no prazo de 05 (cinco) dias, a partir da publicação desse Edital, a sede da Prefeitura Municipal de Araripina, na Rua Coelho Rodrigues, nº 174, centro, Araripina – PE, no horário das 08h às 14h, a fim de apresentar a documentação exigida em Edital, necessárias ao processo de contratação ao respectivo cargo.

A prefeitura Informa ainda que os candidatos que não tiverem o interesse em assumir, deverão comparecer a sede da Prefeitura Municipal de Araripina, para assinarem o Termo de Desistência. Será considerado desistente o candidato que não apresentar ou deixar de entregar a documentação exigida, na forma e prazo estabelecidos. Clique no link abaixo para ver a lista:

1o-Edital-de-Convocacao-Selecao-Publica-Simplificada-Unificada-no-001.2021

Secretaria de Educação de Salgueiro reabre inscrições para contratação temporária de 57 professores

Foto: reprodução

As inscrições da Seleção Pública Simplificada nᵒ 001/2021, da Secretaria de Educação de Salgueiro, foram reabertas nessa quinta-feira, 22. São 57 vagas para professores da Educação Infantil e Ensino Fundamental (Anos Iniciais e Finais). Quem quiser participar do processo pode se inscrever até o dia 30 de julho na sede da Secretaria de Educação, localizada na Rua Inácio de Sá, Centro.

A seleção será realizada em etapa única, de caráter classificatório e eliminatório, levando em consideração análise curricular, com apresentação de títulos dos candidatos. Para isso, a secretaria designou uma Comissão composta por Maria Agarista (Diretora de Ensino), Arnaldo Ferreira (Diretor do Dom Malan), André Bezerra (Assessor Jurídico), Raphaela Hildita (Professora) e Fátima Monteiro (Professora).

De acordo com a Portaria nᵒ 584, assinada pelo secretário Marcelo Sá na última quarta-feira, 21, determinando a reabertura das inscrições, todos que já estão inscritos no processo seletivo não precisam se inscrever novamente. Um novo edital contendo alterações no cronograma vai ser publicado no site da prefeitura segunda-feira, 26.

A seleção havia sido suspensa por determinação da Justiça, mas a prefeitura recorreu e conseguiu autorização para dar continuidade.

Anvisa recebe pedido de uso emergencial de medicamento contra a covid-19

Foto: divulgação

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recebeu o pedido de uso emergencial do medicamento Sotrovimab, um anticorpo monoclonal para tratamento da Covid-19. O remédio não teve estudos clínicos conduzidos no Brasil até o momento, o estudo que suporta o pedido foi realizado globalmente e recrutou 1062 participantes, sendo 22 em centros de pesquisa brasileiros.

O diretor geral de medicamentos da Anvisa, Gustavo Mendes, explicou a ação do medicamento. “É um anticorpo, que é fabricado em laboratório para fazer a mesma função que um anticorpo produzido naturalmente, ou seja, neutralizar o vírus. E a proposta da empresa é que esse anticorpo consiga prevenir a hospitalização e mortes em até 85% se aplicados naqueles casos leves a moderados”, disse.

Os anticorpos são proteínas produzidas no organismo que ajudam o sistema imunológico a combater vírus, bactérias e câncer por meio do reconhecimento de antígenos. Com o avanço da biotecnologia, foi possível produzir em laboratório anticorpos monoclonais, ou seja, específicos para uma única região do antígeno.

A nova tecnologia tornou os anticorpos monoclonais importantes ferramentas de diagnóstico em diversos exames laboratoriais. Mais recentemente, os anticorpos monoclonais também têm sido aplicados de maneira promissora na terapia de diversas doenças, sendo largamente utilizados para o tratamento de diversos tipos de câncer.

No caso do coronavírus, o medicamento deve ser usado nos primeiros estágios da infecção. A FDA (Food and Drug Administration, autoridade sanitária dos EUA) aprovou o uso emergencial do Sotrovimab em 26 de maio.