Início Notícias Eleições 2024: Em coletiva, vice-prefeito de Araripina, Evilásio Mateus, faz relato sobre...

Eleições 2024: Em coletiva, vice-prefeito de Araripina, Evilásio Mateus, faz relato sobre desentendimento com Pimentel

264

Por Cidinha Medrado para o blog

O vice-prefeito de Araripina, Evilásio Mateus (PDT), causou alvoroço ao revelar, em entrevista coletiva nesta quarta-feira (19), que votou 10 vezes no atual prefeito, Raimundo Pimentel, e na deputada Socorro Pimentel em diversas eleições. Em um relato emocional, Evilásio disse que dedicou anos de sua vida apoiando a gestão de Pimentel, lutando e trabalhando incansavelmente para garantir a vitória do atual prefeito.

O desabafo de Evilásio expõe as tensões políticas e divisões internas dentro do grupo, destacando a dificuldade de lidar com a separação de antigos aliados. O vice-prefeito enfatizou a importância da gratidão e da lealdade na política, reforçando seu compromisso com a honestidade e o respeito nas relações políticas.

“A gente não deve ir tirando pedra não, arrumando defeito. Eu queria muito isso, sofri muito, todo me dizia que isso não ia dar certo, que eu não ia ter esse apoio, mas eu não acreditava. Eu dizia: – Meu Deus será se não vai ser levado em conta isso, será se eu passei 22 anos dizendo sim, no dia que eu disse não, os 22 anos, não vai contar, não vão valer de nada”, lamentou o vice-prefeito.

A entrevista coletiva de Evilásio Mateus trouxe à tona questionamentos sobre a relação entre política e comprometimento, levantando debates sobre a confiança e a reciprocidade no ambiente político. A declaração do vice-prefeito promete causar repercussões significativas no meio político local, enquanto ele defende sua postura de transparência e fidelidade aos princípios que norteiam sua atuação.

“Dizer que não vota em mim, porque não confia, porque eu seria um desastre, é esse discurso. Confiou 22 anos para eu votar nele, aí um ano para ele votar em mim, não confiou. Vocês já observaram, diz isso com todo mundo que tá do outro lado, e não é de hoje”, revelou Mateus.

A notícia da quebra de confiança entre Evilásio Mateus e Raimundo Pimentel coloca em destaque as complexidades e desafios da política local, revelando as variações das relações partidárias e na condução dos interesses públicos. A decisão de Evilásio de expor suas decepções e expectativas traz à tona reflexões sobre lealdade, gratidão e para o cenário político, abrindo espaço para novos debates sobre o futuro da política em Araripina.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here