Início Notícias Festas juninas contribuem para alta de 3,8% do comércio em cinco estados...

Festas juninas contribuem para alta de 3,8% do comércio em cinco estados do Nordeste

46
Foto: divulgação

A realização de festas juninas contribuiu para alta de 3,8% do comércio em cinco estados do Nordeste, de acordo com o Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA). O levantamento analisou o período entre os dias 1º e 24 de junho em comparação com período similar de 2023.

Entre os cinco estados analisados, o Maranhão apresentou o maior salto de vendas (+5,4%), seguido por Paraíba e Pernambuco (ambos com alta de 3,7%). Completam a lista o Rio Grande do Norte (+2,4%) e Alagoas (+0,9%).

Campina Grande é o destaque entre as cidades que organizam as festas mais tradicionais, com crescimento de 6,7%. Na sequência, estão Mossoró (RN), com alta de 4,2%; São Luís (MA), com 3,8%; Caruaru (PE), com 3,2%; e Maceió (AL), com faturamento 0,7% maior do que o ano passado.

“Historicamente as festas juninas são importantes datas para a economia nordestina. As cidades se preparam para receber turistas, promover shows e outros tipos de atrações. Essa ampla movimentação em torno dos festejos impulsiona diferentes segmentos do Varejo, como alimentação, lazer, turismo e transportes. Os dados demonstram a força das festas juninas para o comércio”, afirma Carlos Alves, vice-presidente de Tecnologia e Negócios da Cielo.

Setores

As festas juninas colaboraram com o faturamento do segmento de Turismo e Transporte nos estados de Alagoas (+6,1%), Maranhão (+4,2%), Rio Grande do Norte (+4,1%) e Pernambuco (+1,7%). Apenas na Paraíba houve retração de 2,0% no setor.

Já em relação ao segmento de Alimentação (Bares e Restaurantes), houve alta nos cinco estados analisados: Pernambuco (+6,0%), Paraíba (+3,2%), Alagoas (2,3%), Maranhão (0,9%) e Rio Grande do Norte (0,1%).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here