Início Notícias Poder , Política e Bastidores I – 14 DE ABRIL DE 2015

Poder , Política e Bastidores I – 14 DE ABRIL DE 2015

632

Por Roberto Gonçalves – O Tirinete

Pesquisa ou enquete ?  – 

Companheiros de alguns Blogs da região, estão postando como notícia, uma ‘pesquisa’ que foi realizada em Araripina. Essas pessoas deveriam saber, que para se fazer uma pesquisa tem-se que trabalhar com metodologia, além disso registroa-la em um orgão competente, o que infelizmente neste caso não aconteceu, caracterizando-se totalmente como enquete, que pode ser manipulada ou não.

Pesquisa científica: é uma busca de informações, feita de forma sistemática, organizada, racional e obediente a certas regras.

Enquete: é uma pesquisa de opinião sobre uma questão qualquer, que envolve documentos, depoimentos, experiências pessoais etc.; sondagem; referendo.

 

Falha técnicaA Prefeitura de Araripina, através da Secretaria de Educação, conseguiu, em convênio junto ao Governo Federal a construção de 12 escolas nucleadas. Um investimento na ordem de R$20 milhões e que irá beneficiar, num futuro próximo, mais de 2.400 alunos do município. As obras, inclusive, já estão em pleno andamento.

Diante de uma conquista tão importante para Araripina, uma parcela da oposição preferiu ignorar os benefícios evidentes e atacar um erro meramente logístico, ocorrido na confecção de um outdoor que acabou, por uma falha técnica, com um carimbo informando que a obra estava concluída. Essa fatia da oposição, dessa maneira, mostra-se sistemática, perseguidorae revela seu verdadeiro objetivo: transformar o debate político numa rinha de galo, abrindo mão do embate construtivo, voltado ao futuro, para fazer uso de picuinhas que em nada agregam ao povo araripinense.

Greve – De acordo com levantamento feito pela Secretaria Estadual de Educação, neste primeiro dia de greve, 55% das escolas não paralisaram suas atividades, 23% pararam parcialmente e 22% paralisaram totalmente. Esses dados se referem às aulas do período da manhã. Já conforme o Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe), a paralisação atingiu 70% das escolas em todo o estado.Em Araripina a maioria das escolas funcionaram normalmente nesta segunda-feira (13).

Medicina – O analista Carlos Cezar Rodrigues declarou em alto e bom som que o município de Ouricuri não se inscreveu no último edital para concorrer ao curso de medicina privado. A afirmação foi proferida durante reunião em 08 de abril no auditório da Casa da Construção Home Center do Araripe, quando líderes políticos e sociedade civil organizada de Ouricuri discutiam a não contemplação do município.

Trindade  – O prefeito de Trindade, Dr. Everton Costa, recebeu (10) em seu gabinete, a gerente regional do SEBRAE, Lucélia Souza, os secretários municipais de Indústria, Comércio e Mineração – Charles Gerlane e de Obras – Lamarth Piancó para o fechamento da parceria da Semana de MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL que acontecerá nos dias 22 a 24 de abril na praça de eventos da cidade, em frente à Prefeitura Municipal.

Abandono – Em contato com o blog do Cariri Filho na manhã desta segunda-feira (13), um amigo do radialista Ferreira Neto, Ferreirinha como é conhecido no meio da comunicação do Araripe, declarou que a Prefeitura de Ouricuri abandonou o profissional no hospital, o qual é assessor da Prefeitura de Ouricuri. O comunicador sofreu acidente motociclístico no final da tarde do dia 06 de abril e desde então encontra-se na UTI do Hospital Regional Fernando Bezerra em Ouricuri.

Cozinha Brasil – A parceria entre a Prefeitura Municipal de Ouricuri e o SESI traz nesta semana para Ouricuri o Programa Cozinha Brasil. O curso de culinária tem início nesta segunda-feira, 13, e segue até a próxima sexta-feira, 17 no prédio onde funciona o anexo do IF Sertão próximo ao batalhão da Policia Militar, antiga sede da Secretaria de Educação.

Poder , Política e Bastidores II – 14 DE ABRIL DE 2015

Por  Inaldo Sampaio – Coluna Fogo Cruzado

O doleiro Alberto Yousseff contou à Polícia Federal ter feito depósitos bancários na conta de Márcia Danzi, nora de Pedro Corrêa, e do seu vaqueiro

Tem 36 páginas o despacho do juiz paranaense Sérgio Moro decretando a prisão do ex-deputado Pedro Corrêa por envolvimento na Operação Lava Jato. O juiz fundamentou sua decisão na delação premiada de Paulo Roberto Costa, ex-diretor de abastecimento da Petrobras e do doleiro Alberto Yousseff. No que toca a Paulo Roberto, não há novidade no despacho. O juiz limita-se a reproduzir trechos do depoimento dele confessando que era o “homem” do PP dentro da estatal e que transferia para os deputados do partido um percentual sobre os contratos celebrados com as empreiteiras que lhe prestavam serviços. Com relação a Alberto Yousseff, os grampos da PF revelaram que ele fez vários depósitos na conta de Márcia Danzi Russo (nora do ex-deputado), Ivan Vernon Torres Júnior (ex-assessor parlamentar) e Jonas Aurélio de Lima Leite (vaqueiro da fazenda de Corrêa em Brejo da Madre de Deus), mesmo após a condenação dele no processo do mensalão.

Mesada após a sentença do STF

Sérgio Moro diz ainda em seu despacho que após a cassação do seu mandato por envolvimento no mensalão Pedro Corrêa (PP) continuou recebendo uma “mesada” da cúpula do PP no valor de R$ 250 mil/mês como parte da cota a que o partido recebia dos contratos da Petrobras. Esses pagamentos foram realizados até a saída de Paulo Roberto da diretoria de abastecimento. Os pagamentos eram feitos em espécie ao próprio Corrêa ou em contas bancárias indicadas por ele.

Criatório – Pedro Corrêa embarcou ontem para Curitiba a fim de ser ouvido pelo juiz Sérgio com a linha de defesa na cabeça. Os depósitos bancários feitos em contas de sua nora, seu ex-assessor político e seu vaqueiro foram referentes à venda de caprinos e ovinos ao ex-deputado José Janene (PP-PR), falecido em 2010, que foi quem montou toda essa lambança dentro do PP.

Crítica – Do deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) sobre a ausência de Aécio Neves (PSDB) nos protestos do último domingo: “Ele divulga nota pedido ao povo para participar e depois se esconde”.

Arco – É melhor as bancadas estadual e federal tomarem conta do Arco Metropolitana do que o contrário. Mas convém não alimentar ilusão com essa obra enquanto o país não ajustar as suas contas.

Greve – O que dói em qualquer greve de professores é a situação dos alunos, que nunca mais terão repostas as aulas perdidas. Dizer que compensa depois é enganação, pois isso nunca se fez em PE.

Força 1 – O prefeito de Jaboatão Elias Gomes vai cuidar de três sucessões municipais no próximo ano: da dele próprio, que está concluindo o segundo mandato, da do Cabo de Santo Agostinho, onde deve lançar a candidatura do deputado federal Betinho Gomes (PSDB), e da de Ribeirão (Mata Sul).

Força 2 – No último final de semana, Elias (PSDB) lançou a candidatura do seu secretário de Ordem Pública e Segurança Cidadã, Elmo Freitas, a vereador no Cabo de Santo Agostinho e do vereador deste município, José Arimateia, a prefeito de Ribeirão. Elmo trabalha com ele há exatos 30 anos.

Pesquisa – O desgaste do PT e do governo afetou irremediavelmente a popularidade de Lula. Antes do final do mandato de Dilma, Lula foi apontado por 71% dos eleitores em pesquisa do Datafolha como o “melhor presidente” do Brasil em todos os tempos, superando inclusive Getúlio Vargas e JK. Esse percentual caiu para 50%. Significa que, candidato de novo em 2018, ele corre sério risco.

Revés – Ainda pode dar pra trás a fusão do PTB com o DEM por causa da resistência de pesos pesados dos dois partidos. No PTB são contra a fusão o ministro Armando Monteiro Neto, os três senadores e 90% da bancada federal, incluindo os quatro deputados de Pernambuco. E no DEM o maior opositor da fusão é o senador Ronaldo Caiado (GO), hoje a sua maior estrela política no Congresso Nacional.

Poder , política e Bartidores III – 14 DE ABRIL DE 2015

Por Claudio Humberto – Radar

14 de Abril de 2015

PP apoiará Dilma contra redução de ministérios

O Partido Progressista (PP), presidido pelo senador Ciro Nogueira (PI), um dos políticos acusados na Operação Lava Jato, deve ficar ao lado do Palácio do Planalto e votar contra a proposta que limita em vinte o número de ministérios do Executivo. A proposta é considerada uma das mais populares, mas a cúpula do PP avalia que o PMDB “joga para a torcida” e que o Legislativo não deve se meter nesse assunto.

Quem é o pai

A PEC 299/13, que limita o número de ministérios, é de autoria do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Ajuda aí

Com grande parte da executiva nacional enrolada no Petrolão, o PP acha que não é uma boa hora para divergir com o Planalto.

Blindagem

Ciro Nogueira será reconduzido à presidência do PP, como forma de deixá-lo mais “blindado” da Lava Jato, como antecipou esta coluna.

Surpresa

O PMDB surpreendeu ao propor redução de ministérios, contrariando o conceito de partido “fisiológico” que briga por cargos no governo.

Cartões corporativos: R$ 9 milhões em 3 meses

Apenas nos três primeiros meses do ano, o governo Dilma conseguiu gastar R$ 9,12 milhões com os cartões de pagamento federais, os “cartões corporativos”. Como sempre, a conta é nossa. A Presidência da República é quem mais gasta com cartões: R$ 2,8 milhões, dos quais 90% são sigilosos, sob a desculpa de “garantia da segurança da sociedade e do Estado”. A Abin gastou R$ 1,14 milhão em segredo.

Cartões à mão

Os ministérios da Justiça (com a Polícia Federal) e do Planejamento (com o IBGE) gastaram R$ 1,9 milhão e 1,3 milhão respectivamente.

Gastos modestos

O gabinete do articulador-geral do governo, Michel Temer, gastou modestamente, para os padrões Dilma: R$ 130 mil de janeiro a março.

A conta vai crescer

Os mais de R$ 9 milhões gastos pelo governo em 2015 representam despesas de apenas 24 dos 39 ministérios do governo Dilma.

TCU empaca pedaladas

O Tribunal de Contas da União abusa das desculpas para não julgar o processo sobre as “pedaladas fiscais” do governo Dilma. O procurador Júlio Marcelo de Oliveira considera crime a manobra com bancos públicos federais, atrasando benefícios para fingir superávit.

Enganação

Repórteres flagraram ontem manifestantes de aluguel de uma “Frente Nacional de Lutas”, de inspiração petista. Pobres diabos laçados na periferia de Brasília receberam um trocado, camiseta ou colete e boné.

Espelho meu

As relações entre o ex-deputado André Vargas e o publicitário Ricardo Hoffman, da agência Borghi/Lowe, que levaram ambos à prisão, foram reveladas nesta coluna, em primeira mão, no dia 6 de abril de 2014.

De Estado, não

Obama se dispôs a receber Dilma em visita de Estado, com pompa e circunstância, mas em 2016. É que os EUA só recebem duas visitas do gênero por ano, e as de 2015 estão reservadas para Japão e China.

Fora do rumo

Dilma atrapalha a articulação política de Michel Temer, que tem evitado temas polêmicos, ao criticar a redução da maioridade penal só para dar uma bajulada nos petistas. Ela deveria consultar as pesquisas, antes.

Saboia supera o PT

O Itamaraty diminuiu a lambança da punição ao diplomata Eduardo Saboia, acusado de fazer o que tinha de fazer mesmo, salvando um senador boliviano asilado há 455 dias na embaixada do Brasil em La Paz. Vai assessorar a Comissão de Relações Exteriores ao Senado.

O caneco é nosso

A campanha “A pegada do carnaval é usar camisinha”, de combate à Aids, que a agência Feeling fez para a secretaria de Saúde de Minas, foi considerada uma das melhores do mundo pela revista Archive.

Coxinhas

Pegou mal a aparição do senador Aécio Neves (PSDB-MG) na sacada de um prédio enquanto a população queimava sob o sol dos protestos. Até parece que o tucano teme o corpo a corpo com o eleitorado.

Dilma no Guiness

Em menos de um mês, Dilma foi alvo de uma coisa rara no mundo: duas manifestações com um total de 3,5 milhões de pessoas pedindo sua saída e chamando seu governo de corrupto. Um recorde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here