Início Notícias ‘Só falei a verdade’: Presidente da Argentina se recusa a pedir desculpas...

‘Só falei a verdade’: Presidente da Argentina se recusa a pedir desculpas por ter chamado Lula de comunista e corrupto

103
Foto: EFE/EPA/MARTIN DIVISEK

O presidente da Argentina, Javier Milei, afirmou nesta sexta-feira (28) que disse “a verdade” sobre seu homólogo brasileiro, Luiz Inácio Lula da Silva, e que não lhe deve desculpas.

Na quarta-feira (26), em entrevista ao UOL, o presidente brasileiro havia dito que ainda não conversou com o argentino desde a posse deste porque “ele tem que pedir desculpas ao Brasil e a mim” porque “falou muita bobagem”.

Durante a campanha para a eleição na qual venceu o peronista Sergio Massa, no ano passado, o libertário argentino havia chamado Lula de “comunista” e “corrupto”.

Em entrevista ao canal LN+ nesta sexta-feira, Milei rebateu. “Os que mentiram exigem que lhes peçam perdão porque alguém lhes disse a verdade? Devemos nos colocar acima dessas ninharias, porque os interesses dos argentinos e dos brasileiros são mais importantes do que o ego inflamado de um esquerdinha”, disse Milei.

“Qual é o problema de eu chamá-lo de corrupto? Ele não foi preso por corrupção? Eu o chamei de comunista, ele não é comunista?”, acrescentou o presidente argentino.

“Desde quando temos que pedir desculpas por dizer a verdade? Ou estamos tão doentes ​​de correção política que nada pode ser dito à esquerda mesmo quando é verdade?”, disparou, afirmando que Lula, assim como o presidente do governo da Espanha, Pedro Sánchez, e o colombiano Gustavo Petro, apoiou Massa na eleição argentina do ano passado.

“Você acha que Lula não fez coisas parecidas, ao se meter na nossa campanha eleitoral? As coisas que eu disse são verdadeiras”, argumentou.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de Lula e pediu um comentário do presidente sobre a declaração de Milei, mas ainda não obteve retorno. Esta reportagem será atualizada se houver resposta. (Gazeta do Povo)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here