Início Notícias Quebradeira nos restaurantes

Quebradeira nos restaurantes

622
Foto: reprodução

Por Magno Martins

Dos mais de 1 milhão de bares e restaurantes que existem no Brasil, mais de 300 mil fecharam as portas de vez por causa da pandemia do novo coronavírus. Na cidade de São Paulo, 30 mil dos mais de 70 mil estabelecimentos existentes fecharam, de acordo com uma pesquisa feita pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), só no ano passado. Em Belo Horizonte, onde o isolamento está sendo mais demorado, a proporção é bem maior.

Segundo a mesma instituição, cinco mil dos 12 mil bares e restaurantes de BH fecharam, ou seja, um a cada três deixou de operar. O mesmo aconteceu na cidade do Rio do Janeiro: 40% dos estabelecimentos deixaram de funcionar, ou três mil dos 10 mil estabelecimentos. Atualmente, 73% dos bares e restaurantes no Brasil que resistiram, já retomaram as atividades.

Desses, 18% estão atuando só com delivery ou comida para viagem. Cerca de 38% estão com serviço à lá carte e só 21% funcionam com o bufê. O faturamento está menor do que o esperado para 71% dos empreendimentos. As receitas estão em queda, uma vez que parte dos gastos dos consumidores se reduziu: para 39%, o tíquete médio por compra está igual ou maior do que antes da pandemia. Ou seja, 61% dos consumidores estão gastando menos.

Com a queda nas receitas, também cai o número de vagas oferecidas pelos bares e restaurantes. Cerca de 51% estão trabalhando com menos da metade dos funcionários que tinham antes de a reabertura ser permitida e 64% não pretendem voltar a contratar no momento, mesmo com o retorno às atividades.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here