Início Notícias Coronavírus em Araripina: Se todos agirem de mãos dadas a crise deixará...

Coronavírus em Araripina: Se todos agirem de mãos dadas a crise deixará soluções

338
Foto: reprodução

*Por Ronaldo Lacerda

Tema do momento, o coronavírus por enquanto só assusta em Araripina. Mesmo assim, os transtornos psicológicos, financeiros, educacionais e de toda ordem já são visíveis e basta ver as ruas desertas e o pujante comércio e setor de serviços nocauteados.

As crises vêm sempre como freio de arrumação. Que ela sirva para deixar de legado muito aprendizado, muita união, hábitos saudáveis e sobretudo um melhor sistema de saúde. O Hospital Santa Maria precisa consolidar sua marca inquestionável de PAI dos necessitados e aflitos. Por outro lado, o setor gesseiro precisa atravessar essa longa caminhada de construção civil com ousadia, deixando um exemplo claro do quanto é versátil, rápido, duradouro e seguro. Se todos derem as mãos, empresas, prefeitura, estado e união, em poucos dias teremos uma emergência (de emergência) para o Hospital Santa Maria, toda em gesso, em local ventilado, versátil, prática e fácil de expandir.

O governo federal anunciou 88 Bilhões de Reais para enfrentarmos a crise. Que o coronavírus nos deixe de legado uma ampla Urgência na lateral do hospital Santa Maria de Araripina e não apenas sofrimento humano.

Arquitetos, engenheiros, empresários, prefeito, vereadores, governo, sociedade civil, se todos agirem  de mãos dadas e sem soberba, a crise deixará soluções e boa imagem para o motor da nossa economia que é o gesso, para que, além de salvar vidas com.uma solução inovadora e rápida, também consolisará sua marca e expandirá mercado com a retomada da construção civil.

O momento é para fortes e para ousados. Os que ainda nem nasceram e os que não podem mais se defender dependem de nós.

Sejamos serenos, sensatos, humanistas e sobretudo visionários.

O decreto do governo do estado impossibilitando o transporte de passageiros e até de mototáxi joga luz antecipada na ideia de transferir a mínima emergência do Hospital Santa Maria para a BR 316 onde existe um elefante branco à espera de solução. Não assim. Não fechando outro serviço e sim somando.  Há tempo para a UPA funcionar como UPA.  Agora pode funcionar como mais uma emergência 24 horas, com recursos do Decreto presidencial e de relocação. Jamais pode ser aberta fechando outro equipamento de fácil acesso e perto de tudo.

Juntos somos fortes. UNIDOS MAIS FORTES AINDA.

*Empresário e ex-secretário do município

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here