Início Notícias Dilma é a campeã de punições da Justiça Eleitoral entre presidenciáveis

Dilma é a campeã de punições da Justiça Eleitoral entre presidenciáveis

763
alt

alt

Até agora, candidata petista recebeu 17 sanções por propaganda irregular, contra 5 de Aécio e 1 de Marina

Desde que começou oficialmente a campanha, a Justiça Eleitoral tem aplicado uma punição a cada três dias, em média, a candidatos à Presidência da República por propaganda eleitoral irregular. Foram 23 até segunda-feira. A presidente Dilma Rousseff, candidata à reeleição, foi quem mais sofreu sanções até agora. A coligação de Dilma tinha sofrido até segunda-feira 17 decisões desfavoráveis por parte do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Na sequência, aparecem seus dois principais adversários, Aécio Neves (PSDB) e Marina Silva (PSB), respectivamente. Aécio recebeu cinco punições e Marina, uma.

Todos os casos se referem a ilegalidades cometidas na propaganda eleitoral no rádio, na TV ou na internet. Por enquanto, as punições foram em caráter liminar e no sentido de suspender ou exigir a correção de comerciais, panfletos e programas no horário eleitoral. Não houve a aplicação de multas.

As campanhas de Dilma e Aécio são as que mais recorrem à Justiça para contestar a conduta dos adversários. Dilma foi a mais acionada até o momento. As mais recentes sanções arbitradas contra ela foram em resposta a pedidos da campanha de Aécio por inserções veiculadas no horário eleitoral.

VISITA A POSTO DE SAÚDE FERIU LEI ELEITORAL

Em uma delas, a Justiça determinou que fosse retirada do ar a propaganda em que a campanha de Dilma referia-se a Aécio e seus apoiadores como “desesperados”. “Agora que terminou o programa dos desesperados, vai começar o programa de quem tem propostas para o Brasil seguir mudando para melhor”, dizia a propaganda, exibida no início deste mês no rádio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here