Início Notícias Base de Túlio Gadelha decide por filiação à Rede Sustentabilidade

Base de Túlio Gadelha decide por filiação à Rede Sustentabilidade

296
Foto: divulgação

A Rede Sustentabilidade desembarca em Pernambuco, neste sábado (18), para um ato de filiação de lideranças pernambucanas no partido. O ato acontecerá na Confederação das Associações Comerciais de Pernambuco, às 15h30. Estima-se que trinta candidatos irão preencher suas fichas para disputar as eleições de 2022 pelo partido que tem, como Porta-Vozes Nacionais, a ex-senadora Heloísa Helena e o Engenheiro Ambiental Wesley Diógenes.

O ato sinaliza a prioridade estratégica que Pernambuco terá para o partido nas eleições que se aproximam. Além da ex-senadora Heloísa Helena, estará presente no evento o senador Randolfe Rodrigues (AP), que ganhou destaque nacional após sua atuação na CPI da Covid-19.

Para o porta-voz nacional da Rede, Wesley Diógenes, este é o resultado orgânico do crescimento do partido. “Nós estamos em um partido que, por menor que seja no Congresso, estamos conseguindo atrair novos quadros pela nossa coerência, princípios e valores. Vai ser algo muito importante para o crescimento da Rede como um todo. Ter nossos grandes quadros no ato de sábado (18) mostra a importância que a executiva nacional vai dar para Pernambuco em 2022”, explicou.

Para o deputado Túlio Gadelha, essa é uma sinalização importante para o seu futuro partidário. “Nosso grupo político se movimenta com autonomia a partir da leitura que fazem do cenário político. A Rede é um partido fundamental para o Brasil, pelo programa, pela coerência, pelos quadros. Mas para continuar existindo, precisa ultrapassar a clausula de barreiras em 2022. Em Pernambuco mais de mil pessoas estão se filiando. Essa é uma sinalização que iremos considerar em 2022”.

De acordo com Direção Nacional, o partido tem feito um trabalho de atualização do programa, distribuindo-o em dezoito eixos temáticos e estratégicos para apresentar à sociedade em 2022. “Já fizemos encontros em que discutimos segurança pública, educação, meio-ambiente e cultura, por exemplo. Devemos finalizar todo o programa até janeiro”, pontuou o porta-voz nacional, Wesley Diógenes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here