Início Notícias Serra Talhada: MPPE proíbe retirada à força de mendigos das ruas

Serra Talhada: MPPE proíbe retirada à força de mendigos das ruas

171
Foto: arquivo Farol

Ministério Público de Pernambuco proibiu a retirada forçada de pessoas em situação de vulnerabilidade das praças de Serra Talhada. A determinação foi publicada na manha desta quinta-feira (13), no Diário Oficial do MPPE.

No documento, o promotor Carlênio Mário Lima Brandão utiliza diversas normas legais que garantem a efetivação dos direitos das pessoas que moram nas ruas e reforça que como habitantes da cidade também são titulares ao bem-estar social.

Além da proibição, o MPPE recomenda que o executivo municipal promova, no prazo máximo de 120 dias, a elaboração de uma política pública para pessoas em situação de rua.

Veja também:   Seleção contrata na saúde para ST com salários de quase R$ 10 mil

O órgão ainda vedou o emprego de arquitetura hostil que dificulte o acesso destas pessoas aos serviços públicos.

PL NA MIRA DO MPPE

A ação do MPPE acontece após o Projeto de Lei 08/2024 do vereador André Maio tramitar na Câmara de Vereadores de Serra Talhada.

A polêmica proposta visa proibir que pessoas em situação de vulnerabilidade social residam nos espaços públicos da cidade.

O projeto de André Maio tentava, especialmente, evitar – com o uso da força policial – mendicância em locais turísticos como a Praça Sérgio Magalhães após reclamações de moradores e comerciantes.

Veja também:   Confira a previsão de hoje (18/04) para seu signo

Após discordância entre os vereadores e a prefeitura sobre o tema; uma reunião foi realizada no início de maio entre o poder legislativo, executivo e órgãos da segurança pública. (Farol de Notícias)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here