Início Notícias Patrimônio da Humanidade no Piauí sofre com vândalos e falta de apoio...

Patrimônio da Humanidade no Piauí sofre com vândalos e falta de apoio dos Governos Estadual e Federal

720
alt

alt

Em 2003, o Parque tinha 270 funcionários e hoje são menos de 100. Apenas neste ano, 33 pessoas foram demitidas.

O parque com mais sítios pré-históricos das Américas corre risco de ficar abandonado por falta de recursos. Sem fonte fixa de renda, o Parque Nacional da Serra da Capivara, em São Raimundo Nonato (PI), depende de repasses eventuais de governos, além de parcerias e doações. E o dinheiro recebido não tem sido suficiente para cobrir o custo anual de R$ 3,6 milhões. No ano passado, faltou cerca de R$ 1 milhão para fechar as contas.

Em 2003, o Parque tinha 270 funcionários e hoje são menos de 100. Apenas neste ano, 33 pessoas foram demitidas, e a manutenção e segurança da área ficaram ainda mais comprometidas. Incêndio e depredação são algumas das ameaças para os 1.223 sítios com arte rupestre – as pinturas que foram feitas em rochas e paredes de cavernas há milhares de anos. É a maior concentração do tipo no mundo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here