Início Notícias Valdir Alencar: ‘lideranças do setor gesseiro precisam de estratégias para garantir poder...

Valdir Alencar: ‘lideranças do setor gesseiro precisam de estratégias para garantir poder econômico’; ouça

141
Foto: reprodução

Por Cidinha Medrado

Destaque da economia do estado de Pernambuco, o pólo gesseiro da região do Araripe é responsável pela produção de 95% do gesso fabricado no Brasil, em reservas de gipsita suficientes para o equivalente a 500 anos de exploração. O Pólo Gesseiro do Araripe, abrange os municípios de Araripina, Trindade, Bodocó, Ipubi e Ouricuri, é a maior produção de gesso da américa-latina, mas precisa de maior atenção dos próprios investidores locais para reconhecimento dessa produção.

O Clínico Financeiro Valdir Alencar comentou no programa Araripina Urgente da Rádio Arari FM nessa quinta-feira (06), que as lideranças do setor precisam reunir estratégias diferenciadas para garantir o poder econômico que o próprio produto oferece, mas que não está sendo visto.

“Eu trouxe esse exemplo para Araripina. Em Salvador se reuniram 20 donos de supermercados médios, que criaram uma empresa juntos e toda essa parte de compra para os supermercados é feita por esta empresa, 20 sócios, 20 supermercados. Eles passarem a ter mais poder, para comprar o arroz, o vinho, juntos eles tem muito mais força, foi isso que eu falei com alguns líderes do gesso aqui na nossa região, porque Araripina é o maior produtor de gesso, mas quem está lá fora está melhor do quem está aqui dentro”, disse Valdir. Ouça:

O gesso é obtido por meio da calcinação (decomposição a quente) da gipsita. A produção média das calcinadoras é em torno de 3.000 t de gesso por mês. Os depósitos mais importantes de gipsita fazem parte da sequência sedimentar cretácea, que chamamos de Chapada do Araripe, situada nos limites dos estados de Pernambuco, Ceará e Piauí.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here