Início Notícias Prefeito de Araripina desabafa em coletiva e relata rompimento com vice-prefeito

Prefeito de Araripina desabafa em coletiva e relata rompimento com vice-prefeito

358
Foto: Blog do Roberto

Raimundo Pimentel revela detalhes de sua vida política e fala sobre planos para as eleições de 2024

Por Cidinha Medrado para o blog

O prefeito de Araripina, Raimundo Pimentel (UB), realizou uma entrevista coletiva de imprensa na manhã desta quarta-feira, dia 12 de junho, onde falou durante quase duas horas sobre diversos assuntos relacionados à sua vida política. Um dos pontos que mais chamou atenção foi seu rompimento com o atual vice-prefeito Evilásio Mateus, além de revelar detalhes sobre os planos para as eleições de 2024.

Durante a entrevista, Pimentel desabafou sobre os ataques que vem sofrendo nas redes sociais por um grupo político que, segundo ele, deseja destituí-lo da liderança em Araripina. O prefeito afirmou que a intenção deste grupo é transformar a cidade em um “curral eleitoral” e que sua liderança foi responsável por reerguer Araripina após um período conturbado.

O político também mencionou o rompimento com o vice-prefeito Evilásio Mateus, explicando as razões que levaram a esta decisão. Segundo Pimentel, o vice-prefeito se aliou a um grupo político de Petrolina com o objetivo de derrotá-lo politicamente e assumir o controle de Araripina. Além disso, ele anunciou que a secretária de educação Ana Paula Ramos, foi escolhida para disputar as eleições de 2024 com seu apoio.

Ao longo da coletiva, o prefeito fez um relato detalhado de sua relação com Evilásio Mateus, destacando os momentos em que o apoiou politicamente e pessoalmente. Ele ressaltou que, apesar dos desafios enfrentados, continuará lutando para que Araripina não retorne às práticas antigas que prejudicaram a cidade no passado.

A entrevista de Raimundo Pimentel trouxe à tona diversas questões importantes sobre a política local e seus planos para o futuro. Sua determinação em enfrentar os obstáculos políticos citados por ele, ficou evidente na entrevista, que certamente terá repercussões significativas no cenário político da região. Assista vídeo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here