Início Notícias Mais de 90 municípios de Pernambuco não registraram assassinato em abril, diz...

Mais de 90 municípios de Pernambuco não registraram assassinato em abril, diz SDS

98
Assassinato

AssassinatoFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco

Depois de anunciar a queda no número de assassinatos no primeiro trimestre deste ano, a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco informou que a redução no Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) continua. Em abril deste ano, o Estado completou 17 meses consecutivos de queda em assassinatos – foram 309 homicídios contra 355 do abril anterior, uma diminuição de 13%. Além disso, 92 municípios pernambucanos – entre eles, Petrolândia, Lagoa dos Gatos, Lagoa Grande, Limoeiro, Macaparana e Caetés – e Fernando de Noronha não registraram nenhuma morte em seu território [confira a lista completa ao fim do texto].

“Chegamos a mais um mês de redução, prolongando uma série que, por sua extensão, já é uma marca histórica dentro dos 12 anos de Pacto pela Vida. Saímos de patamares de 550 CVLIs ao mês, em 2017, e mantemos uma constância na fronteira entre 200 e 300 homicídios”, comentou, por nota, o secretária o secretário de Defesa Social, Antonio de Pádua. “O trabalho segue firme e, somente no mês passado, as forças de segurança capturaram 220 homicidas”, afirmou, ressaltando abertura de um diálogo constante com as prefeituras, na Região Metropolitana e no Interior, para reforçar a necessidade de ampliação do trabalho preventivo. “Iluminação pública, ordenamento urbano, mediação de conflitos nas comunidades, educação, inclusão, oportunidades de qualificação e trabalho, esporte e lazer, entre outros fatores, são decisivos para objetivos mais ambiciosos na proteção à vida e promoção de bem-estar social”.

O recuo nos números dos homicídios em abril aconteceu na maioria das regiões de Pernambuco – a queda maior foi no Agreste, de 28,83% (de 111 em abril de 2018 para 79), seguido pelo Sertão, onde os casos caíram de 49 para 35 (28,57%). Na Região Metropolitana, sem considerar a capital, a retração foi de 15,69%, tendo reduzido de 102 para 86 ocorrências. Já o Recife contabilizou teve 37 mortes violentas em abril deste ano, número 19,57% menor em relação aos 46 de abril do ano passado. Em contrapartida, a Zona da Mata registou aumento do número de assassinatos: de 47 para 72 em números absolutos, alta de 53,2%.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.