Início Notícias Crea-PE: 90 anos investindo no desenvolvimento econômico sustentável de Pernambuco

Crea-PE: 90 anos investindo no desenvolvimento econômico sustentável de Pernambuco

51
Foto: divulgação

Crea Pernambuco celebra nove décadas dedicadas ao crescimento do Estado, com bem-estar social e soluções a partir da engenharia, agronomia e geociências

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco completa 90 anos de existência em pleno vigor das atividades, de braços dados com a inovação e promovendo o desenvolvimento inclusivo e sustentável. O Crea Pernambuco nasceu em plena era de ouro do rádio, principal veículo de comunicação e conexão com o mundo. Hoje, nove décadas depois, o Crea-PE mergulha cada vez mais na tecnologia de ponta, investindo na qualificação dos profissionais, na modernização dos serviços e na defesa das obras estruturadoras e importantes para a economia de Pernambuco.

Orquestrando grandes obras

O Crea Pernambuco capitaneou o movimento Transnordestina Já, promovendo encontros de articulação política e com entidades de classe, movimentos sociais para a retomada da ferrovia. O foco principal é o trecho que impacta diretamente a mobilidade e a logística em Pernambuco. O Crea-PE tem atuado também na defesa de outros projetos relevantes para o crescimento do Estado, como o Arco Metropolitano, a Escola de Sargentos do Exército, a Refinaria Abreu e Lima e a duplicação da BR-232 até Salgueiro.

O Conselho tem lugar de fala ativo no desenvolvimento econômico do país, já que abriga os profissionais das modalidades da Engenharia responsável por um dos principais indicadores do crescimento econômico nacional, a construção civil. Hoje, o Conselho pernambucano registra a marca de mais de 46 mil profissionais o registro ativo, que garante uma força de trabalho apta para manter a economia aquecida.

Reforço na fiscalização

Paralelo a este protagonismo em temas de relevância para o desenvolvimento econômico sustentável, com destaque para o bem-estar social, o Conselho investe cada vez mais na segurança da população e dos seus profissionais com ações de fiscalização. Para isso, foram adotadas iniciativas de monitoramento contínuo, com cruzamento de dados e georreferenciamento, permitindo traçar um planejamento com resultados práticos. Comparando os resultados do número de ações de fiscalização realizadas entre 2021 e 2023, houve um aumento de 36,76%, superando a casa das 24 mil ações neste período.

Qualificação Profissional

A inovação é um caminho sem volta na gestão do Conselho pernambucano. O Crea Pernambuco lançou o programa Crea Qualifica para atender exatamente um dos principais pleitos dos profissionais: a qualificação continuada. O programa ofereceu gratuitamente cursos, seminários, workshops, nas mais diferentes áreas.

Todos os treinamentos capacitam os profissionais para as demandas exigidas pelo mercado de trabalho. E o que é melhor: os temas são escolhidos pelos próprios profissionais, contemplando as mais diversas modalidades e sendo realizados em todas as regiões de Pernambuco. Em torno de 3 mil participantes foram beneficiados pelo Crea Qualifica, que alcançou a marca de 6,3 mil inscritos, além de mais de 70 cursos, workshops e palestras também gratuitas para os profissionais registrados. A terceira edição do programa volta neste segundo semestre de 2024.

Valorização dos profissionais

A valorização profissional que vai além do acolhimento dos engenheiros, agrônomos e geocientistas. Passa por sua remuneração, com a vigilância constante ao pagamento do Salário Mínimo Profissional, em respeito à Lei Federal nº 4950-A. O Conselho vem frequentemente ouvindo seus profissionais e denúncias de descumprimento do teto, além de buscar ferramentas legais que assegurem um direito que é de todos os profissionais do Sistema. Entre os anos de 2021 e 2023, 37 medidas foram adotadas pelo Conselho para garantir o pagamento do Salário Mínimo Profissional. Destas, 21 administrativas e 16 judiciais.

Programa Mulher

A equidade de gênero é mais uma luta prioritária do Crea Pernambuco desde a primeira gestão, quando no primeiro ano do mandato já foi implementado o Programa Mulher Pernambuco. A iniciativa ganhará ainda mais protagonismo dentro das ações que serão realizadas durante este segundo mandato.

O programa está comprometido com o objetivo de desenvolvimento sustentável número 5 da agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU), que propõe alcançar a igualdade de gênero e o empoderamento de todas as mulheres. Num Estado onde 44% da população economicamente ativa são mulheres, a valorização feminina impacta na economia e no desenvolvimento de Pernambuco.

Retrofit da sede

Sonhar grande faz parte do DNA do Crea Pernambuco. Há pouco mais de 40 anos, realizou a conquista de sede própria. O prédio, inaugurado em 29 de março de 1982, trazia a solidez do concreto e vigas da importância do Conselho para seus profissionais, além das contribuições que a engenharia, agronomia, geociências e arquitetura – que fazia parte da entidade de classe – para a sociedade e desenvolvimento do Estado. Do alto dos seus 90 anos, renova o fôlego e arruma a própria casa, quando define que sua sede passará por retrofit, seguindo os mais modernos conceitos de sustentabilidade. O objetivo é oferecer, além da modernidade construtiva, conforto aos seus profissionais e aos visitantes que por lá passarem.

Crea-PE na palma da mão

Modernidade está presente nos serviços do Crea Pernambuco. Até porque, a tecnologia 4.0 vem trazendo facilidades para a vida pessoal, assim como inovação, customização e eficiência no mundo corporativo, seja na indústria, agricultura, comércio. A engenharia não ficou fora dessa realidade e o conselho tem acompanhado essa busca por melhores ferramentas e processos.

Dentro desta nova realidade, o Conselho está desenvolvendo um aplicativo que vai facilitar o acesso do público externo aos serviços oferecidos pela instituição. A previsão é de que ele esteja disponível até o fim deste ano. Utilizando o app, será possível acessar 61 serviços disponibilizados pelo Crea-PE de forma instantânea, como perfil profissional, acompanhamento de processos, registro profissional, registro de empresas, informações sobre inspetorias, denúncias, programas de qualificação, entre outros. Na primeira versão do aplicativo, ficará disponível ainda a carteira digital de registro do Crea. O futuro para o Crea Pernambuco começa hoje.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here