Home Blog

O assunto é política: que rumo tomará Araripina em 2020 ?

0

Os ex-candidatos Tião do Gesso e Dr. Aluízio Coelho, que concorreram nas eleições de 2016 ao cargo de prefeito, estão sendo fotografados juntos constantemente. Apertem os cintos, o ‘jogo’ está apenas começando.

Por Roberto Gonçalves / Foto: reprodução WhatsApp

Uma foto vem chamando a atenção de quem gosta de debater política em Araripina. Reunidos em um restaurante da cidade (Etinho Lazer, Bar e Eventos), os ex-candidatos Tião do Gesso e Dr. Aluízio Coelho, que concorreram nas eleições de 2016 ao cargo de prefeito da maior cidade do Araripe, pareciam estar animadíssimos com o bate papo. Também participaram do encontro, vereadores da oposição e o ex-prefeito Alexandre Arraes.

Faltando pouco menos de dois anos para as eleições municipais, as cartas da política local já começam a serem postas na mesa. Pelo que se observa nas movimentações dos ‘jogadores’, é que, haverá um acordo para união de forças entre os dois candidatos derrotados em 2016. Diferente do que ocorreu naquela época, quando o governador Paulo Câmara tentou junta-los, mas em vão.

Para 2020 tudo pode acontecer, inclusive nada (tudo pode ficar como era antes). Pimentel, pela lógica, deverá ir para reeleição. Mas há de ser levada em consideração também, que, Araripina, hoje, conta nomes bem avaliados pela população e que tiveram boas votações nos últimos pleitos. Como exemplo, temos o atual presidente da Câmara de Vereadores, Evilásio Mateus, que por várias vezes já afirmou que não irá mais concorrer a um cargo no Legislativo. (seria o próximo vice de Pimentel ? E sendo, como ficaria a situação de Bringel Filho ?

Ainda temos o atual presidente do Crea-PE e ex-candidato a deputado federal no ano passado, Evandro Alencar, que além de ter obtido uma boa votação na cidade, é de uma tradicional família e parece que tomou gosto pela política. No mínimo deverá ser chamado para conversar sobre os rumos das eleições em 2020.

Correndo por fora, ainda temos grandes veteranos da política local, mas que podem fazer diferença em qualquer eleição. Podemos citar os ex-prefeitos Valdeir Batista, Dr. Valmir Lacerda, DR. Pedro Batista, Lula Sampaio, Emanuel Bringel, entre outros. Apertem os cintos, o ‘jogo’ está apenas começando.

Após repercussão de reportagem da TV Bahia, Chesf descarta riscos de rompimento em barragem de Paulo Afonso

0
Blog do Britto / Paulo Afonso-BA. (Foto: Reprodução)

Uma reportagem da equipe da TV Bahia no dia de ontem (23) mostrou a preocupação de moradores de Paulo Afonso, com a possibilidade de um rompimento da barragem. A matéria ganhou repercussão imediata nas mídias sociais e demais veículos de imprensa do Estado, o que levou a Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) se posicionar, por meio de nota, descartando quaisquer riscos desse tipo.

A nota, na íntegra, é a seguinte:

A Companhia Hidroelétrica do São Francisco – Chesf, considerando notícia divulgada na imprensa e em redes sociais a respeito da existência de vazamentos de água nas barragens de Paulo Afonso IV e Moxotó, presta os seguintes esclarecimentos:

Inicialmente ressalta que a Chesf lida e detém experiência, há mais de 60 anos, com barragens de grande porte que fazem parte dos seus empreendimentos hidrelétricos. Como parte das suas ações,  realiza um criterioso programa de manutenção das instalações, contemplando o devido monitoramento e inspeções nas estruturas civis das barragens, de acordo com o Plano de Segurança de Barragens, atendendo as exigências da Legislação Federal (Lei 12.334/2010) e Regulamentação ANEEL (Resolução 696/2015).

Com relação ao fluxo de água no dreno à jusante do dique da barragem de Paulo Afonso IV, no bairro Perpétuo Socorro, em Paulo Afonso, esclarece que não se trata de vazamentos e sim de água que aflora do solo. Ressalta que desde a construção da barragem, este fato é percebido e não caracteriza fator de risco. Isso tecnicamente é denominado de surgências, consideradas comuns em barragens. Conforme as inspeções realizadas periodicamente, o aumento da vazão ocorreu devido a lançamentos irregulares de esgotos domésticos no dreno existente. Apesar de não implicar em riscos para a barragem, a Chesf vem desenvolvendo esforços junto à prefeitura municipal no sentido de adoção de medidas pela mesma, de modo que os esgotos e as águas de chuva não sejam direcionados para o referido dreno.

Quanto à existência de água em dois locais à jusante da barragem de Moxotó, este fato, da mesma forma que na barragem de Paulo Afonso IV, não caracteriza anormalidade e nem representa riscos para a estrutura. A Chesf realiza, também, nessa barragem, inspeções e monitoramento permanente.

Portanto, as condições das barragens mencionadas estão conforme os padrões de segurança e critérios de projeto, não apresentando nenhum risco que possa comprometer a sua estabilidade.

Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf)

harmonie

Aeroporto de Serra Talhada ainda sem previsão de funcionamento

0

O Aeroporto de Serra Talhada ainda não tem data certa para começar a operar voos comerciais. Autoridades do Governo do Estado tentam articular junto ao Governo Federal o funcionamento do terminal, mas nada foi concretizado até o momento. Esta semana, a secretária estadual de Infraestrutura e Recursos Hídricos, Fernandha Batista, colocou o assunto em pauta novamente em Brasília.

De acordo com o Farol de Notícias, Fernandha conversou com representantes da Secretaria de Aviação Civil (SAC) e da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) sobre os aeroportos de Fernando de Noronha, Caruaru e Serra Talhada.

Na SAC foi recebida pelo diretor de investimentos, Eduardo Bernardi, e falou sobre propostas voltadas a melhoria na infraestrutura geral dos aeroportos, como o projeto de drenagem, terraplanagem e instalação de cerca patrimonial do campo de aviação de Serra Talhada. Os tópicos serão analisados pela secretaria.

Araripina será sede de distrito da ‘A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos dias’ (Os Mórmons)

0

Ricardo Cerqueira Leite (presidente Leite), esteve na última quinta-feira (21), no programa Araripina Urgente da Radio Arari M 90,3, falando sobre sua missão; ouça entrevista

Por Roberto Gonçalves / Foto: Blog do Roberto

O presidente da missão para criação do distrito de Araripina da ‘A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos dias’, Ricardo Cerqueira Leite (presidente Leite), esteve na última quinta-feira (21), no programa Araripina Urgente da Radio Arari M 90,3. Na oportunidade, o missionário falou da Conferência Especial que ocorre neste domingo (24), no Aplausos Shows e Eventos a partir das 11 da manhã, e, também, sobre a doutrina na qual é o representante da missão aqui na região.

“A nosso Igreja centraliza a sua doutrina em Cristo. Nós ensinamos que a nossa fé deve ser centralizada em Cristo. Quando nós temos fé em Cristo nós queremos seguir os seu modelo, os seus ensinamentos e o primeiro passo para fezermos isso é mudar nossa vida, é alinharmos nossa vida de acordo com os ensinamentos de Cristo, e esse passo nós chamamos de arrependimento”, frisou.

Com relação a criação do novo distrito que terá como sede a cidade de Araripina, o missionário explicou que englobará mais três cidades da região,. “Além de Araripina, nós temos a Igreja organizada em Salgueiro, Ouricuri e Trindade. E o que é esse distrito ? O distrito é uma unidade de apoio  e de treinamento da Igreja nessas cidades. Então teremos uma liderança apoiada pela Igreja na sede e que por sua vez vai prestar apoio aos outros lideres.”, disse.

Segundo o presidente Leite, os líderes são todos voluntários. “É importante dizer, que os líderes escolhidos deverão ser todos voluntários. Não há um clero remunerado. Eu por exemplo, sirvo por três anos e depois volto para minha cidade em São  Paulo, onde vou continuar com as minhas atividades”, explicou

A sede da A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos dias aqui em Araripina, no Sertão de Pernambuco, fica localizada na Rua Vereador José Arnold Campos, número 330, no centro da cidade. Confira a entrevista na íntegra:

neto

Homem diz que foi ameaçado por outro, com uma arma de fogo em um bar da Rancharia, zona rural de Araripina

0

De acordo com a 9ª CIPM, o fato aconteceu na noite desta sexta-feira (22), na Rua Felipe Lopes, naquela localidade

Por Roberto Gonçalves / Foto: reprodução

Um senhor de 58 anos das iniciais  R.C de A, informou a Polícia Militar que teria sido ameaçado por um homem conhecido como ‘Antonio de lurdes’. De acordo com a assessoria de imprensa da 9ª CIPM, o aconteceu na noite desta sexta-feira (22), em um bar da Rua Felipe Lopes, distrito de Rancharia, Zona Rural de Araripina.

Ainda segundo a PM, a vítima informou que estava bebendo quando o acusado teria chegado e o ameaçado com uma arma de fogo, não relatando os motivos. Foram feitas diligências, porém, o mesmo não foi localizado.

Diante dos fatos, a vítima foi conduzida a Delegacia de Polícia Civil de Araripina para prestar queixa.

postotrevo

Com mais de 27 mil candidatos, concurso da Prefeitura de Petrolina acontecerá neste domingo

0
(Foto: Ilustração)

Mais de 27 mil pessoas se inscreveram para o concurso da Prefeitura de Petrolina, que será realizado neste domingo (24), com vagas em diferentes níveis de escolaridade. O certame, lançado em novembro de 2018, disponibiliza 370 vagas, sendo 334 para a área da saúde e profissionais que atuarão na administração municipal, e ainda 36 vagas para professor de Libras e Braile da Secretaria Municipal de Educação.

O maior número de inscrições foi para o cargo de agente comunitário de saúde, que recebeu 5.274 inscritos. A seleção está sendo coordenada pelo Instituto de Apoio à Universidade de Pernambuco (Iaupe) e as provas serão realizadas pela manhã e tarde.

Atenção

No turno da tarde farão as provas os candidatos inscritos nos seguintes cargos: agente comunitário de saúde, agente de endemias, agente de inspeção sanitária, agente de vigilância ambiental, auxiliar de laboratório, condutor de veículo de urgência e assistente de criança (babá). Para todos os demais cargos, a prova será realizada no turno da manhã.

Pela manhã, os portões serão abertos às 7h e fechados às 8h. As provas serão aplicadas das 8h10 às 12h10. Já no período da tarde, os portões se abrirão às 13h e serão fechados às 14h. As provas iniciam às 14h10 e seguem até 18h10.

Os candidatos deverão ter em mãos um documento válido, oficial e com foto, e devem levar também caneta de tubo transparente e tinta azul ou preta. Conforme edital, não será permitida a entrada de candidato portando quaisquer materiais de consulta ou outros aparelhos eletrônicos, mochilas, bolsas, pochetes ou qualquer tipo de bagagem, relógio de qualquer espécie, capacete, chapéu, boné, boina ou óculos escuros. O resultado da seleção está previsto para ser divulgado no dia 18 de março. (Do Blog do Britto)

Na Arari FM, programa Debate Geral discute sobre “Os riscos de acidentes nos ambientes de trabalho”; ouça

0

Participaram do programa, o engenheiro de Segurança do Trabalho, Albério Feitoza Calado e o clínico financeiro Valdir  Alencar

Por Roberto Gonçalves / Foto: reprodução

O jornalismo da Rádio Arari FM 90,3 trouxe na manhã deste sábado (23), o 36º programa Debate Geral. Tendo como âncora o radialista / jornalista Roberto Gonçalves, o tema abordado foi “Os riscos de acidentes nos ambientes de trabalho”.

As avaliações quantitativas, as normas regulamentadoras, os Equipamentos Individuais de Proteção. Até que ponto investimentos em Segurança pode gerar retorno financeiro para uma empresa ?

Participaram do programa deste sábado, o clínico financeiro Valdir  Alencar, analizando a parte racional nesse tipo de ocorrência e o engenheiro de Segurança do Trabalho, Albério Feitoza Calado.

Ouça abaixo o programa na íntegra:

O Debate Geral vai ao ar todos os sábados sempre das 8:00 h às 9:00 h, logo após o programa Nosso Encontro, com comunicador Eridan Bem, na Rádio Arari FM 90,3. No próximo programa, dia 02 de março, o tema será: o carnaval do Tibungo Parque Aquático em Francisco Macedo-PI. Vale a pena conferir.

htnet

Governo declara que o MST “não existe”, encerra mesada e diálogo; veja o vídeo

0

O Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) não será mais recebido pelo Governo Federal para absolutamente nada.

Noutras palavras, o governo não reconhece mais a existência do MST ou de qualquer outra entidade que não tenha personalidade jurídica.

Nesse sentido, o novo Ouvidor Nacional Agrário do Incra, Coronel Souza Aguiar, já determinou a todas as superintendências do órgão que não recebam mais representantes de entidades que não possuam um CNPJ, caso do MST.

Perfeita a atitude do coronel. Inadmissível que o governo mantenha qualquer tipo de diálogo ou negociação com uma entidade “fantasma”.

Por outro lado, é necessário que se investigue como o PT repassou fabulosas verbas oficiais para o MST, durante o período em que esteve no (des)governo do país.

Sem dúvida, certamente está ai mais um crime cometido.

No vídeo abaixo, os comentários sobre o assunto de Felipe Moura Brasil, Augusto Nunes e José Maria Trindade:

Sem reforma na Previdência, País entraria em recessão no 2º semestre de 2020, diz governo

0

Analistas acreditam que reforma trará mais investimentos ao País / Agência Brasil

Analistas acreditam que reforma trará mais investimentos ao País
Agência Brasil / Estadão Conteúdo

A economia poderá entrar em recessão já a partir do segundo semestre do ano que vem se a reforma da Previdência não for aprovada. O crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2019, primeiro ano do governo Jair Bolsonaro, seria inferior a 1%. Até 2023, a economia continuaria em trajetória recessiva atingindo queda do PIB de 1,8%.

Caso nenhuma reforma fosse aprovada no horizonte de projeção, o crescimento anual do PIB tenderia a ser, em média, 2,9 pontos porcentuais menor nos próximos cinco anos em comparação com o cenário com a mudança das regras previdenciárias.

O diagnóstico é feito pela Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Economia em documento que mostra um quadro dramático para o Brasil na ausência da reforma. O documento foi preparado para mostrar a importância da aprovação da proposta enviada, na última quarta-feira, ao Congresso Nacional.

Com a reforma, o crescimento poderá saltar para 2,9% em 2019. A diferença de crescimento entre os dois cenários se concentra principalmente na expressiva deterioração da atividade, caso não seja aprovada a reforma da Previdência.

Para a SPE, o descontrole das contas públicas está na raiz da grave crise econômica pela qual o País vem passando. A deterioração fiscal é explicada principalmente pelo aumento dos gastos do governo com benefícios previdenciários. Na ausência de reformas estruturais, prevê a SPE, haverá cada vez menos espaço no orçamento para a manutenção de gastos públicos essenciais para o bem-estar da população (educação, saúde, segurança, saneamento) e a dívida pública inevitavelmente entrará em trajetória insustentável.

Emprego

Após a melhora no mercado de trabalho no ano passado, a equipe econômica alerta que a taxa de desemprego pode voltar a bater recordes caso a reforma da Previdência não seja aprovada. Uma nota informativa da SPE diz que a taxa de desemprego pode chegar a 15,1% em 2023 sem mudanças nas regras de aposentadoria e pensão no País.

Por outro lado, a aprovação da reforma poderia fazer esse índice cair a quase metade: 8,0%. Isso porque as alterações nas regras poderiam propiciar a criação de quase 8 milhões de empregos até 2023 – uma média de 1,33 milhão por ano. Esse potencial seria crescente, segundo as estimativas do governo.

Sem a reforma, a piora no mercado de trabalho seria efeito da recessão na economia brasileira, que também afetaria a renda per capita no País. Segundo a SPE, o custo da manutenção das regras atuais seria sentido pelos cidadãos.

Na ausência de reforma da Previdência, cada brasileiro receberia, em média, R$ 2,5 mil (o equivalente a 2,6 salários mínimos) a menos por ano nos próximos cinco anos. Esse custo (que usa como referência o PIB per capita a preços de 2018) tende a se elevar com o passar dos anos.

“Quanto mais a reforma da Previdência fosse postergada, maior seria o custo para a população brasileira”, diz o documento.

Na ausência de reforma, cada brasileiro chegaria em 2023 R$ 5,8 mil mais pobre do que no cenário com a reforma aprovada.

Taxa de juros

Sem a reforma da Previdência, a taxa de juros subiria drasticamente para 18,5% em 2023, prevê a SPE do Ministério da Economia. Já com a reforma, a taxa Selic poderá chegar em torno de 5,6% ao ano em 2023.

O diagnóstico, sem as mudanças nas regras previdenciárias, prevê um cenário catastrófico para a dívida bruta do governo, que entraria em trajetória explosiva. Isso porque o principal canal de transmissão por meio do qual a deterioração fiscal reduz a atividade e renda é a variação da taxa de juros, que impacta o endividamento público. No cenário sem reforma, os indicadores fiscais piorariam consideravelmente: o resultado primário do setor público consolidado continuaria permanentemente deficitário. Já com a reforma, diferentemente, são gerados superávits a partir de 2021.

Na ausência de reforma, a dívida bruta do Governo Geral seguiria em trajetória explosiva, ao passo que, no cenário de reforma, sem considerar receitas extraordinárias, ela começaria a declinar a partir de 2021.

Confira a nova proposta

postomagalhaes

Araripina: Motorista é detido pela PM por estar conduzindo carro em alta velocidade e com sinais de embriaguês

0

O jovem de 22 anos passava pela Av. Florentino Alves Batista, e não possuía nenhum documento de habilitação ou que comprovasse sua identidade

Por Roberto Gonçalves / Foto: reprodução

Um jovem das iniciais A.H.A.M de 22 anos, foi flagrado na noite desta sexta-feira (22), dirigindo um veículo Ford F-250 verde em alta velocidade, na Avenida Florentino Alves Batista, área central da cidade de Araripina, no Sertão de Pernambuco.

De acordo com a assessoria de comunicação da 9ª CIPM, o motorista quando foi abordado pelos policiais, não possuía nenhum documento de habilitação ou que comprovasse sua identidade, e ainda apresentava sinais de embriaguês.

O jovem juntamente com o veículo foram conduzidos a Delegacia de Polícia Civil de Araripina, onde foram tomadas as medidas cabíveis.

Tornozeleira para monitorar agressor de mulher é defendida por deputado Augusto Coutinho

0

Projeto de lei começou a tramitar na Câmara Federal e, se aprovado, vai permitir que vítimas requeiram na justiça o monitoramento dos agressores por sistema eletrônico

Assessoria de imprensa / Foto: divulgação

Agressores de mulheres poderão passar a ser monitorados por tornozeleiras eletrônicas, como forma de garantir que mantenha a distância mínima de dois quilômetros, já prevista em lei, da vítima. A medida foi proposta pelo deputado federal Augusto Coutinho (SD-PE), que apresentou, esta semana, um projeto alterando a Lei Marinha da Penha para incluir o direito da mulher agredida de requerer perante a justiça o uso da tornozeleira pelo criminoso.  “Quem já foi vítima de violência sabe o que é conviver com o medo de que o caso se repita. Usar essa tecnologia é forma de aumentar a segurança das mulheres”, disse o parlamentar.

O projeto, de número 903/2019, foi o primeiro apresentado por Augusto Coutinho neste mandato e a ideia veio de uma prática adotada há alguns anos em Pernambuco, quando um juiz entendeu que o uso da tornozeleira em agressores de mulheres poderia ser um sistema de alerta eficaz. “Tínhamos uma iniciativa que se mostrava exitosa no estado, mas era importante uma legislação que agasalhasse isso, dando o respaldo necessário, inclusive, para advogados de outros estados fazerem tal solicitação, caso achem preciso”.

Pela proposta, um sistema de alarme conectado à tornozeleira fica com a vítima e outro junto à polícia. Caso o agressor se aproxime da mulher agredida em um raio inferior a dois quilômetros ambos alarmes soam. Pela central de monitoramento, a polícia liga para o agressor avisando que ele se afaste, sob o risco de ser preso, e aciona as equipes que estiverem na proximidade. “É interessante, também, porque a vítima irá saber que está sob risco, podendo sair do local a tempo”, acrescentou o Augusto Coutinho.

O parlamentar defende que o projeto é viável, inclusive, financeiramente. “Todos os estados têm este aparelho e o custo para aquisição de novos não é algo que inviabilize o PL. Pelo contrário, é um investimento em uma política eficaz de combate à violência contra a mulher que pode, inclusive, minimizar outros custos do poder público”. Desde 2013, quando a medida passou a ser adotada em Pernambuco, mais de 700 homens passaram a usar tornozeleira.

taboril

“A ação da Prefeitura foi imediata”, diz Pimentel sobre vendaval que assustou araripinenses; ouça

0

“Em momentos como esse a gente não pode deixar a população desassistida”, disse o gestor araripinense

Por Roberto Gonçalves / Foto: reprodução

O prefeito de Araripina Dr. Raimundo Pimentel, disse nesta sexta-feira (22), no programa Araripina Urgente da Rádio Arari FM, que a ação da Prefeitura de Araripina para amenizar os estragos causados pelo vendaval que ocorreu ontem na cidade foi imediata.

“O nosso secretário de Infraestrutura Lucas Amorim, estava atento com toda nossa equipe monitorando, acompanhando e desobstruindo as vias. É claro, contando com o apoio importante do pessoal da Celpe, do Corpo de Bombeiros, prá gente poder voltar a normalidade, porque realmente foi um estrago considerável e a nossa ação foi imediata como tem que ser. Nosso papel é esse, cuidar bem dá cidade, e em momentos como esse, a gente não pode deixar a população desassistida”, disse.

O gestor araripinense respondeu algumas perguntas dos ouvintes e voltou a falar do combate as muriçocas. “O trabalho continua firme. Já deu uma impactada grande e realmente é um problema terrível. A gente sabe da situação do canal São Pedro, que mesmo que se combata, que se jogue veneno, é uma luta dura. A gente pede que as pessoas também nos ajude nesse trabalho, cuidando das suas casas e não jogando lixo nos terrenos baldios. Isso ajuda muito”, explicou.

Durante a entrevista, Pimentel deu também, o que ele chamou de duas boas noticias. A nova iluminação da Avenida Governador José Muniz Ramos (Perimetral) que teve seus cabos subterrâneos furtados e que está muito próxima de ser entregue a população com lâmpadas de LED, e a inauguração de uma ampla reforma que foi realizada na escola Eva Modesto, no distrito de Nascente. “Foram colocados até ar-condicionados nas salas de aula para conforto dos alunos”, comemorou o gestor. Confira a entrevista na íntegra:

zepelado

Proposta do presidente Crea-PE, que busca resgatar o protagonismo da Engenharia, é aprovada pelo Colégio de Presidentes

0

Em reunião do Colégio de Presidentes do Sistema Confea/Crea e Mútua , realizada na manhã desta sexta-feira (22), em Brasília, onde acontece o 8º Encontro de Líderes do Sistema, o presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE), Evandro Alencar foi autor da proposta, aprovada, por unanimidade, pelo colegiado que dispõe sobre a inclusão de Programa de Engenharia e Agronomia no PPA do Governo Federal e Governos Estaduais para atuação em obras ou serviços estruturadores de cada Estado da Federação.

Na defesa da proposição, Evandro Alencar lembrou que o Brasil vem assistindo há décadas o desmantelamento da sua Engenharia pública, onde os órgãos que antes detinham quadros técnicos de grande competência, tanto para projetar como para executar, estão, na sua quase totalidade, praticamente reduzidos, a contratantes de serviços de Engenharia. Somado a isso, também têm perda da grande representatividade e poder influenciador que a Engenharia Nacional já teve nas decisões estratégicas de investimentos na infraestrutura e áreas do desenvolvimento, tanto em nível federal como nos estados e municípios.

Evandro Alencar diz ainda que o Sistema Confea/Crea e Mútua não tem conseguido se inserir nos grandes debates de forma decisiva, vendo passar ao largo decisões que visam somente o lucro, grande e fácil, de grupos específicos, priorizando-se a politicagem ou, pior, a corrupção, que deixa um rastro de prejuízos para a sociedade, com obras caras, muitas vezes desnecessárias e quase sempre de péssima qualidade.

A proposta prevê que o Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), por meio da sua Assessoria Parlamentar em conjunto com as Assessorias parlamentares dos Creas, faça gestão junto aos poderes executivos em âmbito estadual e federal para a inclusão de projetos que visem atender às necessidades da sociedade por meio de obras e serviços prioritários de Engenharia e Agronomia a partir dos respectivos Planos Plurianuais (PPAs) cabendo a cada regional identificar e apresentar as quatro obras prioritárias em nível federal e mais quatro em nível estadual para constar ao menos uma a cada ano.

Como justificativa para o encaminhamento do pleito, Alencar avalia que é de responsabilidade do Sistema Confea/Crea e Mútua, enquanto Conselho fiscalizador das profissões da Engenharia, Agronomia, Geologia, Geografia e Meteorologia e Tecnólogos, buscar um maior engajamento nas questões sociais, realizando ações que levem respostas efetivas à sociedade. Não discute o importante papel da empresa privada, mas defende que a expertise e a capacidade do Poder Público no atendimento às suas próprias demandas é imprescindível, para que se tenha obras e serviços de qualidade, que atendam às demandas da sociedade e com o preço justo, e cumpram assim o papel de uma Engenharia competente, com o melhor resultado econômico e social, atendendo ao que a população espera da Engenharia e dos governos.

De acordo com o autor da proposta, regionais em diferentes partes do País, já atuam, dando respostas à sociedade, dentro das suas esferas de competência, e encaminhando às autoridades públicas locais suas contribuições para que adotem as providências sugeridas. No entanto, confessa que o posicionamento dos Creas diante dos poderes de governo, isoladamente, não possui tanta força e visibilidade, o que justifica a necessidade da participação conjunta dos Conselhos, enquanto Sistema.

Por fim, o presidente pernambucano diz que a sistematização de ações pelo Sistema Confea/Crea conferirá repercussão nacional, à medida que os Conselhos padronizarão sua linha de atuação, divulgando seus planos para conhecimento dos demais e para a sociedade, possibilitando, por conseguinte, a atuação conjunta frente aos gestores públicos de cada Estado.

Após a aprovação no Colégio de Presidentes, a proposição segue para votação no plenário do Conselho Federal. Para tanto, deverá utilizar como forma de ação a gestão para inclusão no Plano Plurianual (PPA) que é um instrumento previsto no art. 165 da Constituição Federal, destinado a organizar e viabilizar a ação pública, com vistas a cumprir os fundamentos e os objetivos da República. Por meio dele, é declarado o conjunto das políticas públicas do governo para um período de quatro anos e os caminhos trilhados para viabilizar as metas previstas. O PPA define as políticas públicas do Governo Federal para construir um Brasil melhor, com base nos compromissos firmados na eleição.

unipedra

Deputada reafirma comando de Mendonça Filho no DEM em PE

0
Deputada reafirma comando de Mendonça Filho no DEM em PE

A deputada estadual e presidente do Democratas no Recife, Priscila Krause, afirmou que o comando do partido em Pernambuco continua sob a batuta do ex-ministro e ex-governador, Mendonça Filho. Priscila destacou a história de Mendonça no partido, desde quando era PFL. “Como vice-presidente nacional do Democratas, Mendonça teve papel destacado na resistência do partido aos ataque feitos pelo então presidente Lula, que jurou nosso partido de morte”, lembrou.

A deputada destacou a atuação de Mendonça Filho como deputado e líder do partido, ao lado de Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, ACM Neto, prefeito de Salvador, Ronaldo Caiado, governador de Goiás e Agripino Maia no cenário político nacional. “A atuação conjunta de líderes políticos competentes como Mendonça garantiu ao Democratas não apenas resistir aos ataques do PT, mas consolidar-se como força política importante no Brasil e hoje ocupar a presidência da Câmara dos Deputados com Rodrigo Maia e do Senado com Davi Alcolumbre.

Priscila Krause disse, ainda, que Mendonça trabalhou muito para ampliar os quadros do partido no Estado. O ingresso dos Bezerra Coelho, com a filiação do deputado federal Fernando Bezerra Filho e do deputado estadual, Antônio Coelho, faz parte desse trabalho.

lafer

Jovem é preso por prática de tentativa de homicídio, em Ouricuri, no Sertão do Araripe

0

O suspeito foi conduzido à Cadeia Pública de Ouricuri, ficando a disposição da autoridade competente

Por Roberto Gonçalves / Foto e informações da PC de PE

O jovem Izaque da Silva Araujo, residente na Fazenda Milho Novo, zona rural de Ouricuri, no Sertão de Pernambuco, foi preso na tarde desta sexta-feira (22), por uma equipe Malhas da Lei, policiais da 201ª DPC e DENARC, sob comando do delegado Dr.Waldo Saraiva e  a coordenação da Delegada Seccional Dra. Katyanne Muniz.

De acordo com a Polícia Civil, o cumprimento ao Mando de Prisão aconteceu é da comarca de Ouricuri, e se deu por prática a tentativa de homicidio, no processo expedido pelo Dr. juiz Carlos Eduardo das Neves Mathias.

Ainda segundo a PC, após o procedimento de praxe, Izaque foi conduzido a cadeia pública de Ouricuri, ficando a disposição da autoridade competente. Essa é mais uma ação da Polícia Civil na cidade de  Ouricuri-PE, seguindo as diretrizes do Pacto Pela Vida no combate à criminalidade.

Com dengue há três dias, Gonzaga Patriota vai parar na UTI do Hospital Brasília, no DF

0

“Estou na UTI do Hospital Brasília, para ver se saio desta dengue que me derrubou desde terça-feira. Vou ficar bom, se Deus quiser”, disse.

Por Roberto Gonçalves / Foto: reprodução WhatsApp

Após as fortes dores que vem sentindo pelo corpo há três dias, e que não quer dar ‘tregua’, o  deputado federal pelo PSB de Pernambuco, Gonzaga Patriota, foi transferido para uma Unidade de Terapia Intensiva – UTI, do Hospital Brasíia, no Distrito Federal.

Gonzaguinha foi diagnosticado com dengue na última terça-feira (19), e de lá prá cá, já passou por duas unidades hospitalares do Planalto Central e continua sem receber autorização médica para ir continuar o tratamento em sua residência.

“Estou na UTI do Hospital Brasília, para ver se saio desta dengue que me derrubou desde terça-feira. Vou ficar bom, se Deus quiser”, escreveu o deputado sertanejo em uma rede social.

“Os pais são a maior autoridade na vida de seus filhos”, diz presidente do Conselho Tutelar de Araripina, em reunião escolar

0

O presidente do Conselho Tutelar de Araripina, Gustavo Carvalho, participou na manhã desta sexta-feira (22), de uma reunião com pais e alunos da Escola Municipal Luzanira Ramos. Na oportunidade foram narrados trechos fundamentais do Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA.

De acordo com Gustavo, e preciso realizar um bom trabalho para chegar ao final do ano letivo com resultados positivos.”Como vocês sabem, o ano letivo escolar está se iniciando, e, ao chegar ao final do ano, precisamos comemorar todos juntos bons resultados, afinal, estamos tratando do presente e principalmente, do futuro de nossas crianças.”, explicou.

Ainda segundo o presidente do CT, é preciso que os pais saibam que eles são a maior autoridade na vida de seus filhos. “Narramos trechos fundamentais do Estatuto da Criança e do Adolescente, colocamos o órgão mais uma vez a disposição da escola, dos pais e alunos, como também deixamos claro, que eles são a maior autoridade na vida de seus filhos”, frisou.

varejao

Em processo de negociação, a Associação Recreativa e Cultural de Araripina – ARCA, precisa se dobrar à realidade

0

Seus sócios-donos, maiores interessados num desfecho rápido, agora passam a contar com a pressão da sociedade

Por Ronaldo Lacerda / Foto: reprodução WhatsApp

CLUBE ARCA (Araripina) depois da tempestade de 21 de fevereiro de 2019 e de décadas de abandono. A antiga piscina é isto aí que vêem. O velho palco é só saudade. As quadras de cimento e areia, nem vestígios. Em processo de negociação, a Associação Recreativa e Cultural de Araipina precisa se dobrar à realidade. Seus sócios-donos, maiores interessados num desfecho rápido, agora passam a contar com a pressão da sociedade que antes também se ‘escondia’ atrás de 10 fileiras de tijolos para não ver a realidade nua e crua.

Caso o negócio com o pretenso interessado não venha a se concretizar, cabe à prefeitura usar o direito de preempção que lhe confere o estatuto da cidade para propor troca por outro terreno e, para o local, tão central e histórico, encontrar melhor destino, que pode ser uma bela Praça de uso múltiplo com espaço reservado para o futuro ‘Palácio Municipal’ – lembrando ao menos de longe o que fizeram em Recife na Praça da República, onde está o Campo das Princesas. Isto, se não sucumbirmos antes ao indomável poder do capital, que deve transformar o histórico lugar em Centro de compras com lojas âncoras.

Mas qual sócio não gostaria de ver agora ali onde brincou, dançou e se divertiu, um lugar Verde, bonito e aprazível para que seus netos e bisnetos possam também dar pulos de alegria e cambalhotas de liberdade? Toda escolha tem suas consequências. No caso do Clube Arca, ela será marcante independente do que seja decidido.

Ou teremos um belo lugar, verde, imponente, com um ‘Palácio Municipal’ ao fundo, cercado de palmeiras imperiais também imponentes, a ser gerido pelos governantes do futuro que sequer pisaram o Salão de Festas do velno ARCA; ou do contrário, teremos um moderno centro comercial, com lojas e prestadores de serviços predadores, que mais cedo ou mais tarde mudarão o destino do dinheiro do varejo e o jeito do povo gastar. Esta parece ser a decisão mais provável, e que certamente terá impactos no antigo Centro Comercial, hoje congestionado por carros que circulam sem disciplina e sem espaço.

Toda decisão tem consequências. No caso do ARCA, será tomada pelos herdeiros dos fundadores do clube e da cidade. Que cidade queremos ter? Como já disse bem antes o russo León Tolstói (1828-1910): ‘Se queres ser universal, começa por pintar a tua aldeia’.

ararifm

Confrontos na fronteira com a Venezuela deixam saldo de mortos e feridos

0

Um grupo de manifestantes tentou impedir a passagem do comboio / Foto: Nelson Almeida / AFP

Um grupo de manifestantes tentou impedir a passagem do comboio
Foto: Nelson Almeida / AFP / Com informações do UOL e do jornal Folha de S. Paulo

Opositores do governo Nicolás Maduro confirmaram a morte de uma mulher em confrontos na fronteira da Venezuela com o Brasil nesta sexta-feira (22). Outras 12 pessoas ficaram feridas. A região está bloqueada desde a noite da última quinta-feira (21).

Nicolás Maduro negou a ajuda humanitária que estava para chegar pela fronteira brasileira. O jornal Washington Post afirmou que um comboio militar se dirigiu a um ponto de controle próximo à comunidade indígena Kumarakapai por volta das 6h30.

Um grupo de manifestantes tentou impedir a passagem do comboio. Os militares abriram fogo contra as pessoas. Autoridades da oposição venezuelana confirmaram a morte da indígena Zorayda Rodríguez, 42 anos, e mais 12 feridos a tiros. A ONG Kapé Kapé, que atua com as populações indígenas venezuelanas, confirma mais um morto, Rolando García, que seria esposo de Zorayda, e outros três feridos, aumentando o número para 15.

Carmen Silva, uma das pessoas que participaram do bloqueio, afirmou ao Post que cerca de 30 moradores próximos foram ao local e sequestraram três soldados. Os ativistas pertencem ao grupo Pemones, que se uniu à oposição para receber ajuda humanitária dos Estados Unidos.

Socorro

A Secretaria de Saúde de Roraima confirmou que os feridos foram levados para Boa Vista, capital do Estado, que fica a 200 km de Pacaraima. A fronteira foi aberta para a passagem das ambulâncias.

O governo brasileiro disse que um avião com 23 toneladas de leite em pó e 500 kits de primeiros-socorros chegou a Boa Vista. A operação para a entrega da ajuda humanitária, coordenada pelos EUA, está planejada para ocorrer no próximo sábado (23). Motoristas e caminhões venezuelanos devem buscar as doações no lado do Brasil. Nenhum brasileiro participante da missão deverá cruzar a fronteira.

armazem