Início Notícias Morte em Petrolina que pode estar ligada ao Baleia Azul é investigada

Morte em Petrolina que pode estar ligada ao Baleia Azul é investigada

67

O corpo da jovem de 15 anos apresentava cortes profundos nos braços e na região dos pulsos

JC Online / Foto: Reprodução

Na tarde desta quinta-feira (20), pescadores encontraram o corpo de uma adolescente de 15 anos boiando no Rio São Francisco, na região do Porto do Jatobá, em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. Segundo informações do 5º Batalhão de Polícia Militar, a jovem morava em Juazeiro, na Bahia, e estava desaparecida desde a última segunda-feira (17). De acordo com Rita Diniz, amiga da família, ela estava participando do desafio da Baleia Azul. Além desse caso, outros cinco estão sendo investigados em Pernambuco pela Polícia Civil e mais dois pela Polícia Federal.

O corpo da jovem apresentava cortes profundos nos braços e na região dos pulsos. Peritos do IML constataram que ela foi vítima de afogamento. Antes de morrer, ela teria deixado uma carta se despedindo da família e pedindo desculpas. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil da Bahia.

Sepultamento

O corpo da adolescente foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Petrolina e alguns parentes já estão cuidando da liberação. O enterro deve ocorrer nesta na manhã desta sexta-feira (21), no cemitério do bairro João Paulo II, em Juazeiro, Bahia. “A família está muito abalada”, conta Rita Diniz.

Desafio da Baleia Azul

O jogo, que teria surgido na Rússia há cerca de dois anos, consiste em uma série de 50 desafios diários, enviados à vítima por meio de um aplicativo de mensagens por um mentor ou curador. As tarefas, que podem estimular a automutilação e levar a comportamentos suicidas, são sempre repassadas durante a madrugada. O último desafio é tirar a própria vida. Até agora, oito estados, incluindo Pernambuco, têm casos que podem ter relação com o desafio.

Crimes

Segundo o delegado Jorge Ferreira, da Departamento de Polícia da Criança e Adolescente (DPCA) do Paulista, Região Metropolitana do Recife, os “curadores” do jogo podem responder por vários crimes, como lesão corporal, ameaça e indução ao suicídio.

Baleia Rosa

Como resposta ao jogo da Baleia Azul, publicitários de São Paulo lançaram o Baleia Rosa. Na página do Facebook, que já reúne mais de 87 mil seguidores, eles divulgam postagens otimistas e 50 tarefas que espalham o bem para quem pratica e para quem recebe a ação.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.