Início Notícias Sala do Empreendedor de Araripina recebe Selo Diamante em qualidade de atendimento

Sala do Empreendedor de Araripina recebe Selo Diamante em qualidade de atendimento

37
Foto: divulgação

A Sala do Empreendedor da cidade de Araripina foi certificada com o Selo Diamante em qualidade de atendimento concedido pelo SEBRAE Pernambuco. A cerificação máxima é um reconhecimento pela excelência na qualidade do atendimento aos micro e pequenos empreendedores araripinenses.

Atualmente, a equipe composta por dois Agentes de Desenvolvimento realiza mensalmente cerca de 200 atendimentos e acompanha regularmente com capacitações, treinamentos e orientações mais de 170 Micro Empreendedores Individuais dos segmentos de serviços de transporte escolar, serviços de transporte de água (carro-pipa), serviços de costura (fardamento escolar), comerciante locais (mercadinhos, lojas de roupas e acessórios), serviços de beleza, alimentação (quiosques da Praça do Hospital e lanchonetes) entre outros.

Por este grande volume de atendimento, a Sala do Empreendedor, que é vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de Araripina com apoio do SEBRAE, foi certificada com a nota máxima no estado de Pernambuco e irá receber, no dia 11 de julho, em Brasília, a premiação juntamente com outras prefeituras de todo o país.

Para o prefeito Raimundo Pimentel, o reconhecimento máximo em atendimento é uma grande conquista para a cidade, pois o funcionamento da Sala do Empreendedor garante apoio aos micro e pequenos empresários locais que desejam formalizar suas empresas e expandir os negócios. “Na nossa gestão sempre fazemos questão de prestigiar os produtores e empreendedores de Araripina seja na compra de produtos, bens ou prestação de serviços assim o recurso público é utilizado em favor do crescimento dos empreendimentos locais. Por isto, a Sala do Empreendedor tem um papel fundamental na formalização e apoio aos pequenos negócios”, destacou.

A avaliação do SEBRAE considera critérios quantitativos e qualitativo, e estes requisitos são convertidos em pontuação e na atribuição de qualidade ao serviço prestado pelos parceiros, incluindo também o uso das redes sociais, a divulgação de cursos e consultorias. Como também o auxílio aos micros empreendedores na participação em licitações públicas fortalecendo assim o comércio local.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here