Início Notícias Presidente do PDT de Araripina diz que Pimentel tem maioria na convenção

Presidente do PDT de Araripina diz que Pimentel tem maioria na convenção

119
Foto: reprodução

Em resposta à matéria publicada no Blog do Magno sobre um possível “bate-chapa” na convenção do PDT de Araripina, o Presidente da Executiva Municipal do PDT, Lucas Amorim esclareceu os seguintes pontos:

Segundo a resolução PDT 001/2024, que fixa normas partidárias e regulamenta a escolha de candidatos a prefeito, vice-prefeito, vereadores, formação de coligações majoritárias, define o tempo de duração e orienta formato de realização para as Eleições de 2024, apenas os membros da comissão provisória e os vereadores em mandato possuem direito a voto na convenção. Portanto, o vice-prefeito, legalmente, não tem direito a voto.

A informação de que o prefeito Raimundo Pimentel teria 6 votos e Evilásio 7 membros com direito a voto na convenção está incorreta.

Votos do prefeito: Lucas Amorim (Presidente), Renilda Vieira (Secretária), João Pedro Ferreira (Tesoureiro), José Ribamar (Secretário adjunto), Edilene Cordeiro (Vogal) e Rodrigo Cobrinha (Vereador). Total: 6 votos.

Votos do vice-prefeito: Rafael Sampaio (Vice-presidente), Erika Sampaio (Vogal), Evandro Delmondes (Vereador), Luciano Capitão (Vereador), Kaligia (Vereador). Total: 5 votos.

Em relação ao líder da bancada do PDT na Câmara Municipal, ao contrário do que é dito na matéria, ele não é escolhido pelos vereadores de mandato, mas sim pela direção municipal do partido, conforme previsto no artigo 11 parágrafo 2º do Estatuto Nacional do PDT.

Em resumo:

  • O vice-prefeito não possui direito a voto na convenção.
  • O prefeito Raimundo Pimentel tem 6 votos e Evilásio tem 5 votos.
  • O líder da bancada é escolhido pela direção municipal do partido.

Atenciosamente,
Lucas Amorim – Presidente da Executiva Municipal do PDT Araripina.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here