Início Notícias “Previdência injusta e insustentável”, diz secretário do Ministério da Economia na Alepe

“Previdência injusta e insustentável”, diz secretário do Ministério da Economia na Alepe

70

Leonardo Rolim se manifestou durante a audiência pública na assembleia legislativa de Pernambuco

Por Inaldo Sampaio / Coluna Fogo Cruzado – 15 de maio de 2019

Leonardo Rolim, secretário de previdência do Ministério da Economia, declarou anteontem na Assembleia Legislativa que o sistema previdenciário brasileiro é o mais “injusto e insustentável” do mundo. Cerca de 15% dos aposentados ficam com quase 50% da receita previdenciária, ao passo que 60% dos inativos do INSS recebem apenas um salário mínimo, disse ele.

De fato, não é preciso ser expert no assunto para concluir que nosso modelo de previdência está esgotado e necessitando de reformulação. Nada obstante, o PSB que, em tese, é um partido socialista e declara ter compromisso com os mais pobres, é contra o projeto de reforma enviado ao Congresso pelo presidente da República. “Afronta os princípios programáticos do partido e ataca o sistema de seguridade social”, diz resolução do diretório nacional aprovada em abril.

O danado é que em matéria previdenciária a situação dos três estados administrados pelo partido – Pernambuco, Paraíba e Espírito Santo – é exatamente igual à da União. Ou seja, se não reformarem urgentemente os seus sistemas previdenciários, eles entrarão em colapso daqui a três ou quatro anos. Aí, seria o cúmulo da contradição ver o PSB a favor da reforma do governador Paulo Câmara e contra a reforma do presidente Jair Bolsonaro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.